Assine aqui para receber atualizações deste blog

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

DIA 02 DE FEVEREIRO É DIA DE IEMANJÁ - ODOIÁ!


Neste dia de Iemanjá achei justo fazer uma publicação com a imagem de seu lar, nosso lar.
Quem nunca ouviu dizer que "um mergulho no mar cura tudo". E não é que é verdade? Um mergulho no mar renova as energias.
Para nós, umbandistas, a natureza é essencial para nossas atividades. A natureza é a essência da vida e é ela que nos dá força para lutar, seguir em frente.
Esse final de semana eu vi um barquinho de isopor enfeitado com fitas perto da Ilha do Mel.
Então fica a pergunta: mais vale presentear Iemanjá com espelho, barco enfeitado, pente, perfume ou preservar nossa natureza? Acredito que uma simples oferenda feita de coração é muito bem recebida por nossa mãe.

Saravá,
Camila

11 comentários:

  1. As sereias se caracterizam, se definem, por seu canto: o «povo do mar» não pode ficar sem sons. Quem cantou o mar mais lindamente que Dorival Caymmi ?

    Olivia Hime - 2 de Fevereiro

    ResponderExcluir
  2. Conscientização ambiental é oq falta pro povo.
    Iemanjá merece suas águas limpas.
    Salve a rainha do mar.
    Roberta Santos

    ResponderExcluir
  3. Concordo com a Roberta. Precisamos nos conscientizar sobre a preservação da natureza. Uma simples oferenda, pode ser uma flor branca, uma vela algo simples, portanto que seja de boas intensões e de coração.
    Odoiá Iemanjá.
    Joao

    ResponderExcluir
  4. Coincidência, ou não, hoje abri uma notícia no UOL que falava da festa de Iemanjá em Salvador e lá constavaque havia recomendação da associação de moradores associações de moradores para que fossem utilizados apenas produtos biodegradáveis, já que na festa haviam cerca de 300 balaios com perfumes, joias, espelhos, entre outros objetos.
    Fica a reflexão.
    SARAVÁ,
    Camila

    ResponderExcluir
  5. si eu fiser uma entrega sem perfume e espelho não tem problema? só uma vela ajuda?
    marcio

    ResponderExcluir
  6. Márcio, na realidade o objetivo da entrega é você imantar o seu pensamento (seja pedido ou agradecimento) naquele momento.
    Neste caso, como a poluição ambiental é um problema mundial e não podemos contribuir com isso em nome da religião. Aliás, devemos usar artificios para colaborar com a preservação da natureza.

    Saravá,
    Camila

    ResponderExcluir
  7. Olá ! acompanho seu blogg, parabens pelo trabalho ! conheçam o meu !
    Muito axé !

    http://releituraumbanda.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Mãe Lucilia, Thiago e Camila - preciso perguntar!

    Dentre os chakras do corpo humano, durante as vibrações dentro do terreiro, existe risco em energizar o chakra do topo da cabeça? Pode? Não pode?

    Abraços!!

    ResponderExcluir
  9. Olá.. Camila..viu lendo esses relatos me veio uma duvida: esse ano ascendi velas em um espaço cavado na areia, tentei fazer em um local mais reservado e por isso consequentemente estava meio sujinho...até pensei que o "que vale é a intenção (boa)" sera que fiz o certo??

    ResponderExcluir
  10. Isso mesmo Jana, perfeita a tua colocação.
    Agora pense se fosse ao contrário, se você fosse em um lugar limpinho, no meio da natureza e você deixasse coisas lindas para ela mas que iriam poluir o meio ambiente. Isso também não combina.
    Acredito, e me desculpem os que pensam ao contrário (inclusive fica aberto o espaço para que discordem de mim, se for o caso), mas uma vela acesa de coração vale muito mais do que uma entrega enfeitada sem fé.

    Axé,
    Camila

    ResponderExcluir
  11. Godinho, esse é um fato complicado. A proibição que existe é para não colocar a mão no chackra coronário, já que é esse o chackra da comunicação com os espíritos.
    Consegui esclarecer tua pergunta??

    Camila

    ResponderExcluir