Assine aqui para receber atualizações deste blog

terça-feira, 25 de agosto de 2009

BALEIA E PEDRA SAGRADA



Na Bahia, exatamente no rio Paraguaçu em Cachoeira, existe um lugar sagrado que é usado para oferendas. O pessoal da região diz que Mãe Menininha quando viva usava muito este lugar para seus amalás. O grupo do terreiro do Pai Maneco esteve lá para jogar flores para mamãe Oxum.
Nesta mesma viagem tive oportunidade de fotografar duas baleias na região de Morro de São Paulo. Comparando as duas fotos se entende porque desta pedra chamar-se Pedra da Baleia. Confiram. Lucilia Guimarães.


10 comentários:

  1. Por isso a Umbanda enfrenta os arpões,
    a poluição e a matança...
    Por isso é ecológica e cósmica.
    Saravá Mamãe Natureza!
    Parabéns a fotografa!
    abracos
    Sidney Oliveira (Curitiba-PR)

    ResponderExcluir
  2. Parece mesmo uma baleia subindo à superfície para respirar. A pedra deve ter sido colocada ali por Xangô, para enganar os matadores destes grandes mas indefesos cetáceos.

    Odoyá Mãe Lucília! Belas fotos!

    ResponderExcluir
  3. Mauro Monteiro - Rio de Janeiro26 de agosto de 2009 01:06

    Salve Lucilia...
    Foi muito legal aquele momento...
    Simples, com muita energia e devoção...
    Boas ( excelentes ) fotos !

    E as outras que tirastes ?

    Quero ver, quero ver !! rsrs...

    Saravá !!!

    ResponderExcluir
  4. Este momento foi mágico,a emoção foi muito grande.
    É muito legal ver ela fotografar,o carinho que ela tira as fotos e não perde nem um detalhe é impressionante.
    Saravá Mãe Lucilia.

    Dede (TPM-CTBA-PR)

    ResponderExcluir
  5. Aline - Morro de Sao Paulo - Ba26 de agosto de 2009 09:05

    Ai Lu,
    Que saudades!!!!!
    Sarava!

    ResponderExcluir
  6. Realmente incrível!
    Tivemos a oportunidade de nadar junto com duas baleias, mãe e filha, aqui na frente de casa semana passada.
    Todo anos elas dão um show a parte aqui na frente.
    Enquanto os meninos se arriscavam chegando perto a ponto de tocá-las, eu pensava comigo na areia, claro... Por quantos lugares uma beleia dessa já nadou, ela conhece o mundo todo!
    Será que elas se sentem protegidas aqui com os amalás dos Filhos do Pai Maneco que ali foram firmados?
    Saravá mainha!

    ResponderExcluir
  7. Ai que saudades!
    Foi mágico!

    Essa pedra tem uma lenda...que Iemanjá, sentindo seus filhos desprezados e humilhados no Recôncavo Baiano, sai da África e atravessa o Atlântico em forma de baleia. Chegando em Cachoeira, petrifica-se.

    Saravá!!!

    ResponderExcluir
  8. Que imagem maravilhosa!!! Lindo! Lindo! Lindo!!

    Beijinhos, Dê

    ResponderExcluir
  9. Didi - Maarau - Bahia30 de agosto de 2009 13:03

    Salve Mainha....saudades...

    ResponderExcluir