Assine aqui para receber atualizações deste blog

sexta-feira, 17 de julho de 2009

TEMA LIVRE -11-

Estou criando o Tema Livre 11 para facilitar a leitura. FMG

159 comentários:

  1. Carlos
    Mais um pouco do cruzeiro do sul...
    Tem uma historia sobre crianças de Yemanja representadas pelo reflexo do cruzeiro do sul no mar. Parece-me, inclusive que ha lendas africanas sobre isso tb.
    Abraços
    Sidney

    ResponderExcluir
  2. Olá Pai Fernando.
    Vai uma ótima notícia...


    Noticia - Candomblé e Umbanda patrimonios do RJ
    O candomblé e a umbanda foram declarados patrimônios imateriais do Estado do Rio de Janeiro. A lei foi sancionada pelo governador em exercício Luiz Fernando de Souza Pezão e publicada ontem (16/07/2009) no Diário Oficial. O projeto foi proposto pelo deputado Gilberto Palmares (PT).

    A Comissão de Combate à Intolerância Religiosa comemorou a notícia nesta sexta. Para Jorge Mattoso, secretário da comissão, a lei vai ajudar a diminuir o preconceito.

    - Para a gente foi muito importante. Vai significar um resgate da auto-estima e elevar o respeito frente a atos de intolerância religiosa. Isso vai abrir portas, pois vamos poder fechar convênios com várias entidades.

    Mattoso espera que a lei estadual ajude na aprovação de uma lei federal. A comissão fez um encaminhamento do pedido, durante a 2ª Conferência de Igualdade Racial, realizada em junho, em Brasília.

    FONTE: O GLOBO. COM

    Axé para o tema 11!

    ResponderExcluir
  3. Luna, apesar da grande noticia. acho que não deviamos mais nos incomodar com o preconceito, porque temos duas armas poderosas que devemos usa-las antes de reclamar: 1 - nossa religião só pratica o amor e a caridade e o povo já está reconhecendo isso.
    2- qualquer discriminação vamos dar queixa na delegacia que eles vão em cana. FMG

    ResponderExcluir
  4. Pai Fernando
    Sou filha da Casa do Pai Maneco a mais de 1 ano, comecei na gira de Pai Miguel , passando pela gira de Pai Léo agora me adaptei a Mãe Jô. Estou feliz e sempre procuro pesquisar e estudar sobre esta religião maravilhosa que é a Umbanda, nem gosto de me referir a religião e sim "opção de vida". Mas enfim , virei blogueira e não passo um 1 dia se quer sem entrar aqui, sinto todas as pessoas aqui como parte integrante do me conhecimento, atraves de relatos e perguntas. Sei que o Sr não gosta de "purpúrinas" mas, tenha a certeza que a Umbanda hoje com 100 anos , já tem um marco na sua historia "Pai Fernando" hoje e sempre lembrado como referencia na Umbanda.
    Mas agora vai a minha pergunta :
    A Umbanda praticada no Pai Maneco é a Umbanda Pés no chão a qual o Sr se refere sempre ?
    Porque pesquisando verifico várias como exemplo : Umbanda Omoloko, Umbanda branca, Umbanda Esotérica.
    Afinal, ja fui em outros terreiros em que os Pai de Santo sairam do Pai Maneco e seguem o mesmo trabalho.
    Abraço Fraterno

    ResponderExcluir
  5. Lisangela, que bom que vc faz parte de nosso aprendizado. Com referencia a purpúrinas ou canivetes, aprendi a lidar com isso e nenhum deles me incomoda. Eu acho que quando se cria uma designação para a Umbanda, na verdade são criadas duas, ou seja, o inverso. Por exemplo: Umbanda Branca, foi uma parte da religião discriminada como sendo Umbanda Preta; a Umbanda Esotérica criou uma elite com um baita desaforo a quem ficou de fora, ou seja, nós do povo comum; Umbanda Pés no Chão é a que vive na realidade, sem separações, sem preconceitos, em busca da verdade, quebrando misticismo e prepotencia, trazendo ao chão fantasias criadas poelo povo e estudando a umbanda dentro de uma ótica racional. FMG

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde a todos.
    Pai Fernando,
    Gostaria que o senhor comentasse um pouco sobre os caboclos da falange do Caboclo Ubirajara. Qual a relação desses caboclos com as araras?
    Hoje li um texto atribuído ao Caboclo Ubirajara e fiquei muito emocionada.
    Abraços.
    Tatiana

    ResponderExcluir
  7. Tatiana, eu não sei explicar a história do Caboclo Ubiraja, mas como ele é uma entidade que trabalha praticamento em todos os terreiros do Brasil, vamos ficar aguardando os comentários do pessoal que lê o Blog. Vc também deve publicar a história que te emocionou. FMG

    18 de Julho de 2009 19:18

    ResponderExcluir
  8. Pai Fernando. Gostei muito da sua resposta sobre as " Umbandas"
    A Lisangela é uma exelente estudiosa da doutrina. E acredito que os estudos dela irão ajudar muito dentro do trabalho mediúnico.

    Eu particulamente acredito que essas junções de filosofia dentro da Umbanda teve muito haver com a falta de conhecimento e da aceitação com uma religião que tem em partes o lado Africano.
    Mas acredito que isso teve muito mais haver com " Pais de santos" inescrupulosos que fazia da religião um grande comércio. Como ainda hoje tem. Porêm hoje com os estudos, com as informações chegando a jato. Acredito que com o tempo mudaremos esse estigma que ainda temos.
    Então vou te fazer uma pergunta pai Fernando...

    Existe uma Umbanda certa?
    Ou somente a Umbanda que cada casa pratica?
    Sem dizer que a Umbanda tem como base a caridade ao próximo.
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  9. Pai Fernando,
    A mensagem que mencionei segue abaixo:
    NÃO DESISTAS...
    Caboclo Ubirajara – Peito de Aço
    Por mais longa que seja a caminhada...
    Por mais íngreme que seja o caminho...
    Por mais pedras e obstáculos que possas encontrar...
    Não desistas!
    A convicção na certeza de alcançarmos nossos objetivos, nos fará suportarmos todas as intempéries e incertezas que o futuro nos indicar.
    Pois, somente assim, ao raiar de um novo dia, conseguiremos ver a brilhante luz do sol, e sentir o calor que só ele produz, a aquecer-nos o coração enrijecido pela noite fria da incerteza e da dúvida.
    A confiança no Pai Oxalá, fará com que caminhemos resolutos para o futuro, em busca de nossos objetivos, cumprindo nossas tarefas e, a cada irmão de caminhada estendendo a mão, e doando-nos sem olhar a quem, para quem ou por quem.
    Somente assim, diante das provas emergentes que nosso passado nos encaminha à restauração, através do abençoado cadinho da purificação moral, e no agasalho material do corpo, poderemos, como a fênix, ressurgir das cinzas do nosso passado tenebroso, reparando todo o mal que fizemos, e plantando, a cada dia seguinte, a cada instante futuro, a semente do amor ao próximo.
    Sigamos em frente, amigos, lado a lado, e através da dedicada e valorosa e indispensável ajuda aos nossos irmãos de caminhada, estendamos-lhes as mãos, a fim de que, na ajuda prestada, também possamos nos ajudar ainda mais, resgatando, assim, nossos débitos pretéritos.
    Que o abençoado mestre Oxalá, a todos permita, alçando-nos a novas paragens mentais de regeneração, sejamos mais úteis ao próximo que a nós mesmos, e que assim o fazendo, possamos compreender em definitivo, a grandeza da oportunidade que Dele estamos recebendo.
    Muita paz,

    Resolvi buscar informações sobre o Caboclo Ubirajara, depois que vi no site do Terreiro Pai Maneco um ponto do Caboclo Ubirajara que fala do penacho de arara. O ponto me chamou a atenção pois na última gira de caboclos fiquei com uma imagem muito bonita de um índio andando em uma floresta com árvores muito altas, nesta floresta tinham araras e o sentimento deste índio pelas aves e por toda a floresta era de muito respeito. Era um índio com uma arco muito grande, e para atirar a flecha ele deitava no chão e usava as pernas para segurar o arco....acho que não consegui descrever exatanemte o que vi. No final da gira, nesse mesmo dia, a Mãe Jô me perguntou do que o Caboclo gostava ....na mesma hora pensei (e vi) de araras...de ficar na espreita na floresta...
    enfim foi isso que me levou a perguntar sobre o Caboclo Ubirajara para o senhor, a curiosidade..
    Abraços.
    Tatiana

    ResponderExcluir
  10. Boa noite para o Sr. e para todos os amigos do blog!!!!

    Pai Fernando, para que "serve" o pano de cabeça??? :o)

    Beijinhos carinhosos, Dê

    ResponderExcluir
  11. Luna, Umbanda é uma só, e dentro dela existe a diversidade. Cada Casa tem seu ritual, mas claro que obedecendo fundamentos que já foram consagrados,como amor ao próximo, caridade, manifestação dos espiritos na matéria, constituição básica de um Terreiro e por aí vai. Um novo fundamento que está quase consagrado é a nacionalidade da Umbanda como religião brasileira. Cobrar e usar o sangue como elemento de trabalho ainda tem que ser debatido. Essa diversidade eu acho admirável porque isso trás ao povo a capacidade individual de cada dirigente e sua casa,tanto que tem pessoas que não gostam de uma casa e frequentam outra e vice versa. A busca da notabilidade ou quem sabe o desconforto de ser só povo fazem que pessoas se intitulem com rótulos de diferenciadas e tragam uma novidade na prática comum da Umbanda denominando esotéria (elite que faz as coisas escondidas) branca (para mostrarem que não fazem trabalhos de magia negra) sagrada (querendo fugir da simplicidade e se auto elogiarem como puros) e assim por diante. Então eu acho que toda a Umbanda é certa, muito embora todas elas tenham defeitos, como qualquer religião.Não devemos esquecer que quem faz as religiões são os homens e não a divindade diretamente. E como o homem é imperfeito, seria impossivel ele praticar a perfeição. FMG

    ResponderExcluir
  12. Olá Pai Fernando! Obrigada pelas respostas!
    Estava lendo sobre as diversas formas de se fazer a nossa Umbanda e eu mesma conheci duas formas de se fazer e uma dúvida me surgiu nesta semana em qual casa dedicar, já que na visita que fiz á casa que frequentava todos me disseram que queria que eu estivesse lah!
    São dois extremos: uma trabalha com exús basicamente a a outra mais com a linha da direita! A primeira na qual conheci a religião e a segunda na qual hoje trabalho.
    Conversando com Sr Marabô, ele percebeu esta minha dúvida e amor e me disse assim: "são vários focos de luz. São formas diferentes de se fazer, mas o objetivo e a luz maior é a mesma: nosso pai Oxalá! Sinta-se á vontade´p/ vir em nossa casa! As portas estão sempre abertas á você!"
    Pai, o senhor acha que de alguma forma eu trabalhar em uma casa e frequentar a outra possa me trazer algum tipo de problema? Até mesmo porque tenho imenso carinho pelas duas.
    Mas a dúvida e o amor pela nossa religião e por estas duas formas meio que diferentes de se fazer estão me deixando muito confusa!

    Silvinhá!

    ResponderExcluir
  13. Assim como a Umbanda e o homem ... um so!
    separar por cores, credos, posses ou origens foi pura invencao... Que tem a razao maior de de oferecer o poder para uma minoria e a ilusao para a grande maioria. Bobagem pura somos uma so raca... a HUIMANA.
    Um otimo domingo a todos!
    Sidney

    ResponderExcluir
  14. Denise, o pano de cabeça inicialmente serve para cobrir a cabeça no dia do Amaci e também para quando vc precisar bater a cabeça vc deve bater em cima do pano. Faz parte do ritual. FMG

    ResponderExcluir
  15. Silvinha, vc fazer parte de uma como médium e frequentar a outra, desde que com a poermissão dos dirigentes, nada errado. Mas fazer parte das duas como médium de corrente não está certo, só porque na casa que vc trabalha tem a energia propria e pode atrapalhar. FMG

    ResponderExcluir
  16. (Afrânio)

    Boa tarde a todos!

    Mucuiú querido Pai Fernando!

    Estava lendo as apostilas que a Luna mandou pra mim e algumas coisas me deixaram em dúvida, por exemplo: Li que a Umbanda, ainda praticada na Tenda Nossa Senhora da Piedade, como continuação do trabalho do Senhor Zélio Fernandino de Moraes, não utiliza, mesmo hoje, o tambor nas chamadas sessões; este fato se deve a manter vivo os preceitos repassados pelo Caboclo das Sete Encruzilhas? instituindo assim a não necessidade de utilização deste ou porque o Caboclo não teria indicado seu uso naquela época para fugir de alguma forma de perseguição por parte de pessoas menos esclarecidas?
    A utilização do tambor, por exemplo em nosso Terreiro foi uma sugestão, posteriormente que as entidades repassaram para ser utilizado nas Giras de Umbanda? Qual seria a função dele? Ele é indispensável nos trabalhos então?

    Saravá, um forte abraço!

    ResponderExcluir
  17. Boa Tarde!!!!

    Pai Fernando

    Adorei a postagem da Tatiana, minha história
    com o Caboclo Ubiraja é muito linda ,quando era da assistência o Caboclo Ubirajara (no médiun Robson)sempre vinha me cumprimentar com muita alegria...quando entrei para corrente ele não estava mais no terreiro, comecei a trabalhar no toco mas não sabia do nome da entidade, ele só passava que tinha um penacho até os pés e era muito lindo e que logo sairia de dentro da mata e falaria seu nome,foi numa gira que o Robson veio trabalhar e quando cantaram para Seu Ubirajara ele veio em minha direção pegou nas minhas mãos e incorporei como fosse uma corrente elétrica, agora este cavalo sabe quem eu sou... no trabalho de mata de 2008 o Pai Fernando fez obrigações com alguns médiuns e suas entidades , eu tive a felicidade de fazer obrigação com o Caboclo Ubiraja um espirito que respeito muito, com sua alegria e sua sabedoria ...posso dizer que sou um cavalo de Peito de Aço ....
    SARAVÁ SEU UBIRAJARA!!!!

    Beijos à todos
    Dedê

    ResponderExcluir
  18. Afrânio, não vou discutir as razões do sr. Zélio de Moraes, mesmo porque a diversidade existe na Umbanda e quem quiser usa os atabaques e quem não quiser não usa. No terreiro que eu dirijo não só se toca os atabaques, como também o violão, pandeiro, outros instrumento de som metalico, tudo isso marcado pelo surdo para fazer musica às meninas que cantam, e muito bem, diga-se, com uma harmonia gostosa e vibrante. FMG

    ResponderExcluir
  19. JOÃO EMERSON DA COSTA19 de julho de 2009 15:08

    ...PAI FERNANDO,UMA DÚVIDA EM TERMOS DE DESENVOLVIMENTO MEDIÚNICO.UM MÉDIUM QUE FREGUENTA REGULARMENTE MAIS DE UMA GIRA,ATÉ MESMO POR INCORPORAR MAIS,TRABALHAR MAIS COM O ESPIRITUAL,E COM ISSO RECEBER MAIS INFORMAÇOES E AJUDAR MAIS PESSOAS......TEM SEU DESENVOLVIMENTO E AFINIDADE ESPIRITUAL MAIS AGUÇADOS?....

    ResponderExcluir
  20. Afrânio

    A Umbanda quando ela foi anunciada, foi pelo médium Zélio, porêm naquela época muitas coisas ainda não podiam...Inclusive o barulho feito pelo atabaque.
    Uma das sete casas que foi aberta, apartir da anunciação da Umbanda foi a tenda São Jorge. Dirigida por Pai Pedro Miranda. Que é uma raridade dentro da Umbanda ainda vivo.
    Essa casa foi mantido o ritual de Umbanda por Zélio...Aonde não se tem atabaques e os médiuns ficam separados por uma mesa. Fazendo seus trabalhos de Umbanda normalmente.
    Essa parte que vc leu tem haver com a parte história da Umbanda naquela época. Como sabemos que muitas entidades já fazem parte da nossa Umbanda há 500( seo tranca rua e Caveira),300 e 100 anos, como podemos afirmar que veio apartir de Zélio.
    Zélio anunciou! E pelo que sei não está escrito em lugar nehum que foi Zélio quem fundou a Umbanda, entendeu?
    Então como pai Fernando disse, a Umbanda tem muitas diversidades, e acredito que virão outras formas de se trabalhar na Umbanda...
    Trabalhei numa casa por 12 anos que não havia atabaque. E mesmo assim praticávamos a Umbanda e fazíamos nossa caridade.
    Pai Pedro Miranda tem uma outra casa dele. Que acredito que tenha seu atabaque.
    Enfim, o dia que vc abrir uma casa sua no Ceará irá escolher dentro da filosofia Umbandista de qual forma irá trabalhar. E que tendo ela sua base na caridade nada será afetado.
    Vou te dar um exemplo de trabalho...
    Pai Fernando quando trabalhava no centro Kardecista.Trabalhava com um espírito que dava o nome de Maneco e praticava sua caridade. Hoje Pai Fernando dirige uma casa de Umbanda, que trabalha com o preto velho Pai Maneco e continua a fazer sua caridade...Entendeu?
    É assim, nossa religião...Como a nossa nação Brasileira,cheias de tribos, diversidades, cultos e raças.
    Axé.

    ResponderExcluir
  21. Mucuiu meu Painho!!!

    Pelo que tenho analisado, um medium a medida que começa a trabalhar com regularidade com seus guias espirituais (costumo chamar de sua "familia espiritual"), cria um vinculo maior de afinidade, a ponto de ouvi-los e percebê-los mesmo fora do terreiro. Claro que sei que existem pessoas que desde pequenas (vide nosso Pai de Santo) ja possuem esta sintonia.
    Perguntas:

    Todos os mediuns com o tempo, criam este mesmo vinculo, ou depende da sensibilidade de cada um (auditiva, intuitiva, de visao...)?

    Este desenvolvimento com o mundo paralelo so podera se dar com a frequencia das giras no seu terreiro, ou teria meios de se alcançar esta dadiva quando se esta distante, como no meu caso?

    Li um texto no tema livre 10, mas agora nao volto la para olhar o nome do rapaz que postou (fico devendo), que muito me impressionou.
    Ele descrevia as entidades as quais ele serve, de uma maneira tao intima, tao bonita...a mais, ele descreveu os "toques" que a sua entidade de esquerda lhe fornece nos momentos que porventura "pisa na bola"...
    Fiquei embevecida com a possibilidade de um dia entrar numa sintonia tao bonita tambem!
    Como ja te disse, as vezes sinto-me sozinha por estar longe fisicamente do terreiro, apesar de meu coraçao e meus pensamentos frequentarem todas as giras de segunda feira.
    Beijao coroa,
    Aline

    ResponderExcluir
  22. Outra duvida Painho:
    Se um consulente procura um terreiro para a resoluçao dos seus problemas e em seguida procura outro (questao de desespero), como se da este choque de energias, visto que cada casa (espiritos)trabalham da sua maneira?
    Pode acontecer de "congelar" a ajuda de um ou dos dois lados?
    Astralmente como se procede uma situaçao assim?
    Como aconselhar esta pessoa?
    Como sabe, uma pessoa muito proxima a mim esta passando por isso e ao contrario de encontrar melhoras, tem entrado numa decadencia e num estado de desanimo e apatia...
    O fato de nao ter tido paciencia (fé) suficiente
    para aguardar os resultados do trabalho executado, podera ter sido uma artimanha do astral baixo para mantê-lo na mesma condiçao anterior? Claro que existe a cota de responsabilidade do proprio, porem poderia ter sido influenciado?
    Beijos
    Aline

    ResponderExcluir
  23. Dedê, você é uma medium muito forte e segura.
    As suas incorporaçoes sempre me deixaram impressionada e por vezes ate "esqueci" de incorporar te olhando!
    Quando você esta sob a influencia espiritual seus olhos passam muita força. Sei porque ja fui cumprimentada por uma entidade da linha de Ogum (nao sei qual) e tremi as pernas.
    Uma vez porem, você estava do outro lado da moeda, la na estrela, bem no meio para ser ajudada e eu incorporada (tambem nao sei por quem...rsrsrrs) por uma entidade da linha de Oxossi. So sei que senti um amor tao grande, uma alegria tao grande...Tenho certeza que você é muito querida por todo o astral...e por mim tambem!
    Sarava!!!!
    Aline

    ResponderExcluir
  24. Pai Fernando,
    Sobre o Brasil....
    Em 1874, José de Alencar publicou o romance indianista Ubirajara – A Lenda Tupi. No romance José de Alencar faz um realto (sob o seu ponto de vista), do caráter e dos costumes dos índios brasileiros. No livro Jaguarê é um jovem caçador araguaia, que procura um inimigo para lutar e levar para a sua taba, e assim conseguir o título de guerreiro. Jaguarê encontra a índia tocantim Araci. Jaguarê resolve ir até a nação de Araci para lutar com outros guerreiros e assim casar com Araci. ... Jaguarê encontra Pojucã, e o vence, tornando-se então Ubirajara, o senhor da lança. Como de costume, Ubirajara levou Pojucã para sua taba, onde ficaria como prisioneiro e seria feito o ritual no qual era costume comer partes do corpo do guerreiro, ficando com as virtudes do guerreiro vencido. Ubirajara vai até a aldeia de Araci, vence os outros guerreiros e descobre que Pojucã é irmão de Araci e filho do chefe dos Tocantins. Assim, Ubirajara retorna para sua taba e liberta Pojucã para que lute contra ele, ao lado de seu povo os tocantins. ... Quando os araguaias vão atacar, surgem os tapuias, que têm o direito de atacar antes dos araguaias. Itaquê, chefe dos tocantins, vence o chefe dos tapuias mas fica cego perdendo assim a liderança de seu povo. Para que possa haver uma sucessão os guerreiros tocantins devem pegar o arco de Itaquê, dobrá-lo e atirar com ele. Nenhum guerreiro tocantim consegue o feito, inclusive Pojucã, filho de Itaquê. Por isso convidam Ubirajara para fazê-lo. Este o faz com tal destreza e habilidade que emociona Itaquê. Ubirajara enfim, une os dois arcos das duas nações, araguaia e tocantim, dando origem à nação Ubirajara.
    Resumido...e sem a magia da obra...
    Tatiana

    ResponderExcluir
  25. (Afrânio)

    Mucuiú Pai Fernando!

    Obrigado pela resposta.

    Graças a Deus que nossa Umbanda permite-se à essa diversidade não ficando presa a preceito, não emperrando as engrenagens mesmo.
    Isso que torna a nossa Umbanda linda e rica.
    Um terreiro sem uma musicalidade seria mesmo algo muito parado, um terreiro quase morto.
    Os instrumentos musicais nos permite termos uma religião gostosa e vibrante, com a cara do Brasil.

    Muito Axé, Paizão!

    Abraço!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  26. João, ter dois médicos e tomar dois remédios para a mesma finalidade, complica a vida do paciente. Se trabalhar mais, frequentar mais giras e receber mais espiritos fosse bom, eu não ficava só na 2a. feira. FMG

    ResponderExcluir
  27. Pai Fernando,

    li em um fórum o que posto abaixo sobre homosexualidade e gostaria de saber do senhor se está correto, pois como sou nova na umbanda não sei.

    "Na Umbanda a tratada por Zélio de Morais, A MORAL E E ÉTICA SÃO IMPRESCENDÍVEIS AO MÉDIUNATO, PORTANTO O MÉDIUN DEVE ESTAR EM EQUILÍBRIO COM SUAS ENERGIAS INTRINSICAS E EXTRINSICAS, PORTANTO O EQUILÍBRIO POSITIVO/NEGATIVO LIGADO A TODOS OS ASPECTOS DA KABALA DEVEM SER BEM DEFINIDOS.

    Portanto pessoas com desequilíbrios ligados ao yng e yang devem ser equilibrados pra ser desenvolvidos, ISTO NAUMBANDA PRATICADA POR NÓS...

    Já no Candomblé o que vale é o que vc pode "dar ao santo", portanto não arraiga compromissos éticos morais nem equilíbrios nos chacras ou tatewas.

    A nosso ver é assim que procede, LEMBRANDO QUE O MESMO APLICA-SE A INGESTÃO DE CARNES, VÍCIOS LIGADO A LUXÚRIA E AO PODER.... O MÉDIUM DEVE SER EXEMPLO DE EQUILÍBRIO E ÉTICA PESSOAL E SOCIAL.

    Temos Homossexuais na corrente e são orientados a corrigir seus desequilibrios energéticos, porem o livre arbítrio é sagrado e deve sempre ser respeitado."

    Isso está correto pai Fernando?

    Araço

    Sandra Estrella

    ResponderExcluir
  28. Aline, para ter sintonia através da intuição tem que haver basicamente uma atenção aguçada e acrediar em si. FMG

    ResponderExcluir
  29. Aline, não vejo nada errada a pessoa procurar dois terreiros, desde que não faça nenhum trabalho enquanto estiver fazendo outro. FMG

    ResponderExcluir
  30. Aline, a Denise é querida pelos espiritos e por todos nós médiuns do Terreiro do Pai Maneco. FMG

    ResponderExcluir
  31. Sandra, os homossexuais, segundo o WW. Mata e Silva, são espiritos que incorporaram em corpos diferentes, isto é um espirito de essência feminina que incorpora emn um corpo masculino, tende a ser um homossexual. Então eu não sei como pode corrigir seus desequilibrios enérgeticos. A Federação de Umbanda do Paraná, segundo seu presidente o Paulãoi, vai mobilizar a Umbanda a nivel nacional para por a questão da Umbanda abençoar uniões de homossexuais. Vamos aguardar. FMG

    ResponderExcluir
  32. O ser humano é tão diverso...tantas diferenças e formas de ser humano. Julgar as pessoas por sua opção sexual....muito pouco...para resumir uma existência. Não importa se uma pessoa gosta de xadrez e outra de listrado...o que importa o que elas são...que seres humanos são, que essência possuem.
    Com 9 anos decidi que não iria mais participar dos rituais da religião que minha família seguia, principalmente por não aceitar uma religião confessional e cheia de preconceitos.Assim, encontrei na Umbanda, desde muito pequena, um espaço que não julgava as pessoas, que as acolhia e orientava, que trazia a justiça e o amor divino. Espero profundamente que continue assim um espaço onde cada um é único e respeitado.
    Tatiana

    ResponderExcluir
  33. Mas Pai Fernando,

    me explica uma coisa: Então esse negócio de desequilíbrio nos homosexuais é somente mais uma teoria? (Não existe nada ao certo?)

    Sandra Estrella

    ResponderExcluir
  34. (Afrânio)

    Mucuiú Pai Fernando!

    Pai, no tempo que tive aí no Terreiro, acho que minha ansiedade era tanta pra sentir a incorporação das entidades, que acabou não ocorrendo, infelizmente, mesmo eu me concentrando bastante.
    A nossa ansiedade, insegurança, vergonha de vê que os outros estão nos vendo, atrapalha no processo de incorporação? ou isso não tem nada a vê e quando é pra acontecer a gente concentrando vem mesmo, independente de nossa timidez?

    Obrigado querido Paizão!

    ResponderExcluir
  35. Ainda sobre a pergunta do João: pode acontecer da entidade pedir que o médium participe de outra gira ?
    E aliás se um médium de uma determinada gira foi participar de outra gira, ele vai incorporar o mesmo espírito ? Exemplo: se o médium da 2ª feira for na gira de preto-velho do Pai Jussaro ele vai receber a mesma entidade q o acompanha na 2ª ?

    OUTRO ASSUNTO: sobre as "puxadas" de espírito/quiumbas. Estes é um assunto q é pouco comentado, pouco difundido e q na realidade a gente "só vê acontecer" na hora da gira ! Mas qual o médium q pode ser chamado pra puxar um espírito ?
    Existe alguma técnica especial ou preparação para isto?
    E como se decide quem vai fazer isto ? O dirigente ou qualquer entidade q está dando consulta ?
    E o cambone pode ser usado pra este fim ou tem q chamar outro médium ?
    E o q acontece com o espírito "puxado" ?

    ResponderExcluir
  36. Sandra Estrella, não costumo discutir o que não sei. Cada um é o que quer ser e isso eu aceito sem nenhum preconceito. Só não consigo entender porque dizer o " desequilibrio nos homossexuais". O sexo costuma desequilibrar mesmo nos que não são homossexuais. FMG

    ResponderExcluir
  37. Afrânio, o constrangimento realmente inibe. É que vc ficou aqui pouco tempo,não deu para fazer vc perder a vergonha. FMG

    ResponderExcluir
  38. (Afrânio)

    Paizinho, outra pergunta:

    Pode ser que o médium, mesmo na corrente, não tenha a mediunidade de incorporação e por isso não acontece?

    obrigado!

    ResponderExcluir
  39. Nilzo Antonio:
    O espirito não vai pedir que o médium participe de mais uma ou outra gira. Seria intromissão em normas dos dirigentes, mas se o médium for, mesmo por visita, em outra gira ele vai receber as entidades que está acostumado a incorporar se elas forem chamadas pelos dirigentes. Disso isso porque tem que se obedecer o critério das giras.
    Eu não puxo nenhum espirito, sempre recomendo aos capitães que não façam isso, mas se um médium estiver fazendo costumamos recomenda-lo que não faça isso. Tudo por uma razão simples: o mnédium está ali para incorporar e se não incorporar o problema é dele. Por isso as outras perguntas estão prejudicadas.Mas fica aqui aberta a pergunta para os pais de santo que estão lendo o blog possam responder. FMF



    João: pode acontecer da entidade pedir que o médium participe de outra gira ?
    E aliás se um médium de uma determinada gira foi participar de outra gira, ele vai incorporar o mesmo espírito ? Exemplo: se o médium da 2ª feira for na gira de preto-velho do Pai Jussaro ele

    ResponderExcluir
  40. Pai Fernando, estava aqui relendo o papel que a Mirtes nos entregou sobre a preparação "pré" Amaci.... mas e o "pós" amaci??? O que seria bom fazer e também evitar depois que realizamos o amaci? Ou nas primeiras 48hs depois do amaci?

    Beijinhos e Obrigadinha, Dê

    ResponderExcluir
  41. Afrânio, edu acho que todos os médiuns são de incorporação, mas alguns têm posições e vontades que os inibem de incorporar. FMG

    ResponderExcluir
  42. (Afrânio)

    rsrsrsrssr é verdade Pai Fernando, eu sentia umas vibrações tão fortes aí, mas me segurava, com vergonha do que os outros irião pensar de mim, só besteira minha,rsrsrssr; no dia que foram jogar o obi, eu quase que vou.... srrsrsrsrs; nossa mas é uma força indiscutível! é algo mágico quando a gente sente a aproximação do Guia...
    Mas eu to trabalhando essa timidez e já to com uma passagem separada pra voltar aí e agora arregaçar as mangas e ser mais um instrumento de paz e amor nessa corrente de luz.

    Saravá!

    Amo todos vocês.

    Beijus.

    ResponderExcluir
  43. Pai Fernando,

    o espírito não tem sexo, certo?

    Sandra Estrella

    ResponderExcluir
  44. Pai Fernando, eu entendi que o Nilzo perguntou sobre quando um médium é chamado no toco por alguma entidade para receber um "trevoso" que está com o consulente.
    Por isso as perguntas: "Existe alguma técnica especial ou preparação para isto?
    E como se decide quem vai fazer isto ? O dirigente ou qualquer entidade q está dando consulta ?
    E o cambone pode ser usado pra este fim ou tem q chamar outro médium ?
    E o q acontece com o espírito "puxado" ?"

    Se o Sr. puder explicar mais sobre isso...
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  45. Denise, o pós Amaci é levar a vida de Umbandista. FMG

    ResponderExcluir
  46. Sandra, os espiritos têm sexo sim, ou são masculinos ou femininos, como os Orixás. Iemanjá, Oxum e Iansã são são Orixás femininos? Mas claro que tudo isso é uma essencia. Por isso que eu disse "essência" feminina em corpo material masculino. Os órgãos sexuais pertencem ao corpo material e a essencia ao espirito. FMG

    ResponderExcluir
  47. Patricia, eu não tinha entendido então essa pergunta do Nilzo. A resposta, pois, vale para os dois. Se um consulente está com uma entidade obsessora que deve ser encaminhada, o correto é a entidade mandar chamar um capitão, explicar o assunto. Compete ao capitão, por ordem do dirigente espiritual, que encaminhe essa pessoa ao meio para fazer um trabalho no sentido de encaminhar a entidade. Não se pode simplesmente afastar uma entidade obsessora. Deve ser dada a ele - o obsessor, toda chance de ser encaminhado no plano espiritual, tarefa que só os espiritos podem fazer. FMG

    ResponderExcluir
  48. Obrigada Pai Fernando, pela resposta..

    elucidou-me..

    Sei que é meio chato a gente que tá começando fazer algumas perguntas de repente até bobas..

    Sandra Estrella

    ResponderExcluir
  49. (Afrânio)

    Pai Fernando quando a gente for fazer o amalá, a gente tem que se resguardar de comer carne vermelha e do sexo também, antes? e também é necessário tomar um banho de descarrego antes? Existe um horário mais indicado pra gente fazer a entrega? quando o sol está nascendo sinto-me melhor! ou pode ser feito a noite também?

    Grato!

    ResponderExcluir
  50. Sandra Estrella, não são perguntas bobas, ao contrário acho que em um bate papo relativamente curto conseguimos abordar um tema estremamente delicado, mas que deve ser encarado pela Umbanda. FMG

    ResponderExcluir
  51. Afrânio, não que seja essencial, mas se a pessoa se resguardar como vc falou vai ser muito melhor. Quanto ao horario, a tradição diz que a Umbanda faz amalás com o sol e a quimbanda com a lua. Mas também não é regra essencial. FMG

    ResponderExcluir
  52. Pai Fernando, continuando o assunto dos obsessores, na última gira de Exu, eu não estava camboneando ninguém, quando fui chamada por uma das entidades de toco... eu fui até lá e meio sem entender o que estava acontecendo, acredito que o Exu passou o obsessor "para mim" e disse que o tinha encaminhado. Então me explicou que tinha me chamado para que eu soubesse como era sentir um obsessor.
    Me parece que é um procedimento bem comum nos "tocos"... mas pela sua resposta, me pareceu não ser o mais correto a ser feito. É isso mesmo???
    Depois me disseram que eu não podia nem ter sido chamada por nem msm ter feito amaci... mas num caso semelhante que possa vir a acontecer, qual a atitude mais correta de nossa parte???

    Beijinhos e obrigadinha, Dê

    ResponderExcluir
  53. (Afrânio)

    Obrigado Paizinho pela resposta!

    Saravá!

    ResponderExcluir
  54. Pai Fernando teve uma pergunta acima sobre os médiuns na Umbanda. O senhor respondeu ao Afrânio que todos os médiuns seriam de incorporação...
    Claro que todos somos médiuns em algúm estágio ou qualidade.
    Mas os cambones? Os ogãs? Os médiuns se passes? Eles não são médiuns de incorporação. Tem outras faculdades mediúnicas. E talvêz nunca incorporarão.
    De certo que a maioria são médiuns de psicofonia dentro da Umbanda. Mas tem alguns médiuns que tem outras qualidades...Até mesmo de só doar energia e ectoplasma.
    Tô errada, pai Fernando?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  55. Pai Fernando,
    um medium que trabalha na umbanda a algum tempo,pode se sentir enfraquecido?
    Digo,o que deve ser feito no decorrer de uma vida mediunica?
    De que maneira as comidas de santo atuam na força do medium?
    Obrigada,e boa noite a todos.

    ResponderExcluir
  56. JOÃO EMERSON DA COSTA20 de julho de 2009 02:27

    PAI FERNANDO NÃO CONSIGO DORMIR ESTA DECLARAÇÃO DA ALINE ME FEZ LEVANTAR:"Como ja te disse, as vezes sinto-me sozinha por estar longe fisicamente do terreiro, apesar de meu coraçao e meus pensamentos frequentarem todas as giras de segunda feira."ENTÃO COM ESTA FORTE PRESENÇA DO CABOCLO DA PRAIA ALINE TE DIGO IRMÃ:'QUANDO O CABOCLO DA PRAIA INCORPORA ELE AS VEZES RISCA O PONTO E DIZ QUANDO COLOCA GUIA DE CONCHAS QUE VC DEU:" HOJE ALGUÉM VAI TRABALHAR COMIGO,TUA IMAGEM TEU SORRISO ME VEM NA CABEÇA.AS VEZES ELE POE AGUIA NO PONTO E DIZ:"HOJE VOU TRABALHAR TB PARA QUEM TRABALHA COMIGO E FAZ UMAS ONDAS LINDAS NO PONTO...E SEI QUE TA MANDANDO ENERGIA PRA VC E SUA FAMILIA...PORTANTO IRMÃ...QUANDO A SOLIDÃO BTER A PORTA DE SEU CORAÇÃO CANTE:" ...MAS ELE É O CABOCLO DA PRAIA,ELE TEM ORDENANÇA DE OGUM,PISA FIRME NA AREIA,PORQUE CABOCLO NÃO BAMBEIA". PISA FIRME ALINE...QUE LOGO LOGO O TEMPO PASSA E A SOLIDÃO VAI EMBORA...ABRAÇOS A TODOS AI...AO DIDI A VC E SUA FAMILIA,UM ESPECIAL ABRAÇO PRO SEU PAI TB...SARAVÁ O PAI MANECO NA BAHIA...POIS ONDE TEM UM FILHO,PAI MANECO SEMPRE ESTA JUNTO.

    ResponderExcluir
  57. Luna, o que eu quiz dizer é que todos, se quiserem, podem incorporar. Então não incorporar, sem ogan ou apenas particicpar, é uma opção, no momento a mais fácil. FMG

    ResponderExcluir
  58. Kiko, muito bonito o ponto que fez. Gostei mesmo.

    Qto à homossexualidade na Umbanda e à benção à união homossexual, fica meu pensamento: o batismo e o casamento são, na Umbanda, rituais para recebermos a benção da Espiritualidade maior, de nossos padrinhos espirituais, a bendizer e iluminar nossa caminhada!

    Portanto, homossexuais ou heterossexuais, não importa! É algo que diz respeito à Espiritualidade, e não a nossa humanidade e seus preconceitos e receios.

    Não acho que um Caboclo ou Preto Velho ou qquer outra entidade fosse se negar a abençoar alguém baseado em quem essa pessoa ama...

    Entidades de Luz já aprenderam, há muito, a amar a todos, sem distinção.

    "Amar a Deus sobre todas as coisas,e ao próximo como a ti mesmo".

    Saravá!

    ResponderExcluir
  59. Bom dia a todos.
    Bom dia Pai Fernando...Feliz dia dos amigos para todos do blog.
    Pai Fernando, no Pai Maneco um médium homem pode incorporar uma preta velha?
    Obrigada e boa semama para todos nós!
    Saravá.

    ResponderExcluir
  60. Pai Fernando

    confesso que eu acho ate engraçado esse termo "puxar" espíritos..(fico imaginando a gente la puxando o espírito pelos pés para que eles "entrem" no medium pela cabeça...sei la, coisa de doida..rs). Pra mim, isso que a gente chama de "puxar espírito" é mais uma ajudinha na incorporação, no sentido de fazer com que aquele medium relaxe, solte o corpo, não fique tentando lutar contra a incorporação, deixe o espírito trabalhar, pq o espirito ta la, pronto pra trabalhar, mas as vezes estamos distraidos, inseguros, cansados e achamos que " não estamos sentindo nada" . Tudo bem que essa ajudinha pode ser "perigosa", rs, ja que as vezes os mediuns acabam gostando e acostumando e ai so incorporam qdo vai alguem la ajudar rs. Admito que ja fiz isso, ate que uma vez o caco me deu uma bronca e disse que eu ja tava mal acostumada rs..na hora fiquei morrendo de vergonha, mas depois vi q ele estava certissimo...nada melhor do que a gente sentir sozinho cada energia, cada vibração, cada passo da incorporação, mas sempre lembrando que para isso é necessario deixar o espirito incorporar..rs.

    Beijos
    Mariana

    ResponderExcluir
  61. ih agora lendo as outras postagens, vi que tb entendi errado aquela pergunta sobre " puxar espiritos" rs

    ResponderExcluir
  62. Homossexuais têm desequilíbrio energético? Aquele que segue os fundamentos umbandistas, que está de acordo como cidadão, está desequilibrado energéticamente pela sua opção? Não digo nem "opção sexual", prefiro dizer "condição sexual".
    E aquele médium, heterosexual ou afins, que se disvirtua do caminho desrespeitando o ser humano, que faz uso de qualquer tipo de droga, que viola as leis da humanidade não está em desequilíbrio energético?
    A conduta deve ser considerada, sempre e em qualquer lugar.
    Sds

    ResponderExcluir
  63. Parabéns a iniciativa da Federação de Umbanda do Paraná e pela ampla visão do diriginte do Terreiro do Pai Maneco.
    Sds

    ResponderExcluir
  64. Mucuiu Pai Fernando!!!
    Ontem fui questionado se no TPM há alguma orientação sobre essa nova gripe que têm feito vítimas, principalmente no sul (acho que pelo clima frio) e como não ouvi nada ainda, gostaria de saber.

    Elmano.

    ResponderExcluir
  65. Denise, ratifico tudo que disse. Essa forma é a errada, a entidade não tem o direito de susbmeter medium nenhum à incorporações de obsessores, exceto os dirigentes. FMG

    ResponderExcluir
  66. Alexandra, o médium trabalhando só pode se fortalecer. Se acontecer enfraquecimento convem trocar idéias com os dirigentes. FMG

    ResponderExcluir
  67. Luna, sem nenhum problema. Conheci vários médiuns que recebiam espiritos de Pretas Velha. FMG

    ResponderExcluir
  68. Mariana, como meu pai de santo Edmundo Ferro dizia, "cavalo alisado é cavalo estragado", FMG

    ResponderExcluir
  69. Elmano, não só o Terreiro do Pai Maneco, mas todos nós devemos cuidar de evitar que essa gripe se alastre e seguir a risca o recomendado pela Saúde publica de qualquer sintoma procure um posto ou hospítal para exame. FMG

    ResponderExcluir
  70. A propria a vida so existe pelos diferentes polos gerando tensao e o movimento. Sarava a igualdade na diversidade, pois qdo colocamos os pes no chao pouco importa se sao grandes, pequenos, gordos, magros, vermelhos, amarelos, brancos, negros,machos, femeas... Pes sao pes!!!
    So importa se fazem outros pes viverem melhor!
    abracos
    Sidney

    ResponderExcluir
  71. Pai Fernando
    Nossa fico impressionada com este meio de informação da Umbanda. As vezes "estala" em mim umas perguntas e quando vejo saiu a resposta por aqui. Fico arrepiada. ....
    Agora segue um duvida que decorre assuntos anteriores ...
    Por que não tem na casa do Pai Maneco homens filhos de Iansã e Oxum ?
    Abraços

    ResponderExcluir
  72. Olá! Pai, porque as mulheres recebem as Entidades masculinas e femininas (Iansã, Iemanjá, Ogum, Pretos velhos e Pretas velhas, etc) e os homens só as masculinas (Ogum, Xangô, Oxossi)? Sendo assim, as mulheres recebem quase o dobro de Entidades! Tem algum fundamento ou existe mesmo um preconceito? Obrigada!
    Silvinhá

    ResponderExcluir
  73. JOÃO EMERSON DA COSTA20 de julho de 2009 16:56

    ACHEI ISSO NUM LIVRO SUPER INTERESSANTE DE SE LER OU CONSULTAR E ACHO QUE SERVE PARA TUDO: Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade,"...CONTITUIÇÃO BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  74. Lisangela, com 10.000 visitas em um mês consultando 30.000 páginas, tenho que responder imediatamente, caso contrário esse número diminue. Blog é assim, depende de dinamismo. Eu não sei explicar a razão de homens não serem filhos de Oxum e Iansã, mas isso em nosso terreiro. Não é preconceito porque existem vários homens que são filhos de Iemanjá e têm o maior orgulho disso. Já tentei pesquisar e não consegui a resultado nenhum. Mas de repente acho que virá uma explicação. FMG

    ResponderExcluir
  75. Silvinha, claro que fundamento não é o caso. Também descarto o machismo. Acho que o homem é mais timido que a mulher e segura incorporações das entidades femininas.FMG

    ResponderExcluir
  76. Mucuiu Padrinho.
    Feliz dia dos amigos para todos e para o sr tb pai fernando.
    Hoje resolvi um probleminha bem chatinho. Graças a Deus. E sei que muitas entidades me ajudaram.
    Mas gostaria de mandar um bj no coraçáo deste veeleenho chamado pai joaquim da pedreira, que me acompanhou o tempo todo, e fez - me valer a força do nosso pai xango.
    Saravá vozinho lindo. deus aumente tua luz a cada dia mais.
    Valew emerrrrson joáo pela vibe positiva. axé meu kiridu.
    Semana que vem começa a trip TPM - curita - floripa e rio. To feliz. Muitos dias de aprendizado e amigos da Umbanda.
    lembrete - pararam as postagens com as entidades e mediuns. a pesquisa nem começou e ja parou. Eu estou arquivando e é bem interessante.
    PS - este blog vicia,, e é booom demais.

    AXÉ.

    ResponderExcluir
  77. Pai Fernando, lendo as colocações acima sobre a diversidade da Umbanda, lembrei de uma resposta muito bonita para este tema.
    A Umbanda é como um lindo e colorido jardim, onde o belo está no colorido e a diversidade das flores.
    Um Abração
    Luiz Roberto

    ResponderExcluir
  78. Pai Fernando. Hoje conversando com uma amiga ela me perguntou como proceder quando se joga um jogo e dizem que a pessoa tem uma magia? Ou no popular, que fizeram uma macumba pra ela...?
    Bem, tenho uma visão com relação a essas afirmações...Mas gostaria de saber o que o senhor acha e como proceder.

    Então, eu penso assim: Claro que existe a magia para fazer mal as pessoas. Mas geralmente quando vamos jogar um búzios quase sempre tem uma " Macumba" feita.
    Pai Fernando não poderia ser uma atuação direta de um obsessor? Digo assim, quando um obsessor está atuando diretamente em nossa vida ele manipula energia e ataca geralmente aonde somos mais fracos. Porêm essa mesma aproximação tem haver tbém com nossa sintonia. Deixou a porta aberta eles entram mesmo!.
    Então pai Fernando, o que o senhor acha? Porque geralmente tem aqueles gigantescos trabalhos para desfazer a "macumba".
    Axé.

    ResponderExcluir
  79. Vai outra pergunta...Estava lendo o tópico acima sobre os filhos de determinados Orixás.
    Então vou fazer duas perguntas, pai Fernando.

    1 - Quando um filho chega numa casa para saber o pai ou mãe de cabeça, pode o Orixá por não querer aparecer vir outro e passar a frente? Tipo, eu filha de Yemanjá, mas quando joga Yemanjá não quer se apresentar, então vem Iansã e toma a frente...Pode acontecer pai?


    2 - Sobre a pergunta da Lis.O terreiro do pai Maneco tem centenas de médiuns, como pode não ter um filho de Yansã, ou Oxum?
    Pode o médium ir para uma determinada casa, mediante ao Orixá dele? Ou seja, ainda não foi um filho que seja desses dois Orixás?
    obrigada.

    ResponderExcluir
  80. Bom dia a todos! Pai fernando e amigos, peço licença para fazer um agradecimento. Fiz minha cirurgia (histerctomia total radical, já comentada aqui) no ultimo dia 08. Claro que toda recuperação requer cuidados. Mas, não me contive! a saudades foi maior, não só do TPM (sabado) mas tbem dos amigos que fiz e principalmente pelos votos que me dedicaram, aqui neste bog tbem. Estou melhor ainda em recuperação e com os inumeros pontos que retiro hoje. Mas fui no TPM sabado passado, pois alem da saudades de todos, das musicas, de dançar, cantar e levar energias positivas para os que precisam e passam por problemas muito maiores que o meu, para mim não bastava agradecer em casa, precisava estar lá e agradecer a ajuda espiritual de todos (sejam eles quem forem. Estava com um pouco de medo de ir mas a vontade e a saudade foram mais fortes que o medo, inclusive de incorporação. Mas quero agradecer a todos os votos de melhoras, de força, e de sabedoria que emanaram a mim, mas pricipalmente as entidades dos Capitaes Edson e Gilmar e da Sandra (esposa do Gilmar) pessoas lindas e que em nenhum momento deixaram de ouvir meu medos. Grata a todos!
    Bjs no coração de vcs, e uma maravilhosa semana.

    ResponderExcluir
  81. Luna, essa é uma situação muito delicada porque o trabalho pegado tem sintomas. Vou tentar resumir o que der para que caiba dentro do blog. São várias as formas que trazem energias negativas para as pessoas. Formas pensamentos da própria pessoa ou de outros; aproximação de pessoas vitimas dessas energias; aproximação de espíritos obsessores; trabalhos feitos por alguém com intenção de prejudicar por várias formas a pessoa; outras formas também existem que criam esse mal para as pessoas. Mas vamos à pergunta feita. Claro que em qualquer dessas situações que eu mencionei, umas sem importância e outras graves, podem ser descobertas pelos médiuns mais sensíveis e até mesmo ser revelado por algum jogo. Não falo sobre os búzios, porque não conheço o seu jogo. Quando existe uma energia negativa uma queima de pólvora tem um excelente resultado. Outras situações podem ser aplicadas trabalho com fogo de velas. Às vezes um simples passe vibratório pode resolver. Um trabalho de encaminhamento de espírito atrasado pode resolver. Em todos esses casos existe sintomas, como insônia, mal estar, palpitações, calafrios, dores circulantes, preguiça, negligência e outros tantos incômodos. Quanto à magia feita com trabalhos e elementos, se ela estiver pegada na pessoa, as conseqüências são bem maiores, principalmente dores violentas na base da coluna e em todos os ossos, além claro de todos os antes mencionados em um grau bem mais forte. Pessoas acometidas dessas magias só quem pode resolver é o Exu, construindo um outro trabalho na mesma ou maior proporção daquele mandado à pessoa. Se não for feito trabalho assim, a pessoa pode ter sua saúde abalada com final imprevisível. Mas vamos deixar bem claro que um trabalho dessa natureza dificilmente pega na pessoa. Tem que haver uma série de coincidências para que ele, o trabalho do mal, tenha sucesso. Como dizem, Deus tem muito mais para dar do que o Diabo para tirar. FMG

    ResponderExcluir
  82. Luna, as duas perguntasa são negativas. Orixá cósmico ou não cósmico não fazer esse tipo de não querer aparecer. Quanto a pegar o Orixá da casa é totalmente errado pensar assim. Pai nenhum entrega seu filho a outro. FMG

    ResponderExcluir
  83. Obrigada Pai Fernando pelas duas repostas...
    Olha eu sou muito engraçada...Até lavando louças eu reformulo minhas perguntas. Sempre sái de uma conversa e outra as perguntas..rsrsr

    Então conversando com Mauro ontem.Temos um conhecido que ele está tendo problemaS com a mãe de santo. A mãe de santo está tendo ciúmes dele por causa da quantidade de consulentes que vão se consultar com as entidades dele. Já passei por algo semelhante.
    O que fazer nesses momentos pai fernando?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  84. Mucuiu Padrinho.
    Olá a todos.
    Por favor. Preciso confirmar o hotel da caravana TPM rio.
    Me passaram o adventure hostels. Alguem pode me confirmar, para eu fazer a reserva?
    Grato.
    Abraço a todos.

    Kiko.

    ResponderExcluir
  85. Olá,

    Tenho acompanhado um pouco o blog e não vi nenhum post com relação a Nanã tratada como orixá feminino, sempre se referindo apenas a Iansã, Yemanjá e Oxum como essas. Qual a posição da casa de vocês? Não fazem culto a ela

    ResponderExcluir
  86. Sua benção Pai Fernando,
    há aproximadamente um ano frequento a gira de sábado, e cresci dentro de centros espiritas, e nunca absolutamente nunca senti nadica de nada. Não sinto vibração, não vejo nada, não escuto nada, não tenho intuição nenhuma. As únicas 3 vezes que "incorporei" (aspas porque tenho dúvidas se era eu ou alguma entidade)não senti absolutamente nada de diferente, então fico em dúvida será que sou euzinha ou é alguma entidade. E várias pessoas ficam me perguntando: "mas vc não sente nada?" e eu me sentindo meio diferente e constrangida (porque noto que isso não é o normal)respondo que não...e fico com medo de por não sentir nada achar que é entidade e ser eu que inconscientemente penso estar "recebendo" algum espirito, porque considero o fingir estar incorporado como um desrespeito as entidades, aos nossos pais e mães de Santo, a hierarquia, irmão de corrente e à assistência que vem buscar no TPM um alento a seus sofrimentos. Então meu pai miha dúvida é a seguinte: é normal não sentir todas essas coisas que as pessoas falam sentir e ainda assim incorporar? ou será que essas 3 vezes que comentei era eu que estava achando que estava incorporada e não tenho mediunidade nehuma? e outras dúvidas se caso algum dia eu venha a incorporar uma entidade posso recusar que elas bebam e fumem enquanto incorporadas (porque não bebo e não fumo - na verdade tenho verdadeira aversão a cigarro, charuto, cachimbos e afins)?
    beijos

    Elis

    ResponderExcluir
  87. Caros amigos,
    Ontem, ao ler os comentários referentes ao caboclo Ubirajara, confesso que, de improviso, fiquei sem saber o que escrever. Sou cavalo desta maravilhosa entidade, que é meu pai de cabeça, e confesso ser um fão inconteste de seu jeito simples, sua maneira espontanea e honesta de trabalhar.
    Quando sinto sua energia ao meu lado, para incorporação, nas giras, primeiro tenho uma sensação de paz e me imagino no meio de uma mata. Então sou levado a girar e começo a sentir uma alegria imensa, uma felicidade sem tamanho, uma sensação que nem consigo descrever.
    Aí chega o caboclo Ubirajara, sempre sorrindo, afetuoso e atencioso.
    É simplesmente maravilhoso!
    Ele é uma entidade de extrema sabedoria, porém simples e paciente. Gosta de resolver todos os problemas que se colocam na sua frente, sem medir esforços. Bebe água, cerveja ou suco de maracujá com pinga e mel, utiliza a fumaça do charuto para dar passes e, se necessário, queima pinga no ponto. Aliás, se deixar a garrafa por perto, ele é um tanto "incendiário", na verdade. Seu Ubirajara diz que gosta quando as pessoas choram na consulta, pq limpa o coração e descarrega a alma. Esse é um ponto interessante na minha História com ele: eu nunca conseguia chorar, antes de entrar no terreiro. Um dia, camboneei seu Ubirajara incorporado no Robinson, e, após a consulta, fiquei chorando por três dias, hehe!! Nesse dia, ele disse frase inteiras, durante as consultas, que eu já ouvi sairem de minha boca incorporado com ele, várias e várias vezes. Detalhe: o Robinson nunca me viu incorporado com seu Ubirajara.

    Bom, escrevi demais. Mas esse é um tema sobre o qual eu poderia fazer um livro inteiro, tamanha minha paixão, orgulho e amor pelo caboclo Ubirajara!

    Abraços a todos,

    Edgar Cavalli Junior - Gira de Sexta.

    ResponderExcluir
  88. Sobre as cidades que mais acessam o blog, aqui na Lapa, vizinho de Curitiba, tem eu que acesso o dia inteiro enquanto estou trabalhando pra não perder nenhum comentário.
    Um abração a todos.

    ResponderExcluir
  89. JOÃO EMERSON DA COSTA21 de julho de 2009 13:32

    ...PAI FERNANDO...HOJE PRA MIM É UM DIA MUITO ESPECIAL,QUERIA APROVEITAR ESTE ESPAÇO DEMOCRÁTICO PARA AGRADECER A OXALÁ POR MAIS UM ANO DE VIDA,DE UMA MÉDIUM QUE EU JOÃO ADMIRO E RESPEITO MUITO...UMA MÉDIUM QUE NÃO APARECE MUITO,MAS SE FIRMARMOS OS OLHOS PODEMOS VÊ-LA BEM ALI AO LADO DO SENHOR PAI FERNANDO,EM TODOS OS MOMENTOS...SEJA NAS DÚVIDAS SEJA NAS CERTEZAS,NAS ALEGRIAS OU TRISTEZAS...NÃO TO FALANDO EM ESPÍRITO DESENCARNADO...MAS NUMA ALMA MARAVILHOSA BEM ENCARNADA E BEM VIVA...NÃO TENHO VERGONHA DE EXPRESSAR MINHA GRATIDÃO A OXALÁ POR TER ME PERMITIDO CONHECER DONA IEDA GUIMARÃES...OBRIGADO DONA IEDA...NO DIA DO SEU ANIVERSÁRIO "A SENHORA É UM GRANDE E MARAVILHOSO PRESENTE DE DEUS PARA TODOS NOS QUE A AMAMOS E A RESPEITAMOS"...PARABÉNS,PARABENS SAÚDE E FELICIDADE QUE TU COLHAS SEMPRE TODO DIA PAZ E ALEGRIA NA LAVOURA DA AMIZADE...

    ResponderExcluir
  90. Pai fernando parabéns!!!
    Total de acessos = 7603
    7+6+0+3 = 16 = 1+6 = 7 ( NUMERO BOMMMMMM!!!)
    hehehehe
    Parabéns blogueiros do mundão!
    Axé.

    ResponderExcluir
  91. Luna, acho que vc tem que refazer os calculos. Eu só mostrei os dez primeiros: de 20/6 a 20/7, 9048 visitas e 27574 páginas visitadas. FMG

    ResponderExcluir
  92. Anonimo, só conto se vc revelar seu nome. Isso faz parte do blog. FMG

    ResponderExcluir
  93. Elis, se vc antes de ir para a gira pense assim: hoje vou incorporar todas as entidades que passarem perpto de mim e não vou nem fumar ou beber com elas. Depois me conte. FMG

    ResponderExcluir
  94. Ahhhhhhhhhhh, ai não vale!
    Mas de qquer forma meus parabéns!!!
    Parabéns pela troca de ano da senhora Ieda.
    Luna.

    ResponderExcluir
  95. Olá!

    Ok, me desculpe... Deveria ter me identificado!

    Meu nome é Jacqueline e conheci a Umbanda a pouquíssimo tempo, que já foi o suficiente pra 'suprir' as lacunas que eu tinha em relação a fé. Como iniciante, pesquiso bastante sobre o assunto e nessas pesquisas cheguei a este blog, que gostei bastante e me esclareceu muito.
    Vendo alguns posts, vi que Nana não é considerada orixá em muitos deles. Quando se faz referências aos orixás femininos, fala-se apenas em Iansã, Yemanjá e Oxum. Por que? Qual a opinião de vocês (e da casa de vocês) a respeito dela?

    Me intrigou esse fato porque a única certeza que tenho desde que conheci a umbanda é que eu sou filha de Nana, e não encontrei referência dela no canal que eu considerei mais completo até então.

    Se alguém puder me esclarecer, ficarei grata!

    Obrigada,

    ResponderExcluir
  96. Jacqueline, seja bem-vinda ao blog. Nós cultuamos seo Omulu e Nanâ Buruquê como Orixás da Quimbanda. Temos o maior respeito por eles, faz parte de nosso ritual abrir nossos trabalhos em nome de Oxalá e seo Omulu, ambos Orixás. Não cultuamos Nanã Buruque como Orixá de cabeça por ela ser da esquerda. E não ter referencia no blog sobre ela é coincidencia, o que vc está fazendo e tenho certeza que será bem comentado o assunto. Ainda ontem em nosso trabalho o Caboclo Akuan mandou uma pessoa fazer uma entrega para Nanâ Buruque. FMG

    ResponderExcluir
  97. Seo Fernando
    Existem 7 Orixas da Quimbanda que sao tb energias cosmicas. Seo Omolu e Nanã sao dois deles. Sao conhecidos os outros 5?
    abracos em fim de ferias
    Sidney Oliveira

    ResponderExcluir
  98. Olá a todos! Pai Fernando, encontrei um texto sobre Caboclo Águia Branca no site do TPM! O senhor lembra de eu ter perguntado sobre este caboclo? :)
    Abraço. Ana

    ResponderExcluir
  99. Ana, agora o mundo já sabe que eu tenho uma péssima memória. É verdade, eu buscando informações e o baita site www.paimaneco.org.br. com uma história bem legal dele. Savará o Caboclo Águia Branca. FMG

    ResponderExcluir
  100. Sidney, acho que vc nãp reparou que quando eu abri a gira umas duas semanas atrás em disse: "...está aberta a gira em nome das 7 linhas da Umbanda e das 7 linhas da Quimbanda, que aliás eu não sei quais são..." E até hoje continuo sem saber. FMG

    ResponderExcluir
  101. Reparei sim, alias, foi justamente por esse momento e pela citacao desses Orixas que aumentou a minha curiosidade.
    abracao
    Sidney

    ResponderExcluir
  102. Mucuiu Padrinho.
    Fuçando no google, achei interessante.
    A Quimbanda esta organizada hierarquicamente em sete grandes reinos, as Sete Linhas da Quimbanda, sendo que na Quimbanda também é Oxalá quem manda, o Sr. Omolu é o Rei, coroado por Oxalá, este delega os poderes aos Exus Chefes de Falange:

    1. Linha das Encruzilhadas: Exu Tiriri

    2. Linha dos Cruzeiros: Exu Meia Noite

    3. Linha das Matas: Exu Arranca Toco

    4. Linha da Calunga Pequena (cemitérios): Exu Caveira N

    5. Linha das Almas: Exu Tranca Ruas das Almas

    6. Linha da Lira: Exu Sete Liras

    7. Linha da Calunga Grande (praia): Exu do Lodo



    É importante lembrar que quando o Exu, qualquer um Deles, estiver incorporado no Pai de Santo, no dirigente dos trabalhos, Ele esta trabalhando com a Coroa e por este motivo é o Chefe dos trabalhos da Gira de Quimbanda tendo liberdade de movimento entre os Reinos através do contato com os outros Exus presentes no trabalho. Trabalhar com os, "compadres", Exus requer muito respeito e consideração por parte dos dirigentes, médiuns e consulentes pois são Entidades muito poderosas, de muito Axé.


    abs.

    kiko.

    ResponderExcluir
  103. Concordo com Luna!
    Os primeiros numeros sao bons...porem faltou contar o meu acesso daqui da Bahia...
    Beijos pai, como sempre, você arrebenta!

    ResponderExcluir
  104. Kiko,
    O que quer dizer "Linha da Lira"?
    Obrigada
    Aline

    ResponderExcluir
  105. Tatiana,
    Copiei a mensagem do cabloco Ubirajara e enviei para uma pessoa que precisava.
    Muito obrigada por dividir esta força conosco.
    A espiritualidade trabalhando onde e quando menos se espera.
    Sei que ler o texto fez a diferença para este irmao!
    Sarava
    Aline

    ResponderExcluir
  106. Painho, esta é para você que admira os esquimos.
    Achei bastante curioso e decidi postar.

    Mais trechos do livro "A Linha do Oriente na Umbanda":

    "O povo esquimo, cujo verdadeiro nome é Inuit, ocupa a gelida regiao do Circulo Polar Artico que abarca o Alasca, a Groenlandia e o Canada (cafe pequeno para eles o frio do Parana, rsrsrsrs...).
    O povo intuit tornou-se o primeiro herdeiro do Xamanismo siberiano, preservando-o por milenios em seus rituaide cura, realizados a luz das auroras boreais. Detem a forma mais pura do conhecimento ancestral siberiano.
    Segundo os Xamas do Alasca , os Anganuit, tudo é constituido de espiritos, evocados mediante canticos e percussao. Seus animais guardioes de poder sao magnificamente representados em policromaticos totens e pinturas. As iniciaçoes sao praticadas no total isolamento das imensas planicies brancas e geladas do Artico."

    "Onde tudo é gelado,
    Onde tudo é gelado,
    Tem um povo esquimo
    Que conhece a Lei de Umbanda,
    Que conhece a Lei de Umbanda!"

    Outro:

    "La na Groenlandia,
    Onde tudo é nevado,
    Onde tudo é nevado
    Tem um povo Esquimo
    Que conhece a Lei de Umbanda!"

    (Ponto do Povo Esquimo)

    Sarava!!!

    ResponderExcluir
  107. Pai Fernando,

    Boa noite!!!! Faziam 2 ANOS que não dormia tão bem qto dormi a noite passada depois do Amaci. Nem a dor no pescoço que está me judiando a 3 dias atrapalhou o sono.... Minha coroa está latente.. não dói, mas eu sinto ela 'vibrando'... normal, né? hehe

    Beijinhos MUITO carinhosos, Dê

    ResponderExcluir
  108. Jacqueline

    Obrigada pelo esclarecimento. Esse blog é um ótimo espaço pra quem, como eu!, está começando neste caminho e ainda tem muito a aprender.

    Muito obrigada!

    ResponderExcluir
  109. Aline!!! Uma vez fiz um curso de Xamanismo e descobri que meu Animal de Poder é a águia. E eu vi uma águia branca (com uma pequena área de preto nas garras) que me guiava. Isto foi há 2 anos mais ou menos. Nessa mesma ocasião vi a estrela de David, estrela de 6 pontas também. Muito forte a sensação... com uma luz branca intensa. Por isso perguntei ao pai fernando por Caboclo Águia Branca, pq tudo isto tem muito significado para mim... E também pq eu já fiz mtos pedidos a ele há mto anos..
    Pai Fernando o Xamanismo poderá de alguma forma estar ligado aos caboclos da umbanda...?
    Obrigada e beijinhos.
    Ana

    ResponderExcluir
  110. Bom dia Pai Fernando,

    Estou impossibilitado de frequentar a amada Umbanda pois tive que me mudar p/ Natal Rn e aqui não encontro um terreiro p/ ir... eu estava em desenvolvimento.
    Só que eu sinto uma falta imensa de trabalhar, de poder ser util e tudo mais. Chegou em um ponto que estou ficando cada vez mais triste e angustiado, querendo largar tudo aqui e ir embora...
    Pai, teria alguma coisa que eu pudesse fazer p/ amenizar essa falta que sinto?? (só amenizar, pois tenho fé que um dia vou conseguir voltar a frequentar um terreiro!).
    Desde já meu muito obrigado!

    Leandro

    ResponderExcluir
  111. Mucuiu Padrinho.
    Olá a todos.
    Olá Aline. Tudo bom contigo ?
    Na verdade, a primeira vez que vi este exu, foi no TPM, e mesmo assim vendo o retrato intuitivo do Jimmy. Nunca tive o prazer de conhecer, mas fui fuçar a respeito da LINHA DA LIRA. Aqui um resumo do que vi agora de manhã, que espero que acrescido das informações de pessoas que convivem com ele, nos de uma luz melhor a respeito.
    6. Reino da Lira

    Os chefes deste reino são muito mais conhecidos por seus nomes sincréticos: Exu Lúcifer e Maria Padilha. Seus nomes quimbanda: Exu Rei das Sete Liras e Rainha do Candomblé (ou Rainha das Marias). Os apelidos referem-se à sua afinidade com a dança, a música e a arte (lira e candomblé). Dentro do reino da Lira, que também às vezes é chamado "reino do candomblé" não pelo culto africano aos orixás, mas por ser essa palavra, "Lira", relacionada de dança e música ritual. Trabalham aqui todos os Exus que têm afinidade com a arte, a música, poesia, boemia, artes ciganas, malandragem, etc.. Pertencem a este reino:

    Povo dos Infernos - Chefiado por Exu dos Infernos
    Povo dos Cabarés - Chefiado por Exu do Cabaré
    Povo da Lira - Chefiado por Exu Sete Liras
    Povo dos Ciganos - Chefiado por Exu Cigano
    Povo do Oriente - Chefiado por Exu Pagão
    Povo dos Malandros - Chefiado por Exu Zé Pelintra
    Povo do Lixo - Chefiado por Exu Ganga
    Povo do Luar - Chefiado por Exu Malé
    Povo do Comércio - Chefiado por Exu Chama Dinheiro

    * Lira é, também, uma cidade africana, que fica nas fronteiras orientais do Reino Baganda, atualmente, região de Kampala, capital de Uganda - África. Esta referência parece ser mais precisa no que se refere à denominação Reino da Lira.
    Provindo do povo árabe, que veio como escravo ao Brasil junto com um contingente que provinha da África Oriental. Seu Este, como seu nome indica, se manifesta sob a aparência de um cigano. Quando vivia foi um cigano nome em vida era Hassam. Por ser o primeiro cigano que se iniciou no culto afro-brasileiro que ele conheceu no cativeiro junto com os demais escravos, obteve o privilégio de ser o comandante dos demais ciganos que se iniciaram, de onde passou a ser chefe do povo cigano. Logo, quando começa a manifestar-se, primeiro na macumba primitiva, logo depois na Umbanda e por último como "Exu de Alto" se dá a conhecer como "Cigano L'erú" que significa: "O cigano que foi escravo", dando a entender que foi um dos que chegaram primeiro.Exu Cigano da Lira – Que faz alusão aos conceitos: a) que provém de uma cidade africana chamada Lira e que fora a princípio um ponto de encontro entre várias raças para comerciar; b) que é hábil compondo canções, cantado e tocando instrumentos variados.
    Abraço a todos.
    Axé.

    ResponderExcluir
  112. Ana, vc deve saber que o Caboclo Akuan tem na Águia a sua grande força e por causa disso ela é o simbolo dele em nosso terreiro. A Umbanda, ao menos a que o Caboclo Akuan me ensinou, tem ligação direta com a civilização Maia e com o Xamanismo, muito embora eu, particularmente, nada conheceço sobre isso. Para vc ter uma idéia outro dia um consulente disse ao Caboclo Akuan que tinha lido em um livro escrito por um Xamã uma determinado conceito. O Cab. isse que não podia ter sido escrito por um Xamã, porque eles vivem recolhidos em lugares inacessiveis ao homem. Arrematou : vc nunca consegue encontrar um Xamã, mas ele de acha quando vc precisar... FMG

    ResponderExcluir
  113. Leandro, o que vc pode fazer é continuar em sintonia com as entidades, através de amalás e meditações, alem de fazer parte ativa desse blog. Isso pode dar mais animo para vc. FMG

    ResponderExcluir
  114. Kiko, ponha os pés no chão. Exu dos Inferno que fique por lá. Toda essa história do Exu 7 da Lira pode ser diferente, mas na verdade, segundo eu aprendi com meu pai de santo Edmundo Ferro e já li em vários relatos de outros pais de santo, que o Exu da Lira é o espirito do cantor brasileiro Chico Alves. O desenho do Jimmy deve ter sido em outra reencarnação dele. Veja o ponto que ele deu para mim e que cantamos em nosso terreiro:

    "Exu Sete da Lira
    Letra da entidade
    Música: Leo, Beco, Bitty, D.Ieda, Gustavo

    Sou Exu, trabalho no canto
    Quando canto desmancho quebranto
    Sete cordas tem minha viola
    Vou na gira
    De lenço e cartola
    Viola é tridente >
    Cigarro é charuto
    Bebida é marafo
    Sou Sete da Lira
    Derrubo inimigo
    Ponteiro de Aço. > bis."

    Pé no chão, Kiko.
    FMG

    ResponderExcluir
  115. Pai Fernando,
    xeretando coisas antigas, encontrei esse texto. Divido com todos os blogueiros que por aqui passam.

    Sou a fuga para alguns, a coragem para outros. Sou o tambor que ecoa nos terreiros, trazendo o som das selvas e das senzalas. Sou o cântico que chama ao convívio seres de outros planos. Sou a senzala do Preto Velho, a ocara do Bugre, a cerimônia do Pajé, a encruzilhada do Exu, o jardim da Ibejada, o nirvana do Hindu e o céu dos Orixás. Sou o café amargo e o cachimbo do Preto Velho, o charuto do Caboclo e do Exu; o cigarro da pomba-gira e o doce da Criança. Sou a gargalhada da Padilha, o requebro da Cigana, a seriedade do Tranca-Rua. Sou o sorriso e a meiguice de Maria Conga e de Vovó Cambinda; a traquinada de Mariazinha e Doum e a sabedoria do Caboclo Urubatão. Sou o fluído que se desprende das mãos do médium levando a saúde e a paz. Sou o isolamento dos orientais onde o mantra se mistura ao perfume suave do incenso. Sou o Templo dos sinceros e o teatro dos atores. Sou o mistério, o segredo, o amor e a esperança. Sou a cura. Sou de ti. Sou de Deus. Quem eu sou? Eu sou a Umbanda.

    ResponderExcluir
  116. Oi padrinho.
    Mucuiu.
    foi só uma pesquisa da internet.
    Como disse no começo do texto, no TPM foi a primeira vez que vi este exu.
    Náo estou de maneira alguma afirmando algo. Só quando foi postado o assunto sete linhas da quimbanda fui pesquisar opnióes diferentes no google.
    quando a aline perguntou, voltei a pesquisa e 'colei' e 'copiei' o que li. achei que poderia enrriquecer mesmo como referencia errada, para sabermos o certo.
    foi mal.
    errando se aprende.
    abs.

    kiko.

    ResponderExcluir
  117. Oi padrinho.
    Mucuiu.
    foi só uma pesquisa da internet.
    Como disse no começo do texto, no TPM foi a primeira vez que vi este exu.
    Náo estou de maneira alguma afirmando algo. Só quando foi postado o assunto sete linhas da quimbanda fui pesquisar opnióes diferentes no google.
    quando a aline perguntou, voltei a pesquisa e 'colei' e 'copiei' o que li. achei que poderia enrriquecer mesmo como referencia errada, para sabermos o certo.
    foi mal.
    errando se aprende.
    abs.

    kiko.

    ResponderExcluir
  118. "Aline, para ter sintonia através da intuição tem que haver basicamente uma atenção aguçada e acrediar em si. FMG"

    Mucuiu Painho,
    Sarava blogueiros!

    Lembro que a pergunta que desencadeou esta frase como resposta, era enorme.
    Estou repensando meu vicio de complicar as coisas simples. Demorei quase uma semana para absorver mais um ensinamento.
    Fiquei atenta na segunda feira, dia de minha gira. Apesar de nao ter podido fazer um amala, trabalhei.
    Houve uma situaçao inusitada: Na tarde da segunda feira dormitei apos um almoço leve, e fui levada pelo astral. Nao lembro de nada, salvo a sensaçao maravilhosa.
    Existe uma preparaçao astral previa para as giras?...Provavelmente sim, me antecipo...Se assim for, acho que estava por perto.
    "Atençao aguçada"
    "Acreditar em si"
    Obrigada pai. Estou tentando.

    ResponderExcluir
  119. Kiko,
    Esta cidade da Lira me parece encantadora, assim como nossos queridos Exus!
    Obrigada pela atençao. Adoro o povo da Esquerda de Deus. Lado do coraçao!

    Laroiê todos os Exus e Pomba Giras!!
    Sarava!
    Aline

    ResponderExcluir
  120. Kiko, nada com vc., mas quando eu digo "Kiko" eu me refiro a todos os que participam do Blog e quando eu digo "pé no chão" é para mostrar que as coisas são bem mais simples do que parecem. FMG

    ResponderExcluir
  121. Aline, devagar nesta Cidade da Lira. Fique atenta, onde mora o Exu do Inferno vc está proibida de entrar. FMG

    ResponderExcluir
  122. Sua benção Pai Fernando,
    voltando ao assunto orixá feminino e masculino.
    Por que quando se joga obi para uma mulher e ela é filha de um orixá feminino é jogado para ver o orixá masculino??
    Elis

    ResponderExcluir
  123. Olá Pai Fernando!Pôxa, eu sumi mais do pensei!Da última vez estávamos no tema livre 7 e agora -uau!!- já é o 11!!! Bem. Vou contar porque sumi:Aconteceu algo completamente inédio ma minha vida espiritual e só agora estou conseguindo mais ou menos voltar para o que chamamos mundo real. Através de uma consulta ao Exu Tranca Rua das Encruzilhadas cheguei ao médium que o recebia e que iniciou um trabalho diferenciado com a espiritualidade. Faz parte desse trabalho o uso da Ayahuasca. Fiquei reticente no início mas resolvi
    conhecer.Foi uma experiência inenarrável e agora entendo o que o Ney Matogrosso e Maitê Proença diziam quando nas entrevistas falavam sobre essa prática.Tive uma experiência sensorial com Oxum que é impossível de descrever por mais que a gente tente.O que tenho lido sobre o assunto - tenho dedicado muito tempo a isso - diz que o chá proporciona uma visão holográfica do mundo, como o cérebro percebe.Racionalmente falando,a impressão que dá é de uma simples alucinação , mas a experiência é muito viceral, é real. Por um instante a minha mente se abriu e eu pude entender tudo, sem que fosse dita palavra.
    Gostaria muito , se o Pai Fernando permitir, de trocar experiência sobre esse assunto. O líder do grupo pretende criar um terreiro de umbanda e gostaria de saber se há outras experiências nesse sentido:umbanda e ayahuasca. Tenho a impressão de estar entrando num caminho totalmente novo e estou muito entusiasmada.
    Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  124. Nossa, Pai Fernando...FANTÁSTICA sua resposta sobre os tipos de umbanda!Uma vez fui a um terreiro de umbanda esotérica e quando o palestrante afirmou para os visitantes que o objetivo da umbanda esotérica era "desafricanizar" a umbanda me deu vontade de levantar e ir embora. Só não o fiz por educação.Já li sobre todos esses tipos de umbanda que o senhor citou, sei um pouco sobre cada uma. Já fui a "trocentos" terreiros aqui em BH, mas sempre sinto falta de algo.Agora estou envolvida com o grupo que citei anteriormente , mas não tenho certeza de nada. O senhor não quer criar aqui em Belo Horizonte uma especie de filial do TPM não? Sei lá, um terreiro filiado ou coisa assim?

    ResponderExcluir
  125. Sobre mulher incorporar femininos e masculinos ouvi uma vez ,não sei onde, que é porque a mulher tem a condição física de receber no seu corpo pela gravidez, homens e mulheres.Afinal, é a fêmea que gera todos os corpos.Daí a facilidade para receber tanto um espírito quanto outro. Achei interessante...

    ResponderExcluir
  126. Pai Fernando, mucuiu!

    Acredito que todas as entidades tenham suas histórias, seus campos de atuação, sua forma de trabalhar.

    Mas não consigo crer nessas histórias de 7 linhas da Quimbanda etc e tal. Acredito sim que haja uma organização hierárquica - na verdade deve é haver o bom senso e o respeito - no Astral, seja para a esquerda, quanto para a Direita. Mas dizer que entidade é tão, mais ou menos forte que outra é besteira. Que uma manda mais que a outra. Enfim, no Astral estão todos a serviço de uma força apenas. Acredito eu!

    É a história contada em seu livro Grifos do Passado onde o Paulinho Petry pergunta a sua mãe, Cris Mendes. No Terreiro de Akuan, este manda nos outros. No Terreiro de Rompe Mato, este é quem manda.

    A Umbanda é mais simples. Muito mais. Esse é um problema que todos os Umbandistas incautos caem: codificação. Balela!

    Umbanda É PÉS NO CHÃO!!! Sem muitas viagens! Bom senso é fundamental. Parar para pensar nos por quês é importante para a compreensão de muita coisa.

    Agora, as perguntas:

    1. Se há linha para Ogum, por exemplo, Ogum Megê, Ogum de Lê (ou Lei?), Ogum Matinata (Ar), Ogum Naruê e outras possíveis, há linha para Oxóssi? Por quê? Para quê servem essas linhas?

    2. Sempre fui curioso pela questão do "Lá no Polo Norte onde tudo é gelado, tem povo esquimó que conhece a Lei da Umbanda". O que me leva a crer que a Umbanda - não a de hoje - vem numa evolução através dos tempos. O ano de 1908 foi apenas um marco divisório. Mas ela vem desde os esquimós. Ou antes disso até. Milhares de anos. Isso me leva a crer que hoje estamos numa fase específica da Umbanda. O amanhã, só o futuro para dizer. Pergunta: qual sua opinião sobre o futuro da Umbanda? Como se trabalhará com a Umbanda? Me fiz entender?

    Obrigado e fraterno saravá!

    Rodrigo

    ResponderExcluir
  127. Elis, é que o pai de cabeça pertence a um Orixá masculino (Ogum, Oxóssi ou Xangô). FMG

    ResponderExcluir
  128. Miriam, que legal vc querer uma filial do Pai Maneco aí em Belo Horizonte. Quem sabe possa acontecer, se for a vontade dos espiritos. Quanto a outra postagem vou publicar depois porque quero me inteirar do assunto que vc mencionou. FMG

    ResponderExcluir
  129. Miriam, falando com o pé no chão, o homem não incorpora espirito feminino por constrangimento. Não tem nada com a mulher gerar filhos. FMG

    ResponderExcluir
  130. Boa tarde a todos!!!
    Tô falando pai Fernando, que o bonequinhos do log do Pai Maneco tem haver com as filiais que o senhor abrirá pelo mundo a fora...hehe.
    Essa foi minha intuição quando ví o log ao pisar no terreiro.
    Saravá.
    É isso ai Miriam!
    Estude bastente para ter um terreiro por ai!!!
    Axé.

    ResponderExcluir
  131. Umbanda é sentir o coração bater forte

    com o grito do Caboclo.

    É deixar as lágrimas rolarem

    aos pés do Preto-velho.

    É perceber o corpo arrepiando

    ao repique da Curimba na chegada de Ogum.

    Umbanda é emoção, é vida,

    é mudança de atitude e de valores.

    Umbanda é Paz de espírito, é Liberdade,

    Superação e Convicção.

    Umbanda é Fazer de novo fazendo Diferente.

    Umbanda é caridade pura e simples.

    Umbanda é coisa séria, para gente séria!

    Que a Luz de Oxalá nos Ilumine e

    que as Forças de Oxum nos unam na Fé de Olorum

    Saravá !!!

    ResponderExcluir
  132. OBRIGADÍSSIMA PAI FERNANDO!!! É TUDO QUE POSSO DIZER.

    ResponderExcluir
  133. Rodrigo, teu comentário está muito bom e bem enquadrado dentro do que, acho, todos nós pensamos. Vamos deixar de falar nas linhas de Ogum e Oxossi porque já falamos bastante sobre isso. O ponto mais importante do teu comentário é exatamente sobre o futuro da Umbanda. Claro que quando vc fala em um futuro não se pode ficar de lado o passado. Talvez fosse tenha razão em buscar tão longe a existencia da Umbanda, não se sabe. Mas o futuro da Umbanda vai depender do presente. Vamos faze-la com amor, com carinho, dedicação e vamos desvendando seus misterios, que quem sabe a Umbanda seja a religião do futuro. Não devemos esquecer que o presente é o resultado do passado e o futuro vai o resultado do presente. FMG

    22 de Julho de 2009 18:10

    ResponderExcluir
  134. Miriam, vc pode esclarecer o que é para que todos saibam e que se quebrem eventuais tabus,principalmente sobre o grupo conhecido como Santo Daime. FMG

    ResponderExcluir
  135. (Afrânio)

    Pai Fernando Mucuiú!

    Quando estivermos fazendo um amalá e sentirmos a aproximação forte de um Guia, é melhor a gente desconcentrar? Pois se a gente concentrar muito parece que algo vai se manifestar atarvés da gente.

    ResponderExcluir
  136. O futuro se ergue tomando o passado como inspiracao e o presente como ação.
    E para esse futuro ser justo tb com os Exus tb depende mto de nos...Se cremos que representa tudo de bom nao se pode admitir compactuar com demonizacoes ou banalizacoes. Se a Umbanda é paz e amor pq o Exu seria diferente? Se a Umbanda é pés no chao pq seria diferente com os Exus?
    abracos
    Sidney Oliveira

    ResponderExcluir
  137. (Afrânio)

    Leandro querido prazer!

    Vi na mensagem que mandaste pro Pai Fernando que estás morando em RN.
    Olha eu moro no Ceará, numa cidade que é fronteira com a cidade de Mossoró/RN.
    Eu sou filho do Terreiro também, se quiser pode entrar em contato comigo através de meu e-mail: afraniocagece@hotmail.com.A gente pode programar estudos da nossa amada Umbanda, quando tiveres um tempinho e eu também, daí eu faço um esforço vou aí depois vc vem aqui.

    Fraterno abraço.

    Saravá meu querido irmão!

    ResponderExcluir
  138. Afrânio, o objetivo do Amalá é exatamente fazer com que aconteça a aproximação das entidades. Fique tranquilo que ele não vai incorporar. FMG

    ResponderExcluir
  139. Leandro, já veio a resposta. O Afrânio é gente muito boa. FMG

    ResponderExcluir
  140. Pai Fernando, conheci uma menina muito querida que mora em Blumenau/SC ela participa de um terreiro lá e a mãezinha dela está vindo p/ Curitiba fazer uma cirurgia na coluna amanhã pela manhã. Gostaria de pedir aos amigos do Blog que mandassem energias positivas para que corra td bem e que ela se recupere bem tb. O nome da senhora é Georgette Buhatem, ela tem 73 anos, nasceu em 28/04/36.
    Tivemos contato pq a mãe de santo dessa menina utilizou o vídeo do TPM no Discovery p/ fazer uma palestra lá no terreiro de Blumenau, mas a parte que ela utilizou não tem a identificação do terreiro. Qdo eu falei que o vídeo era do Pai Maneco, ela comentou que o TPM é muito famoso lá por Blumenau e que a mãe de santo agradeceu e ficou feliz em saber que o vídeo era do TPM. :o)

    Beijinhos e obrigada pelas boas vibrações pela mãe da minha nova amiga. :o)

    ResponderExcluir
  141. Joaozinho querido!!!Irmao!!!

    So agora li seu texto...Ele tinha passado despercebido!!!! (grande Oxossi na area! rsrsrs)

    Tenho lagrimas nos olhos. Tenho que postar isto, pois todos devem saber!
    Tenho pensado com tanta força no Caboclo do Mar!!! Principalmente esta semana!
    Tenho recolhido conchinhas para Ele, estou guardando num pote de vidro transparente, pois assim posso olhar para as elas todos os dias!
    Tive a intuiçao de recolher tambem um pouco de areia e de argila, que colocarei em outros potes de vidro. Tenho uma pedra com algas que recolhi la das bandas do Didi, no dia da nossa gira por la. E Dele tambem!
    Vou levar tudo e a mais o colar de conchas grandes, que Ele me pediu, na proxima vez que visitar o terreiro junto com a Yaya, minha filha.
    Mais uma vez o Pai tem razao, se nao nos afinarmos atraves da intuiçao, muitas vezes nao percebemos os recados enviados pelo astral.
    Joao, você é grande!!!!
    Amor,
    Aline

    ResponderExcluir
  142. Dê, recebi seu recado no Orkut...
    Desconsidere o comentario sobre o "sono dos Boiadeiros", Eles ja conseguiram te botar pra dormir!!!!...afinal, qual o boi que nao se dobra?!!!!
    Parabens pelo Amaci!!!
    De agora em diante ira se sentir cada vez melhor!!!
    Beijos querida irma!!!
    Sarava!!!

    ResponderExcluir
  143. Leandro, compartilho com você e com o Afranio, a saudade que faz o terreiro.
    Sou da Bahia, que afinal nao fica tao longe!!!Pode contar comigo tambem!
    Alias, qualquer hora destas o Nordeste se manifesta numa grande gira em Homenagem ao Nêgo que nos uniu!!
    Sarava ao Pai Maneco no Nordeste!!!!
    Aline

    ResponderExcluir
  144. Ana,
    Estou pesquisando sobre o xamanismo. Tem muito material para ler sobre o assunto. Quando você chegar aqui vamos conversar sobre esta tua experiencia.

    Num livro sobre religioes orientais e seus intercambios com a nossa umbanda, vi uma breve citaçao sobre o Caboclo Akuan.Sarava o caboclo e sua aguia que guia nossas vidas!

    Sobre os maias, o livro cita a inteligencia, a sagacidade, que consideravam as paisagens da natureza como lugares sagrados significativos e que haviam rituais de ingestao de bebidas narcoticas e plantas alucinogenas.

    ResponderExcluir
  145. Miriam,
    Nunca experimentei o Ayhuasca, mas ja é um grande conhecido.Imagino como esteja se sentindo.
    Tenho dois amigos peruanos que ja vivenciaram esta experiencia. Na epoca eles estavam hospedados conosco aqui no Brasil e um deles era iniciado no xamanismo. Foi uma experiencia forte para todos nos, mesmo que nao tenhamos participado ativamente. Eles ficaram do lado de fora de casa, numa barraca de camping, mas a energia foi tao forte, que invadiu a casa, onde estavamos. Moravamos numa chacara e a força que vinha era estranha, fiquei incomodada (estava gravida na epoca).
    Meu marido tem tambem uma historia forte nas montanhas da Bolivia, mas deixo a ele se quiser, postar.
    Ja ouviu falar em Maria Sabina, xama mexicana, que utilizava cogumelos como alucinogeno para viagens astrais?
    Meu marido acaba de adquirir um livro sobre sua vida e seu trabalho. Era uma mulher fortissima.
    Começei um estudo sobre xamanismo, pois muito me interessa e se for escolhida pelo ayhuasca ou cogumelos; ou ainda se algum xama me encontrar, com certeza estarei aberta à experiencia.
    Uma pessoa legal para falar um pouco do assunto é o pai Bitty, tomara que ele entre na discussao.
    Sarava!!!

    ResponderExcluir
  146. Buenos dias a todos!

    Quanto a incorporação de espíritos masculinos e femininos em homens e/ou mulheres, me peguei pensando: e desde quando o peão / boiadeiro fica avaliando o sexo do cavalo antes de montar? rsrs O que importa pra ele é a qualidade do cavalo, se é dócil ou não, se é saudável, etc...

    Assim, creio que as dificuldades em incorporar ou não são dos encarnados, e não dos espíritos.

    Eu mesma tive um pouco de dificuldade em aceitar que trabalho com um Cigano. Qdo percebi o tamanho da mancada, me desculpei com ele e com meus Guias, e hoje estamos nos firmando, livres da "vergonha" ou sei lá o que de se trabalhar com uma entidade masculina... E agora começo a firmar também o trabalho com Exú.

    Saravá!

    ResponderExcluir
  147. Salve Pai Fernando !!!

    Noticias vindas do Rio de Janeiro...

    Umbanda vira patrimônio imaterial do Estado
    O Globo

    RIO - O governador Sérgio Cabral sancionou, nesta quarta-feira, a Lei 5.514/09, de autoria do deputado Gilberto Palmares (PT), que declara a Umbanda como patrimônio imaterial do Estado do Rio de Janeiro.

    - A partir do momento em que os cultos viram patrimônio, eles passam a ser mais divulgados, diminuindo a intolerância e a violência. Cabe ressaltar ainda que a umbanda é uma religião genuinamente brasileira - comentou Palmares, em nota.

    O deputado também é autor da Lei 5.506/09, que declara o candomblé como patrimônio imaterial do Estado.

    Aqui no RJ, tá na lei.

    ResponderExcluir
  148. Fernando M Guimarães, pai de santo disse...
    Pessoal, vamos vibrar pela Georgette Buhatem que essa turma do blog já está forte e com plena capacidade de ajudar as pessoas. FMG

    23 de Julho de 2009 10:00

    ResponderExcluir
  149. Aline, Miriam e todo o pessoal do blog. Sou muito resleitador e ético. Acho que se as pessoas quiserem usar cogumelos e ervas, tudo bem. Cada um faz o que quer e sob sua inteira responsabilidade, mas eu, particularmente, detesto e condeno tudo que me possa tirar minha razão ouos meus pés do chão. Incorporo, viajo, saio do corpo se necessário, já me briguei no soco com espirito no espaço (verdade que apanhei) e isso sem beber, fumar, cogumelar ou sei la o que mais. Não quero que esse blog sirva de incentivo para essas experiencias. FMG

    ResponderExcluir
  150. Mauro, aqui no Paraná o deputado Reinold Stephanes apresentou um projeto, sancionado e já em vigencia, que cabe ao estado pode declarar como bem imaterial a Umbanda, estando em tramitação já bem avançado que a Umbanda no Paraná também será considerada patrimonio imaterial. Viva a religião já consagrada como brasileira! FMG

    ResponderExcluir
  151. Tá certo Pai Fernando.Eu ouvi falar sobre o santo daime há algum tempo e desde então sempre tive curiosidade de experimentar mas me faltava informação segura.Eis que a oportunidade surgiu numa cadeia incrível de "coincidências" que, junto com as informações que busquei me deram segurança para ter a experiência.Através de uma consulta ao Exu Tranca Rua das Encruzilhadas, cheguei a um grupo espiritualista que promove ,entre outras coisas, trabalhos com o chá da ayahuasca. Esse grupo é liderado por um caboclo.Como eu tenho extrema dificuldade de me entregar, de relaxar, o coordenador achou que seria uma experiência válida para mim. E, de fato, foi a vivência mais viceral que eu já tive.
    A planta é considerada sagrada e usada por índios sul americanos há mais de 2000 anos. Já foram feitas inúmeras pesquisas científicas no campo da toxicologia e farmacologia que atestaram tudo o que os povos simples conhecedores da natureza diziam.Pesquisei aspectos legais e tudo está devidamente amparado pela legislação brasileira, inclusive pela OMS-a organização mundial da saúde.Mas a gente sempre fica com uma pulga atrás da orelha.O que posso dizer é dos resultados:nunca me senti tão bem em toda a minha vida!Nos dias seguintes à experiência que se dá na natureza( um sítio ao ar livre)senti-me plena, leve , madura e segura de mim mesma.A experiência é totalmente individual; cada um tem uma reação.Tudo que eu li, vivi e aprendi até hoje sobre espiritualidade foi útil na minha experiência com santo daime (na verdade santo daime é uma religião, mas o nome é usado também para designar o chá da ayahuasca).E foi por isso que sumi do blog!!! Fiquei alguns dias num estado de encantamento que não me permitia querer saber do mundo lá fora...Não é que eu estava dopada, nada disso. Eu estava imersa na quantidade de informações que tive durante o efeito do chá. Foi um ritual mágico, divino, de cura individual e do planeta. É uma ligação fanatástica com a natureza da criação, e eu vivenciei a outra dimensão, mas sempre consciente de tudo que se passava. Vi Oxum na sua forma original. Algo indescritível que lembra o formato de uma cachoeira, mas não é de água. Uma estrutura que não tem palavras na nossa linguagem; me vi no futuro, experimentei a sensaçõ de perda da noção de tempo e a sensação de eternidade.Aliás , a sensação de eternidade foi quase insuportável. Pude ver claramente a entidade que dirigia os trabalhos e isso para mim não teve preço. Não dá pra narrar tudo, vai ocupar muito espaço. Estou aguardando o próximo ritual e só o que está me incomodando é que gostaria de ter essas sensações todas sem o chá. Mas certamente ele existe para pessoas que precisam dele né?!.Puxa! Falei muito!!!!É isso Pai Fernando. Obrigada pela oportunidade!Gostaria de saber mais sobre a ligação da umbanda com o daime. No norte do país, por exemplo, o ritual lembra muito uma sessão umbandista.
    Abraçãos a todos!

    ResponderExcluir
  152. Miriam, o que escrevi ésó um alerta para aqueles que não têm a consciencia dos perigos que uma religião pode trazer quando ela é feita de forma irresponsável. Não tenho nada contra o Santo Daime, ao contrário, sempre tivemos excelente relação, recebemos desde o inicio do nosso terreiro visitas dos praticantes do Santo Daime, inclusive uma vez cedenos nosso espaço para que eles tivessem uma reunião, tem pessoas ligadas diretamente ao Santo Daime no Rio de Janeiro que pertenceram e ainda têm alguma ligação conosco. Só avisei por cautela. FMG

    ResponderExcluir
  153. "Sou muito respeitador e ético. Acho que se as pessoas quiserem usar cogumelos e ervas, tudo bem. Cada um faz o que quer e sob sua inteira responsabilidade, mas eu, particularmente, detesto e condeno tudo que me possa tirar minha razão ouos meus pés do chão. Incorporo, viajo, saio do corpo se necessário, já me briguei no soco com espirito no espaço (verdade que apanhei) e isso sem beber, fumar, cogumelar ou sei la o que mais. Não quero que esse blog sirva de incentivo para essas experiencias." {2}

    Saravá Luna.

    ResponderExcluir
  154. Bom dia a todos!

    Só para informação pai Fernando...Eu trabalhei com entidades masculinas por 11 anos direto. Sem vir umazinha feminina. Só a Dora que vinha, mas geralmente nas festas ciganas e em trabalhos ciganos. Fora isso era só exú, caboclo, preto e criança...Todos masculinos.
    Axé.

    ResponderExcluir
  155. Oi Padrinho.
    Mucuiu.
    Tudo bom com o senhor?
    Esclarecendo.
    Entendi sim sua colocação. Mais do que isso, entendo que os pais têm a função de educar os filhos, e que isso só é feito quando existe AMOR para com os mesmos. Como disse seu mata virgem quando contei para ele – isso bom meu filho, sinta-se feliz, e acostume-se. Saiu rindo e foi embora.
    E mesmo chamando o senhor de padrinho, de minha parte já o adotei como pai. E to bem feliz com isso. Estou a pouco tempo na sua vida, mas tenho certeza que o acaso não existe.
    Acredite que não discuto, de maneira nenhuma, tudo que o senhor me passa como certo. Não foi a toa que minhas entidades me levaram até sua casa,( E DELAS NÁO DUVIDO NUNCA) que desculpe a liberdade, já tenho como minha Tb. Mas quando o senhor solta uma duvida no ar, vejo a chance de desfrutar da minha curiosidade em prol do blog.
    Preciso deixar claro tanto para o senhor, como para todos meus IRMÁOS blogueiros, que não tenho, nem nunca terei, a intenção de mostrar conhecimento de causa a respeito de qualquer assunto. Principalmente porque o que conheço se transmuta com o passar do tempo, e com meus cabelos brancos aumentando na minha cabeça.
    Minhas verdades partem de um principio básico chamado BOM SENSO.
    É por isso que depois de 31 anos (felizes) na umbanda, me sinto realizado de ter minhas guias novas (e lindas) do TPM. Ler este blog todo dia, aprender com tudo e com todos, e deixar meu coração feliz camboneando, cantando, vibrando, pulando ou atendendo no toco no TPM floripa, mesmo depois de ter sido pai pequeno em uma casa há 20 anos atrás. E levei 13 anos trabalhando sozinho para baixar o topete. Estou no CEEIC a cinco, e por conta da certeza de que sozinhos, não chegamos a lugar algum, preservo antes da doutrina, o amor pelos amigos. Tb sei sua opinião sobre trabalhar demais na umbanda. Mas é assim que me sinto muito feliz. E juro. Felicidade é minha companheira, e sem ela eu não funciono.
    Pés no chão kiko. Também Para caminhar até Curitiba e me dar um abraçinho, pode ser?
    Quero poder continuar a fuçar opiniões contrarias ou até esquisitas, para que o senhor sempre possa nos mostrar a sua. É o que me importa.
    Bj e fica com deus padrinho.
    Tamo ai na estrada.
    AXÉ.
    Kiko da praia.

    ResponderExcluir
  156. Kiko (com sua licença PAi Fernando),

    Acabo de receber de uma irmã de corrente um email com fotos feitas por um ex-surfista que, com uma máquina que tira 10 fotos por segundo, tira lindas fotos de dentro das ondas... E lembrei de vc... Se quiser (outras pessoas tbém né), manda um email pra mim que eu te encaminho as fotos - laura_omshanti@yahoo.com.br

    Abraço!

    ResponderExcluir