Assine aqui para receber atualizações deste blog

quinta-feira, 23 de julho de 2009

TEMA LIVRE -12-

Pessoal, postagens agora vai ser no doze.

164 comentários:

  1. Pai fernando, ja que nos orgulhamos da Umbanda ser a primeira religião Brasileira, o que o Sr acha de traduzir os nomes de objetos e várias outras para a nosso melhor entendimento ex:
    Marafa....cachaça
    fundanga...pólvora
    Qual a sua opinião

    obrigado
    Luiz Roberto

    ResponderExcluir
  2. Umbanda torna-se Patrimonio Imaterial do Estado do Rio de Janeiro. confiram na matéria do jornal O Globo:

    RIO - Menos de uma semana depois de o candomblé ter virado patrimônio imaterial do estado, o governador Sérgio Cabral sancionou, nesta quarta-feira, a Lei 5.514/09, de autoria do deputado Gilberto Palmares (PT), que confere o mesmo título à umbanda. A medida foi comemorada por religiosos e vista como uma forma de combater a intolerância:

    "A partir do momento em que os cultos viram patrimônio, eles passam a ser mais divulgados, diminuindo a intolerância e a violência", comentou, em nota, Palmares, que também é autor da lei que declara o candomblé como patrimônio imaterial do estado.

    Para a professora de antropologia da UFRJ e autora do livro "Guerra de Orixá", Yvonne Maggi, o tombamento é uma forma de dar legitimidade à religião, além de preservar seus aspectos culturais:

    - A umbanda foi criada no Rio de Janeiro dos anos 20 por um grupo que se separou do Kardecismo, mas que não queria assumir todos os ideais do candomblé. O tombamento preserva essa cultura. O mais difícil é mudar a relação cotidiana entre os fiéis de várias religiões.

    A diretora da Congregação Espírita Umbandista do Brasil (Ceub) Fátima Damas espera que a lei faça com que a crença seja vista com outros olhos:

    - Estou muito feliz. É uma coisa que queríamos muito. Nossa religião é genuinamente brasileira, mas a sociedade não a vê como tal. O problema é que a falta de conhecimento faz com que muitos tenham preconceito.

    Ela ressalta que, apesar do tombamento, a luta contra a intolerância continua. No dia 20 de setembro, religiosos pretendem fazer a Segunda Caminhada Pela Liberdade Religiosa, no Posto 6, em Copacabana.

    - Queremos fazer uma caminhada nacional e reunir cerca de 100 mil pessoas. Vários estados já estão organizando ônibus para vir. Só falta a prefeitura aprovar - afirma Fátima.
    http://oglobo.globo.com/rio/mat/2009/07/22/umbanda-vira-patrimonio-imaterial-do-estado-756923914.asp

    ResponderExcluir
  3. Terminei de almoçar e vim pro computador ainda mastigando.. hehehehe!Pai Fernando, no tema 11 o senhor falou uma coisa, ao chamar minha atençaõ e da Luna, que eu comemorei como alguém vibra com um gol.O sr. disse que gosta de manter os pés no chão e não quer nunca perder o controle de si mesmo.YES!Foi justamente isso que primeiro me chamou a atenção para sua pessoa quando comecei a ler seus escritos,porque eu sou exatamente assim. A diferença é que o sr. tem o dom de ver, ouvir, sentir, brigar com espírito ( adorei) e eu , como disse Elis, não sinto "nadica de nada"...Aí sempre me dizem que é por isso que minha mediunidade não deslancha. Me disseram também que eu sou mental demais, racional demais, só que eu gosto de ser assim! Mas aí eu sofro por não sentir nadica de nada...Percebe o conflito? O sr. é racional mas sente tudo, SABE do mundo espiritual.Eu só sou racional.Até tento forçar e deixar a razão às vezes um pouco de lado mas não funciona. Dá uma agonia que o sr. nem imagina. Como é isso Pai Fernando?Ser médium e naõ sentir nada? O máximo que eu consegui até hoje, fora a experiência narrada anteriormente, foram alguns sonhos meio reais que demooooram pra acontecer.O que será de nós ,médiuns que não sentem nada?

    ResponderExcluir
  4. Pai Fernando, mucuiu!

    Em 2006 estive com uma peça de teatro em Rio Branco, Acre. Tenho um amigo de infância que mora lá. Liguei para ele e nos encontramos. O assunto? Santo Daime e Umbanda. Naquele dia era seu "fardamento", o que, para nós é como o amaci!

    Fui convidado para a festividade. Eles, os membros do Daime, já estavam em encontros diários fazia 50 dias. E todos os dias tomando o Daime para se preparar para a grande festa.

    O lugar é lindo, grande. Vários espaços. Um deles um terreiro de chão batido e com tocos e armários onde algumas poucas pessoas incorporam os pretos velhos que trabalham na casa. Noutro, uma sala com uma mesa gigante onde são realizados os trabalhos com leituras da bíblia, dos livros do Kardec. Uma misturada interessante.

    Dizer que não senti uma força inimaginável é mentira. Um bem estar e um amor espalhados pelo ar. Impressionante.

    O fardamento começa com muita música e todos os membros com sua farda, militar em seu modelo e que não entendi o por que, dançando em círculos e incorporando vez em quando de acordo com os pontos cantados.

    Vez ou outra alguém se retirava dessa pajelança para ir tomar mais um pouco da bebida. Fui lá com meu amigo que me ofereceu dizendo ser importante para entrar em contato com o divino. Respondi que não precisava da bebida para isso. Que se ele quisesse incorporava ali mesmo, só pensando nos pontos de chamada de nossos guias.

    O que quero transmitir, além da minha experiência, é que não precisamos de qualquer "alucinógeno" (desculpa usar essa palavra, mas foi a única que me vem) para entrar em contato com o divino. Claro que cada qual com seu caminho. Mas nossa Umbanda é tão bonita e limpa que através dos atabaques, da música, da alegria e da dança nos encontramos com nossas divindades, nossos guias.

    Tem alguns fatos curiosos dessa viagem. Cheguei no portão para entrar e estava de bermudas. O calor era brutal. Me avisaram que meu amigo havia trazido calças brancas para que eu pudesse entrar, caso contrário não o faria. E fiquei ali a porta de braços cruzados. Um rapaz viu minha tatuagem que carrego em meu antebraço direito que diz "Oke Odé".

    Ele perguntou se era Oxóssi e de onde eu era. Respondi que Oxóssi é meu orixá e que vinha de Curitiba. Resposta: "Conheço o Pai Maneco. Na verdade o site, de onde tiro muitas dúvidas". Caí para trás! Felicidade e emoção. Imagina agora com esse blog se essa pessoa já não está lendo tudo o que escrevo aqui?

    Viva a revolução cibernética! Viva a Umbanda Digital!

    Fraterno saravá!

    ResponderExcluir
  5. Oi Padrinho.
    Mucuiu.
    Tudo bom com o senhor?
    Esclarecendo.
    Entendi sim sua colocação. Mais do que isso, entendo que os pais têm a função de educar os filhos, e que isso só é feito quando existe AMOR para com os mesmos. Como disse seu mata virgem quando contei para ele – isso bom meu filho, sinta-se feliz, e acostume-se. Saiu rindo e foi embora.
    E mesmo chamando o senhor de padrinho, de minha parte já o adotei como pai. E to bem feliz com isso. Estou a pouco tempo na sua vida, mas tenho certeza que o acaso não existe.
    Acredite que não discuto, de maneira nenhuma, tudo que o senhor me passa como certo. Não foi a toa que minhas entidades me levaram até sua casa,( E DELAS NÁO DUVIDO NUNCA) que desculpe a liberdade, já tenho como minha Tb. Mas quando o senhor solta uma duvida no ar, vejo a chance de desfrutar da minha curiosidade em prol do blog.
    Preciso deixar claro tanto para o senhor, como para todos meus IRMÁOS blogueiros, que não tenho, nem nunca terei, a intenção de mostrar conhecimento de causa a respeito de qualquer assunto. Principalmente porque o que conheço se transmuta com o passar do tempo, e com meus cabelos brancos aumentando na minha cabeça.
    Minhas verdades partem de um principio básico chamado BOM SENSO.
    É por isso que depois de 31 anos (felizes) na umbanda, me sinto realizado de ter minhas guias novas (e lindas) do TPM. Ler este blog todo dia, aprender com tudo e com todos, e deixar meu coração feliz camboneando, cantando, vibrando, pulando ou atendendo no toco no TPM floripa, mesmo depois de ter sido pai pequeno em uma casa há 20 anos atrás. E levei 13 anos trabalhando sozinho para baixar o topete. Estou no CEEIC a cinco, e por conta da certeza de que sozinhos, não chegamos a lugar algum, preservo antes da doutrina, o amor pelos amigos. Tb sei sua opinião sobre trabalhar demais na umbanda. Mas é assim que me sinto muito feliz. E juro. Felicidade é minha companheira, e sem ela eu não funciono.
    Quero poder continuar a fuçar opiniões contrarias ou até esquisitas, para que o senhor sempre possa nos mostrar a sua. É o que me importa.
    Bj e fica com deus padrinho.
    Tamo ai na estrada.
    AXÉ.
    Kiko da praia.

    ResponderExcluir
  6. Mucuiú, Pai Fernando de Ogum! Como voce diz " espirito é um corpo energético com mente " consequentemente nós somos um corpo fisico com mente,ok?. Pois bem! O seu Pena Branca disse um dia para uma pessoa que lhe perguntou sobre tomar chá (alucinógeno ) e ele , partindo desta premissa, disse; " minha filha, deliberadamente não entregue nunca o que voce tem de mais importante que é a sua mente ". Penso que ele quiz dizer que, desta forma, ela estaria abrindo mão do seu arbitrio consciente e isto é muito perigoso, pois vai entregar o ouro pros bandidos, né mesmo?. Axé.
    Pai Béco de Oxóssi.

    ResponderExcluir
  7. Pai Fernando, Aline e a todos no Blog. Quando falei da minha experiência com o Xamanismo, não expliquei bem como foi. Não usámos nada que não fosse a nossa capacidade para nos levar a um estado alterado de consciência e, assim, com mais facilidade irmos até onde o espírito nos quiser levar. E levou. Vi a águia e muito mais. Eu não fumo, não bebo. Quando começou o curso foi feita uma defumação, porque no Xamanismo se usa mto as ervas queimadas, para purificar o ambiente. Segui-se uma apresentação da Xamã relativamente ao curso e a história do Xamanismo. Fizemos as viagens xamanicas.. vi o animal de poder, vi outras situação mto forte, vi os simbolos que poderiam me ajudar e proteger, apareceram os guias e alguns simbolos, e por fim.... a Xamã achou necessário fazer uma terapia chamada "Resgate de Alma" e a pessoa escolhida para resgatar a sua Alma fui eu...
    Porque um resgate de Alma serve para ir buscar o pedacinho de Alma que deixámos lá atrás.. numa situação traumática que nos magoou e bloqueou. É como um puzzle... falta aquele pedaço e a pessoa sente um vazio. Durante o processo, eles viram aquilo que tinha causado o desligamento desse pedaço de Alma (assim chamam), foram buscar esse pedacinho e me devolveram o pedaço de Alma que tinha ficado lá atrás.. chorei mto.
    Não fumei, não bebi, não comi cogumelo. Apenas permiti que meu espírito se libertasse um pouco... e fosse feliz por instantes. Beijos a todos.

    ResponderExcluir
  8. JOÃO EMERSON DA COSTA23 de julho de 2009 13:57

    PAI FERNANDO...ONTEM FIQUEI SABENDO QUE NA SEGUNDA VAI TER O CRUZAMENTO DE UM PAI DE SANTO...QUE ORIXÁ É OXALÁ...MINHA FELICIDADE É MUITO GRANDE,NEM PRECISO FALAR A RAZÃO NÉ...ACHO QUE VOU FAZER UM AMALÁ AOS PÉS DA IMAGEM DE OXALÁ QUE FICA EM CIMA DO CORCOVADO...TALVEZ NÃO MATERIALMENTE...MAS ENTREGO O AMOR QUE SINTO PELO TERREIRO DO PAI MANECO A OXALÁ DESDE JÁ,PARA QUE ESTE NOVO PAI DE SANTO TENHA SEMPRE ESTA GRANDE LUZ DIVINA EMANANDO DO SEU CORAÇÃO.SARAVÁ TODOS OS MARAVILHOSO GUIAS DESTE NOVO PAI DE SANTO...SARAVÁ TODOS OS GUIAS DE TODOS OS PAIS DE SANTO DO TPM.NÃO ATOA QUE A PRIMEIRA GIRA VAI SER NUM BAIRRO CHAMADO TODOS OS SANTOS...SARAVÁ....

    ResponderExcluir
  9. Pai Fernando, Como vai?

    Tenho visto em vários videos do TPM algumas pessoas com a faixa de cor negra (acho que vi bem... era cor escura, me pareceu preto). Sei que a faixa verde significa que a pessoa tem o seu primeiro Orixá em Oxóssi, azul é Iemanjá, assim por diante.
    O que significa a faixa de cor negra?
    Obrigada.

    Abraço. Ana

    ResponderExcluir
  10. Mucuiú, Pai Fernando de Ogum!
    Vou tentar novamente, postar um comentário sôbre a energia do sangue. Ele, sangue, faz parte do nosso corpo humano, no seu complexo, com a finalidade de mantê-lo com vida. Nos não fazemos parte da natureza do planeta. Estamos aqui de passagem, num ciclo reencarnatório, para a nossa evoluçao espiritual . Como a Umbanda manipula, somente, as energias da natureza, agua, ar, fogo, etc., o sangue não tem eficácia, e a sua utilização para trabalhos, para mim, é zero. Portanto, o sacrifício de animais serve, tão só, para oferendas, mesmo assim, para as antigas tribos de indios africanos que achavam que Deus ficaria contente em recebê-las. No século vinte e hum, isso não passa pela inteligência de qualquer mente por mais mediana que seja. Então, usar sangue como energia é uma grande tolice. Axé.
    Pai Béco de Oxóssi

    ResponderExcluir
  11. Saravá Pai Fernando!
    Sou de SC e tenho acompanhado o site e o blog do Pai Maneco, para minhas pesquisas, estudos e curiosidade. Parabenizo a Instituição, quando a expressão racional da nossa religião.
    Pois informação de qualidade no nosso “meio” está escasso.

    Sou Umbandista há 5 anos, o que sempre digo: quando meu coração ouviu o soar do atabaque, ele voltou a bater de verdade.rsss
    Enfim.. depois de ver muito o “outro”lado da nossa religião, trabalhar em centro espírita, aprender sobre apometria, desobsessão, encontrei um bom terreiro onde minhas entidades finalmente livres para trabalharem sem o pudor espiritista.
    Neste terreiro, que atualmente freqüento Pai Fernando, eles não confirmam Pai de Cabeça e conseqüentemente não fazem amacis.
    Questionado o dirigente, ele me informou que isso (pai e mãe de cabeça) confunde o médium e que somente na coroação é que é repassado pelas entidades.
    Pergunto: O não “saber” confirmado do pai de cabeça, influencia no desenvolvimento mediúnico?
    Apesar de ser curitibana, moro em Balneário Camboriu há 10 anos, e espero uma oportunidade para conhecer o TPM pessoalmente, e não só virtualmente.
    Grande abraço da irmã de fé
    Fabille

    ResponderExcluir
  12. PM Proibe Candomblé em Maceio

    Integrantes do candomblé vão à OAB denunciar a PM por intolerância religiosa

    Fonte: http://www.primeiraedicao.com.br/?pag=alagoas&cod=9488

    (23/07/2009 08:18)
    Cerca de quinze integrantes da religião de matriz africana se reúnem na tarde de hoje, a partir das 14h, com o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Seccional Alagoas, Gilberto Irineu.
    No encontro, que acontecerá na sede da OAB/AL, eles pretendem denunciar policiais militares por supostas práticas de intolerância religiosa.

    Conforme o presidente da Federação de Zeladores de Culto Afro, Paulo Silva, no momento em que o culto religioso está sendo realizado, os militares invadem o templo de candomblé, obrigando o encerramento da celebração.
    Paulo Silva, que classifica a ação dos policiais como arbitrária, desrespeitosa e extremamente preconceituosa contra a comunidade religiosa, denuncia que os militares não estão levando em consideração as “noções básicas de respeito à Constituição Federal que assegura o livre direito de culto religioso”.

    Ainda de acordo com Paulo Silva, durante as abordagens, os militares ameaçam levar os instrumentos musicais utilizados no ato religioso, caso o culto não pare. O presidente da Federação de Culto Afro disse que uma pessoa já chegou a ser detida por uma guarnição da Polícia Militar.

    “Não podemos mais permitir que este tipo de violência contra nossa prática religiosa. Não podemos nos calar diante de ações que só reforçam a existência da intolerância religiosa, do preconceito e do racismo”, diz Paulo Silva.

    Na tarde de hoje, a partir das 14h, os representantes do candomblé vai se reunir com Gilberto Irineu para denunciar o caso e prestar termos de declaração para encaminhar às autoridades competentes.

    Sandra Estrella

    ResponderExcluir
  13. Luiz Roberto, acho que a Umbanda tem seu folclore que abriga bem alguns nomes. Faça um descarrego de fundango soa melhor do que faça uma aplicação de explosão de polvora. O tempo vai mpodificar muita coisa. FMG

    ResponderExcluir
  14. Miriam, nãos e iluda. Eu um médium igual a qualquer outro. A vantagem que tenho são cinquenta anos e pratica. Vá perguntando e vc vai ver como logo vc vai manter o maior papo com as entidades. FMG

    ResponderExcluir
  15. Ana, significa que vc viu a cor errada.Não usamos faixa preta. Deve ser marrom, a cor de Xangô. FMG

    ResponderExcluir
  16. Fabille, seja bem-vinda ao blog. Eu não concordo com sua mãe de santo, mas a diversidade na Umbanda permite que cada um tenha sua filosofia. Não sei se atrasa ou não, mas coroação para mim é só como pai ou mãe de santo. FMG

    ResponderExcluir
  17. Salve Pai Fernando. Obrigada por me aceitar.
    as vezes me sinto uma alienígena no meio umbandista, afinal por quase nao encontrar um terreiro decente (digo, que nao cobre, nao faça sacrificio e que não pregue meias verdades) entrei de corpo e alma no universo esprita, onde aprendi muito e com isso me abriu a mediunidade de forma que meu desenvolvimento até tranquilo, pois em todas as linhas já tenho certa firmeza.
    O fato da confimação do Orixá sempre é muito citado, e realmente me sinto alienigena, pois não vivi ainda isso e tenho receio como todo médium tem, apesar de que confio nas entidades que trabalham comigo e em todos os Orixás, cultuo a todos com dedicação, fé e trabalho.
    Meu pai de santo, disse só o fazer quando o medium for consagrado sacerdote.
    não desmereço a sua filosofia, pelo contrário a respeito muito, afinal em setembro é neste terreiro e com as entidades dele que irei realizar meu casamento.
    Mas como mania de quem tudo pergunta e tudo quer saber, pois meu desenvolvimento se deu muito intimamente e através das entidades, pois os dirigentes parecem nao querer dialogar ultimamente rsrs entao fico sempre procurando saber o que esta bom e ruim no trabalho que tenho feito e se é possivel melhorar, quais os mios ideiais emais adequados a minha condição para isso.

    Obrigada de coração Pai Fernando.
    E sem pieguice, admiro o se trabalho aqui, e o constante interesse de seus filhos em compartilhar e aprender: acredite, ainda não VIVI uma Umbanda assim.

    Sarava Fraterno,
    Fabille
    Baln camboriu - SC

    ResponderExcluir
  18. Fabille, desculpe-me falei "mãe de santo" quando devia ser "pai de santo". Eu acho que um dos grandes erros da pratica da Umbanda é as pessoas não perguntarem aos seus dirigentes o que querem saber. É um direito do médium perguntar e umna obrigação do dirigente em responder. FMG

    ResponderExcluir
  19. Pai Fernando, se o senhor me permitir, farei um convite.
    Fabille, aqui em Floripa temos um pedacinho pequeno do Terreiro do Pai Maneco. Um trabalho simples, dirigido pela Mãe Alice de Ogum. Somos poucas pessoas, mas o trabalho é feito com muita fé e amor a doutrina ensinada pelo Pai Fernando e seus guias. Nossas portas, assim como em Curitiba, são sempre abertas. Se algum dia estiver por perto, venha conhecer. Os trabalhos são realizados todas as quartas-feiras, das 20h às 22:30h, no Rio Tavares, próximo a Pedrita. Axé Fernanda

    ResponderExcluir
  20. (Afrânio)

    Pai Fernando desculpa

    a pergunta sobre Oxalá, e sobre o amalá , se quem vem receber sempre é um caboclo ou preto, fui eu o Afranio.

    acabei esquecendo de por nome

    desculpe-me

    Mucuiú!

    ResponderExcluir
  21. JOÃO EMERSON DA COSTA23 de julho de 2009 18:31

    Salve Pai Fernando. Obrigada por me aceitar.
    as vezes me sinto uma alienígena no meio umbandista, afinal por quase nao encontrar um terreiro decente (digo, que nao cobre, nao faça sacrificio e que não pregue meias verdades) entrei de corpo e alma no universo esprita, onde aprendi muito e com isso me abriu a mediunidade de forma que meu desenvolvimento até tranquilo, pois em todas as linhas já tenho certa firmeza.
    FABILLE ANTUNES...VOU TE DAR UMA DICA...A MÃE ALICE FILHA LEGÍTIMA DO PAI MANECO ESTÁ FAZENDO UM BELO TRABALHO EM FLORIPA ,QUE FICA PERTO AÍ DE BALNEÁRIO.VEJO SEMPRE PERGUNTAS DA MÃE ALICE AQUI PRO PAI FERNANDO,VEZ POR OUTRA ELA ESTÁ AQUI NO TERREIRO PEGANDO FORÇA E AXÉ DO SEO AKUAN...E NA SUA HUMILDADE E AMOR ESTÁ LEVANDOA FILOSOFIA E AS IDÉIAS DO PAI MANECO AO ESTADO DE STA CATARINA.ENTÃO SE VC ADMIRA TANTO PAI FERNANDO E NOSSA UMBANDA MARAVILHOSA,MÃE ALICE É MEGA POWER,COM VITALIDADE E ENERGIA ESTA FORMANDO SUA CORRENTE EM FLORIPA."PAI JOAQUIM DA PEDREIRA DIZ QUE O SABER NÃO OCUPA ESPAÇO NA CABEÇA"...ENTÃO PARA ESTA SUA BUSCA SÓ INDIQUEI UM CAMINHO ENTRE TANTOS QUE EXISTEM...ELE É PRETO VELHO PRETO SIM SENHOR...E JÁ É REALIDADE EM FLORIPA ...SARAVÁ MÃE ALICE...E SEUS FILHOS

    ResponderExcluir
  22. Afrânio, a linha e OPxalá não incorpora. Quem vem receber sempre é a entidade ligada com vc e teu Pai que é Oxalá. FMG

    ResponderExcluir
  23. (Afrânio)

    Obrigado Pai!

    abraço!

    ResponderExcluir
  24. Mucuiú pai Fernando!

    Saravá João Emerson!

    Obrigado pelas palavras de amor, fé e incentivo.

    Valeu o Axé!

    Nosso Pai Oxalá te proteja e guie sempre. Que nossa Gira possa cada vez mais, e em mais lugares: ajudar, amar, dar, apaziguar, unir, alegrar e iluminar. Sejamos instrumentos da paz, do perdão, da verdade, da compreensão, da fé, da esperança e do espírito consolador que traz a evolução e a vida saudável aos habitantes deste planeta.

    Saudações fraternas,

    Ronald

    ResponderExcluir
  25. Pai Fernando

    acho que o video que a Ana viu na internet, onde alguns usavam faixa preta, era de alguma gira de Exu, provavelmente.

    beijos

    ResponderExcluir
  26. (Afrânio)

    Pai Fernando

    o sal grosso é utilizado em algum trabalho dentro de nossa Umbanda?

    ResponderExcluir
  27. (Afrânio)

    rs rs é dúvida demaaaaisss rsrsrrs

    Pai Fernando, na linha de Yansã, os médiuns incorporam caboclas/caboclos, pretos e pretas da vibração deste Orixá ou na linha de Yansã a gente só recebe a vibração dos elementais desta linha?
    Pai essa pergunta se extende também aos demais Orixás femininos (Iemanjá e Oxum) não somente para Yansã.

    um abração!

    ResponderExcluir
  28. Afrânio, o sal grosso é usado para limpeza de ambientes, algumas vezes até mesmo para ser colocado dentro de seguranças e alguns até tomam banho com ele. FMG

    ResponderExcluir
  29. Afrânio, eu não sei o caso das velas, mas com certeza alguém do blog deve saber. Ficamos aguardando postagens. Quanto as incorporações são os dois que vc mencionou. FMG

    ResponderExcluir
  30. Caro Pai Fernando,
    Transcrevo, aqui, a integra do meu e-mail, como o senhor solicitou.
    Abraço,
    Edgar Cavalli Junior (Juca)- Gira de Sexta-Feira

    "Caro Pai Fernando,

    Estou lhe escrevendo no e-mail, e não no Blog, por considerar meu questionamento um tanto quanto complicado.

    Estive pesquisando e lendo Bakunin, o anarquista, influência de nossa maravilhosa entrevista, dias atrás.
    Muito bem.
    Que fala ele sobre o Homem? Sobre Deus? Sobre o controle?

    Fala das doutrinas utilizadas pelas classes dominantes (ou pelos homens dominantes) para controle social. Fala do "emburrecimento" dado ao Homem, em sociedade, do aprisionamento que vivemos, desde as falas do dia a dia, até o uso abusivo de livros ditos "sagrados" e doutrinas ditas "divinas".
    Ele nos mostra porque chamamos nossos representantes de "governantes": eles não nos representam, eles governam!
    Por que, eu me pergunto, um Homem pode andar a 190 Km por hora, matando duas pessoas e saindo ileso, em nossa sociedade? Nós vivemos em um país que não tem coragem de enfrentar bandidos poderosos que nos governam.
    Agora, se eu contestar a Igreja, a Bíblia, sou massacrado, chamado de herege, sofro olhares de desconfiança e desprezo.

    A religião, nesse sentido, é utilizada para intimidar, alienar, dominar. Tememos nossos governantes (que deveriam ser nossos representantes) como tememos a Deus. E esperamos que, na outra vida, eles sejam punidos, e nós abençoados.

    Pela minha formação como Historiador, sempre achei que eu tivesse perdido o medo de falar o que penso, no sentido religioso/filosófico, há muito tempo.

    Graças ao senhor, descobri que estou errado. Tenho medo católico dentro de mim!

    Detalhe: a Umbanda não impõe medo! Ela deixa por conta do livre arbítrio.

    O Exu não é o mal! É a malicia, a malandragem, a sabedoria popular e mundana, sendo utilizada para colocar o Homem em movimento e trazer a dúvida, que leva à um questionamento, que leva ao crescimento.

    O Homem não precisa de comando externo! Precisa de bom senso interno!

    Quando nós, naquele sábado, discutimos sobre o trabalho em conjunto de vários terreiros, onde uma pessoa trabalha em casa, tendo firmeza feita por um terreiro base, no fundo falávamos em uma estrutura de confiança, socialização e hierarquização do conhecimento, mas não de dominação.
    Hierarquização porque respeita-se a maior experiência do dirigente do terreiro base para firmar as energias, como o senhor faz com aquela moça de Portugal.
    Socialização porque permitimos que aconteça a Umbanda, sem estar presa fisicamente há um chão só.
    Confiança porque acreditamos que, aquele que foi feito Pai de Santo pela nossa mão, seguirá com uma doutrina honesta, limpa, pés no chão.
    A doutrina dos espíritos prega, no fundo, a libertação do Homem através do livre arbítrio.
    A doutrina de Umbanda pregou, até hoje, que o trabalho fora de um terreiro, era proibido.

    Sim, é! Mas não para todos...apenas para aqueles que não alcançam o bom senso necessário a um trabalho desta magnitude! Difícil, pesado, trabalhoso, por vezes ingrato...

    Essa é uma das doutrinas de Umbanda que irá mudar. Porém, isso deve ser divulgado, pois o Homem ainda não tem bom senso para entender!

    Todos vão querer começar a incorporar em casa, sem a firmeza sensata e coerente, sem a proteção das entidades, recebendo em casa espíritos brincalhões ou trevosos, que atrapalharão tudo e todos em quem tocar.

    Virgem santa!! O senhor quer me deixar louco, né? Hahahahahaha...

    Bom, não tem pergunta. Li Bakunin pensando na doutrina do Terreiro do Pai Maneco (e na Umbanda que o senhor me ensinou), buscando comparar, ainda que de modo superficial, Bakunin X Fernandão (Fernandão, como diz a Lucília, hehe...)

    Ok, é isso. Espero sua opinião.

    Abraço,

    Edgar Cavalli Junior."

    ResponderExcluir
  31. Tem uma frase que eu não corrigi.

    Onde se está:"Porém, isso deve ser divulgado, pois o Homem ainda não tem bom senso para entender!"

    O correto seria:"Porém, isso deve ser divulgado, mesmo o Homem ainda não tendo bom senso para entender!"

    Abçs,
    Edgar.

    ResponderExcluir
  32. Edgard, antes de mais nada agradeço as referencias à minha pessoa. Não posso dizer que sou um estudioso de filosofias politicas, mas a vida ensinou muitas coisas. Sempre procurei, acima de qualquer fato, respeitar todo ser humano, dentro do que ensina o anarquista Bakunin Quando eu falo e digo o que penso não é falta de respeito, falta de respeito é quando eu nada digo e evito falar. O Terreiro do Pai Maneco já foi meu. Hoje não é mais, graças a Deus. A filosofia implantada não é minha mas dos espiritos, e se alguém, mesmo eu, quiser muda-la o proprio sistema não vai permitir. Eu não gosto de escrever a história, mas gosto de cuidar do presente, sempre prevendo o futuro. Como vc mesmo disse, eu falar isso para um professor de história pode parecer ofensa, mas não é. Ao contrário é uma revelação que alguém tem que escreve-la por mim. Eu escolhi vc para escrever a história do Terreiro do Pai Maneco e da Umbanda aqui no Paraná. Sei que isso sozinho é um encargo complicado, mas eu sei que no Terreiro existe muita gente, principalmente a turma que está fazendo as reportagens dos outros terreiros, e outros que vão se apresentar, que poderão dar um auxilio muito grande para vc. Está feito o convite e eu quero a resposta aqui no Blog para que todos saibam qual da tua decisão. Axé, FMG

    ResponderExcluir
  33. Pai Fernando,ola
    Gostaria de saber se um medium começar um desenvolvimento e por algum motivo tenha que se afastar da umbanda,sofrera algum problema de desequilibrio ou coisa assim?Desculpe minhas perguntas tão primitivas,mas e muito dificil achar alguem que se comprometa com a verdade e esclarecimento como o senhor nesse espaço tão importante como desse blog maravilhoso.Não conheço um terreiro que exponha com tanta clareza a umbanda de uma forma sem misterios ou segredos.
    Obrigada e boa noite.

    ResponderExcluir
  34. Alexandra, nada acontecerá ao médium,nem mesmo o afastamento das entidades. Para ser umbandista não precisa estar em nenhuma gira. Entrar e sair de um terreiro depende da vontade do médium. A Umbsnda é uma religião linda e voltada para o amor e jamais iria permitir um castigo dessa natureza. FMG

    ResponderExcluir
  35. João Emerson e Fernanda, Saravá !

    Floripa é razoavelmente perto, levando em consideração que moro em Brusque, trabalho (materialmente) em Balneario e trabalho (mediunicamente) em Tijucas! rsrsrs
    De tanto que busquei, a alternativa foi ir toda quarta e sexta pra Tijucas, o que cada lágrima e cada suor faz compensar a minha fé a minha vontade em servir.

    Agradeço o convite e deixo meu email/msn: fa_zinha_bc@hotmail.com , por favor me envie o endereço certinho que irei com meu marido com muito carinho.

    E realmente, saber não ocupa lugar na cabeça, ainda mais a minha que é por demais curiosa rsss

    Que Mãe Alice receba através deste, o meu muito obrigado e o meu mais sincero desejo de luz e fraternidade!


    Abraços Fraternos À todos!
    Fabille

    ResponderExcluir
  36. Olá a todos! Pai Fernando, qual o momento indicado para uma pessoa fazer o Amaci? Quando podemos assegurar que chegou a hora? Quando o nosso coração sentir? Qual a "função" do Pai/Mãe de Santo, do Padrinho/Madrinha e do Médium (a partir desse momento)? São os espíritos que nos escolhem e respondemos ao chamamento, ou o caminho é sempre uma escolha só nossa? Abraço e um beijinho a todos.
    Ana.

    ResponderExcluir
  37. Bom dia Pai Fernando

    Mantenho sempre uma vela de 7 dias acessa p/ meu anjo da guarda há anos. Mais lendo o blog, vi que o senhor não recomenda acender velas dentro de casa. Eu gostaria de saber se posso estar me prejudicando com isso.
    Obrigado!

    Leandro

    Obs: Afrânio, já te mandei um email!

    ResponderExcluir
  38. Oi Miriam,
    Se Pai Fernando me permite, aproveitando o gancho da sua explanação, sobre o "não sentir nada", meu marido começou na Umbanda há 8 meses, antes ele freqüentava a assistência e colaborava com o que podia com o terreiro.
    Porém estamos enfrentando junto, um assunto muito delicado: o girar e não sentir nada.
    Eu digo enfrentando juntos, pois comigo é relativamente fácil, não sei se pelos meus anos de estudo da Doutrina espírita, do trabalho na mesa, das palestras que ainda dou nos centros espiritas da região, ou muito pecado mesmo pra queimar, o que acho mais provável rs.
    Todas as seções de “desenvolvimento” são as quartas. Nesta última quarta, meu marido mais uma vez foi pra gira, era desenvolvimento de esquerda, eu estava trabalhando com seu Capa Preta das Almas como na maioria dos trabalhos de esquerda e ele sempre fica irradiando de fora próximo ao ponto riscado dele... não fica “girando” o médium, o fato é que mais uma gira e nada. A resposta do nosso Pai, é que o senhor Tranca-Ruas com quem ele vai trabalhar não deixa nenhuma entidade vir antes dele, porem ele não vem, e não é pq meu marido “bloqueia” a entidade, ele quer muito, se concentra, reza e pede firmeza. Mas cada dia ele esta se sentindo mais frustrado, porque não há uma orientação coerente se ele vai ou não incorporar. Eu e minhas entidades, temos tido muita cautela e pedindo paciencia à ele, que nada acontece sem que a vontade do Alto conceda.
    Recentemente vi um comentário em uma das comunidades de umbanda acho que do Orkut, onde alguns dirigentes comentavam sobre esses modelos de desenvolvimento mediunico, o girar. Alegando que este procedimento em alguns terreiros de SP já não estao mais praticando, pois só deixa o médium tonto. E o deixa em situações vexatórias pois se ele gira e gira e gira e não consegue sentir nada, o moral começa a cair diante daqueles que tem mais facilidade e aliado a não orientação condizente do dirigente, que não percebe ou por nao saber, diz meias verdades para não perder mais um membro da corrente. E que se o médium realmente for de incorporação (o que eu particularmente acredito que a maioria seja) quando os guias estiverem prontos, e ele estiver pronto não precisará girar.
    Pai Fernando, pergunto: Qual a finalidade de girar o médium?
    Como o senhor compreende este acontecimento com meu marido e com a Miriam?
    Reforço que existem diversas formas de contribuir para o trabalho seja para o plano espiritual como para o próprio terreiro, e que o “receber” é uma delas.

    Abraço fraterno,
    Fabille

    ResponderExcluir
  39. Pai Fernando, muitas pessoas têm o hábito de conversar com suas entidades fazendo delas seus companheiros diários.Acho isso maravilhoso e gostaria muito de poder ter esses amigos por perto.Acontece que no 1º terreiro onde desenvolvi, eu tinha determinadas entidades. Saí de lá e no outro eram entidades diferentes(só tive algumas, saí de lá também)Perguntas:é certo o pai de santo determinar com quais entidades o médium vai trabalhar? Foi isso que aconteceu comigo no 1º. E mais: nesse caso quais são as "minhas entidades", a do primeiro ou do segundo terreiro? Neste segundo a mãe de santo aceitava os nomes dados pela entidade - ou por mim mesma, nunca sei -As vezes quero conversar com elas ou acender uma vela mas não sei a quem me dirigir; aí acabo mesmo falando só com meus orixás, mas sinto falta dos espíritos.

    ResponderExcluir
  40. Quando é que sai o livro com a história do TPM heim, heim heim ?...já quero comprar...

    ResponderExcluir
  41. Ah, Pai Fernando,preciso lhe contar um história ainda referente às perguntas que fiz.É para a sua análise.A primeira entidade que se manifestou REALMENTE em mim foi um exu.Bacana demais, não era eu!!!Perguntado o seu nome ele brincou:"você tá querendo saber cedo demais".Ele foi repreendido e a pessoa insistiu.Ele então disse: 7 flechas. Nessa hora minha cabeça parecia que estava sendo espremida.Mais tarde o pai de santo me chamou e disse que eu havia feito confusão porque 7 flechas é um caboclo. Fiquei triste mas aceitei.Um belo dia tive um daqueles sonhos reais e nele um homem de branco abria portas e me mostrava. Nenhuma tinha nada dentro. Ao chegar à sétima ele disse: "seu exu é o Exu Sete Portas".Simplesmente abri os olhos acordando suavemente e com a certeza de ter tido um revelação. Toda contente fui contar ao pai de santo que afirmou ser um engano pois tal exu não existia. Fiquei arrasada! Depois disso ele me deu uma lista com os nomes de todas as entidades. Conformei-me até que um dia vi o nome Exu Sete Portas num romance umbandista. Fiquei sem chão.Ainda hoje penso que tive o nome do meu exu revelado DE FATO e ignorei preferindo aceitar o que o pai de santo disse...As vezes penso em invocá-lo, me dirigir a ele como meu exu, mas me sinto insegura.Espero ansiosa por sua opinião.

    ResponderExcluir
  42. Oi Tio Fernando!
    Estou escrevendo pq eu estava com saudades da minha nova família a "família TPM", espero que todos estejam bem e que as coisas estejam caminhando para frente pra todo mundo! Tenho lido todos os dias o Blog, mas sempre muito rápido, pois graças a Deus as coisas estão corridas por aqui.... a Mamy resolveu pintar o terreiro, reformar o Congá e para nós filhos ela nos deu a missão de ajudarnos uns aos outros com as nossas roupas, guias, "treinar" os pontos cantados,relembrar preces, discussões em nossas famosas "reuniões de quintal" com todos da corrente, bate-papo com os ogãs e com ela tb pra que ela possa balizar os erros e acertos de cada um e nos tornarmos médiuns melhores.... para que possamos voltar com toda garra e força, já que ela disse que "as coisas" estão bem e que a força dela se renovou. Tio mais uma vez agradeço a sua força e ajuda pra que isso acontecesse. Um bjo enorme e estamos voltando..... Joyce

    ResponderExcluir
  43. Mucuiú, Pai Fernando de Ogum
    Peço ao Sr. que nos explique sobre Amalas.
    Quando e em que epoca,qual a frequencia ?
    Qual a seguencia, esquerda primeiro, depois orixas ?
    A pedido das entidades,em necessidades, como proceder ?
    Agradecido .
    Saravá
    João Inacio

    ResponderExcluir
  44. Pai Fernando,

    Agradeço o convite (que, já de antemão, está aceito) e espero dar conta, porque a tarefa é grande!!

    Obrigado pelo carinho.

    Abraços,

    Edgar C. Jr. (Juca) Gira de Sexta-Feira)

    ResponderExcluir
  45. Ana, o Amaci faz parte da sequencia de um médium em desenvolvimento. Não é sentir e estar na hora, quando foi determinado pelos dirigentes o Amaci ou o médium faz ou não. Se não quiser fazer tem que sair da gira. Se fizer assume todos os compromissos normais do médium com o Terreiro e a Umbanda. FMG

    ResponderExcluir
  46. Leandro, eu não gosto porque as pessoas não sabem fazer um pedido e isso na Umbanda é complicado. A pessoa acende a vela para o anjo da guarda e aproveita o momento para fazer outros pedidos. Isso é que está errado. Se acender e deixar, nãop tem problemas. Aliás uma das tarefas desse blog é ensinar as pessoas fazerem cultos aos Orixás dentro de uma ordem certa. FMG

    ResponderExcluir
  47. Miriam, fazer o médium rodar é para que ele fique tonto e possa o seu espirito deslocar-se e facilitar a incorporação da entidade. Eu nunca usei esse sistema porque concordo que o médium fica constrangido. Eu prefiro ensinar a tecnica da respiração que já falamos antes. Respirar rapidamente só pelo nariz faz faltar o oxigenio e a pessoa fica tonta. FMG

    ResponderExcluir
  48. Miriam, acho que deve cultuar as entidades que deram seus nomes por teu intermédio. Não tiro a pososibilidade de vc ter se enganado em um nome ou outro, mas faça assim que se houve algum engano oportunamente as proprias entidades corrigem. FMG

    ResponderExcluir
  49. Miriam, os nomes das entidades variam até de lugar para lugar. Mas se ele deu o nome de Exu Sete Portas é esse o seu nome. Em todo caso vamos pedir ao pessoal do blog se alguém conhece esse nome. E olha, se não conhecem acabaram de conhecer. FMG

    ResponderExcluir
  50. O Prof. Edgar, o Juca da sexta feira vai fazer a história do Terreiro do Pai Maneco e da Umbanda no Paraná. Quem se propõe ajuda-lo pode começar a postar. FMG

    ResponderExcluir
  51. (Afrânio)

    Querido Pai Fernando,

    Por que se utiliza velas de cores verdes,amarelas,alaranjadas,vermelhas,pretas,azuis, marrons e etc. nos trabalhos de Umbanda? pode-se substituir, inclusive em amalás se quiser, por velas todas de cores brancas?
    O número sete e múltiplos dele tem alguma influência nos trabalhos também?

    Desculpe, sei que pode ser perguntas fúteis, as vezes me sinto um pouco intranquilo ao fazer essas perguntas, não quero ferir jamais a nossa Umbanda; o que as entidades do TERREIRO DO PAI MANECO falam, eu não discuto, nem penso duas vezes, vou lá e faço por pura dedicação, amor e fé.

    Obrigado Pai!

    ResponderExcluir
  52. Mucuiú pai Fernando!

    Míriam, conheço Exu Sete Porteiras, trabalha na porteira da Calunga Pequena.

    Aruê!

    ResponderExcluir
  53. Mucuiu Painho!!!
    Salve os blogueiros!!!

    Quero pedir desculpas se meu comentario sobre o xamanismo com utilizaçao de ervas e plantas (cogumelo)causou um mal estar...Nao foi intencional.
    Escrevi como uma curiosa no assunto, mas nao sei se um dia experimentarei ou nao, portanto quero me retificar se em algum momento extrapolei no entusiasmo...Concordo que nao podemos nos arriscar. Primeiro observar e intuir. Me precipitei em postar este assunto.
    Sigo postando, no entanto, porque escrevo primeiro e penso depois...qualquer outra "pisada de bola", favor me alertarem novamente!!rsrsrrs
    Beijos a todos!!
    Aline
    (Painho, ainda bem que o "puxao de orelha", embora on line, nao foi ao vivo e a cores!
    Te amo meu Coroa!!!)

    ResponderExcluir
  54. Miriam, eu trabalho com o sete porteiras deve ser da mesma banda, ele sempre diz que quando as coisas estão tudo bem em nossas vidas é ai que devemos ter cuidado, porque é através dos nossos problemas que estamos vivenciando e aprendendo.

    Um Abraço Fraterno
    Luiz Roberto

    ResponderExcluir
  55. Pai Fernando, se eu puder ajudar o Prof Edgar em alguma coisa, pode contar com minha ajuda de todo coração e com muito carinho.

    Beijinhos, Dê

    ResponderExcluir
  56. Pai Fernando, o que o Sr. acha dessa "onda" on line? Consultas com microfone e Web Cam com as entidades incorporadas em alguém? Colocação de cartas pela internet? E afins?? :o)

    Obrigadinha... beijinhos!!!

    P.S. Só para avisar, a Sra. Georgette fez a cirurgia, está na UTI em recuperação, mas a princípio está fora de risco. A Zeina, filha dela, pediu para agradecer imensamente a TODOS pela corrente de energia positiva.

    + Beijinhos, Dê

    ResponderExcluir
  57. Salve,salve Pai Fernando,

    Como pôde notar, eu ainda não havia me manifestado com relação ao TPM no Rio de Janeiro.

    Quero deixar publicamente meu agradecimento em fazer parte dessa obra que já tem seu trabalho reconhecido no Astral e na Terra.

    Quero dizer ao Senhor que irei seguir com amor, carinho, dedicação , compromisso e acima de tudo respeito a história do Pai Maneco , a mais esse trabalho mediunico que esta sendo colcado em meu caminho.

    Restam poucos dias, para darmos inicio a mais uma gira no Rio de Janeiro, a mais uma gira do TPM.

    Devagarzinho como os Pretos Velhos, vibrante como os Caboclos, alegre com as Crianças, seguro como os Guardiões ( Exús e PG ).

    Vamos lá Pai Fernando. Vamos lá familia Pai Maneco. A espiritualidade nos aguarda.

    E eu tô nessa. Firme e forte.
    Obrigado, amo vcs.

    Saravá !!!

    ResponderExcluir
  58. Pai Fernando,

    domingo agora, dia da supergira de boiadeiros e da festa julina, tbm é o dia Santa Ana, que é sincretizada, com Nanã Buruquê.
    Haverá alguma menção ou homenagem à Nanã neste dia ?

    ResponderExcluir
  59. João Inácio, vou preparar um texto sobre amalás mesmo porque ainda estou devendo essa resposta ao Paulo Máximo. FMG

    ResponderExcluir
  60. Miriam, eu digitei errado ao invés de Portas disse Porteiras,mas é a mesma coisa. O Ronald respondeu e para quem não sabe Calunga Pequena é gira de unbandista e quer dizer Cemitério e a Calunga Grande o Mar. FMG

    ResponderExcluir
  61. Denise, eu não sei como estgá funcionando essas consultas, por isso não posso opinar. Que bom que a pessoa está passando bem. FMG

    ResponderExcluir
  62. Nilzo Antonio, não costumamos fazer homenagens em dias especiais dos Orixás. Cada um faz o seu. Nossas homenagens sempre são feitas nos trabalhos de Mar e Mato. FMG

    ResponderExcluir
  63. Afrânio,qualquer vela pode ser substituida pela de cor branca. O número sete é uma tradição e deve ser seguido. FMG

    ResponderExcluir
  64. (Afrânio)

    Bom dia!!

    Querido Pai.

    Na Umbanda praticada em nosso Terreiro existe alguma cerimônia quando algum médium da corrente desencarna ou não? tipo assim existe o batismo, o casamento e quando o médium desencarna.

    Um abraço!Mucuiú!

    ResponderExcluir
  65. Mucuiú Pai Fernando!!
    Ao ler o post do Mauro sobre o TPM no Rio, e mesmo com as informações que já foram postadas, ainda tenho algumas perguntas. A Luna postou o endereço de onde será o trabalho, mas não tem o bairro, se o sr. souber ou se ela puder postar. Quando serão feitos os trabalho e com qual frequência? Quem será o (a) dirigente? A gira do dia 03 (?) é aberta ao público? Tenho algumas pessoas que moram lá, amigos e parentes que já conhecem e gostam do terreiro de Curitiba e podem gostar de ir no Rio.
    Bom, de antemão desejo a Luna, Mauro e todos os envolvidos muito axé, determinação, fé e amor na Umbanda. Tenho certeza que essa gira que acontecerá na próxima semana vai ser inesquecível para eles. E todas s outras também! Se preparem, pois ver chegar a caravana do TPM emociona!!! Pelo que venho ouvindo..essa será das boas... saravá!

    ResponderExcluir
  66. Sidney e Desirée25 de julho de 2009 13:16

    Caro Pai Fernando
    Caros amigas e amigos

    Hoje quando retornamos de viagem constatamos que a luta contra a intolerancia ainda é grande.

    Invadiram nossa casa, defecaram numa camiseta do terreiro que estava no varal e sumiram com uma imagem de preto velho (provavelmente a quebraram). O muro do quintal esta com indícios de que iria se iniciar alguma pichacao.

    Sabemos que sao adolescentes vizinhos nossos, mas como nao houve flagrante, um boletim de ocorrencia parece que pouco adiantaria.

    Como não se trata apenas de furto qualificado, mas de intolerancia religiosa, será que ha algo a mais a fazer?
    Estamos indignados com a nossa impotencia diante da situação,mas fortalecidos em nossa fé.
    VIVA A UMBANDA!

    Sidney e Desirée

    ResponderExcluir
  67. Oi Fabilli , obrigada pela solidariedade.É bom saber não ser eu a única...Obrigada Ronald e claaaaro, obrigada Pai Fernando. O nome Sete Porteiras eu já conhecia. Até pensei que pudesse ser o mesmo. Infelizmente não lembro o nome do livro em que Sete Portas era personagem...Acho que vou começar a conversar cmo ele pra ver o quê que dá... A Fabilli deve estar confusa com minhas postagens né?! Numa digo que não sinto nada, noutra conto que recebi um exu.. hehehehehehe!!!É o seguinte Fabilli: em mais de 5 anos , posso contar nos dedos quando senti algo diferente. E foram ocasiões inesquecíveis.Mas quando parecia que o negócio ia pra frente, parava tudo.O normal mesmo é eu não sentir nada.Se me rodarem então, aí é que a vaca vai pro brejo direitinho. Só sinto tonteira e vergonha de ficar rodando feito peão ameaçada de cair pelo chão. Acho isso um horror, perco completamente a concentração. Aline, concordo com você sobre o assunto do xamanismo e eu com o chá.É que a opinião do Pai Fernando tem sido o meu guia ultimamente que estou sem terreiro e sem nenhuma perspectiva pela frente.O pessoal lá do chá diz que pretende abrir um terriero... Por enquanto, tô pagando pra ver.Sinto falta mesmo é de uma festiva sessão de umbanda com os atabaques e as entidades descendo, ai que maravilha que é!!! Vamos sim deixar esse assunto de chá, cogumelo ou seja o que for pra lá. Um beijão pra vocês todos!

    ResponderExcluir
  68. Ô Afrânio, as velas coloridas são tão lindas!!!Adoro acendê-las! Parece que me concentro mais quando elas têm cores..

    ResponderExcluir
  69. Pai Fernando já estou trabalhando.

    Denise, sua ajuda será bem vinda, obrigado.

    Abraços,

    Edgar C. Jr. (Juca)

    ResponderExcluir
  70. Sidney e Desirée, lamento que isso tenha acontecido. Coitados! FMG

    ResponderExcluir
  71. Fernanda Garcez,

    A gira será na Rua Conselheiro Agostinho - no bairro de Todos os Santos ( proximo ao Méier ), incialmente, será quinzenal, e essa gira , iniciará, no proximo domingo ( dia 02 ago ).

    Dirigente responsavel, Lucilia pode responder.

    Todas as giras serão abertas ao publico.

    QQ duvida que eu possa esclarecer conte comigo.

    Saravá !

    ResponderExcluir
  72. Desculpe faltou o numero...

    Conselheiro Agostinho 52 - Todos os Santos

    Siga o link Google Maps para facilitar :

    http://maps.google.com.br/maps?f=q&source=s_q&hl=pt-BR&q=R.+Conselheiro+Agostinho+-+Todos+os+Santos,+Rio+de+Janeiro+-+RJ,+20770-160&sll=-14.179186,-50.449219&sspn=70.685897,112.324219&ie=UTF8&cd=1&geocode=Fbe2ov4d-YNr_Q&split=0&ll=-22.889796,-43.285511&spn=0.008737,0.013711&z=16&iwloc=A

    Saravá !!

    ResponderExcluir
  73. Afrânio, posteriormente (uns dias) ao desencarne de pessoas pertencentes ao terreiro nós descarregamos todo o material, guias e materiais de trabalho, além das roupas. Não temos ritual especifico para ser feito dentro da gira, eu normalmente peço às entidades que nos deixe calmos, principalmente os familiares, e que nossas preces não cheguem à pessoa desencarnada para que nenhum sentimento de tristesa possa abate-lo na nova jornada. FMG

    ResponderExcluir
  74. PAI FERNANDO, A INFORMAÇÃO OFICIAL DA NOSSA PRIMEIRA GIRA DO TERREIRO PAI MANECO NO RIO DE JANEIRO.

    União Espiritista Unida do Brasil - Rua Conselheiro Agostinho 52 - Todos os Santos
    nossa gira será todo 1º domingo do mês - 02 de agosto.
    Ás 15:00.
    Ponto de referência: Rua Piaui.

    Postagem no tema livre 10!
    Bjs

    ResponderExcluir
  75. JOÃO EMERSON DA COSTA25 de julho de 2009 23:40

    PAI FERNANDO,QUAL A FINALIDADE DO ALGODÃO NA ENTREGA DO AMALÁ DE OXALÁ?OQUE REPRESENTA?

    ResponderExcluir
  76. João, não sei explicar a razão do algodão. É um elemento que faz parte do amalá. FMG

    26 de Julho de 2009 08:28

    ResponderExcluir
  77. (Afrânio)

    Bom dia!!!!

    PAI Fernando,

    A entidade Véia do Cemitério, que por sinal tem um ponto liindo que baixei do site, ouço direto srsrrssr; ela pertençe a aluguma linha específica? tipo de preto, ou não.

    um abraçao meu querido Pai.

    AH! ontem fiz um amalá para nosso amado Pai Oxalá, tudo ecológico! muito lindo, me sinto muito bem!
    Mucuiú!

    ResponderExcluir
  78. Afrânio, a Velha do Cemitério é da Quimbanda. FMG

    ResponderExcluir
  79. Ver o TPM se iniciar no RJ me deu mais esperanças de logo ver alguma coisa também aqui em Belo Horizonte.Não tem aí nenhum pai de santo do terreiro de mudança pra cá não?...

    ResponderExcluir
  80. Pai Fernando ,lá vou de novo: O que a umbanda pés no chão pensa a respeito do burburinho em torno do calendário maia e do planeta X de Chico Xavier e Ramatis? Estaríamos mesmo nos aproximando do salto planetário rumo a um novo mundo? Nesse caso qual é o papel do povo umbandista?

    ResponderExcluir
  81. Boa tarde a todos!
    Boa tarde Pai Fernando.
    Fernanda obrigada pelas palavras. Precisaremos da força, da determinação, do suor, do amor de todos. Seremos se assim Oxalá permitir, mais uma centelha de amor a Umbanda aqui no Rio de Janeiro.
    Seremos mais um elo do TPM, aqui no Rio de Janeiro. E como somos uma corrente de aço, por amor a Umbanda, seremos vitoriosos. Com mais uma responsabilidade terrena e espiritual.
    Gostaríamos já que tivesse nossa casa definida. Mas como na vida temos etapas a serem alcançadas, e essa será mais uma delas.
    Com a Benção de Deus
    Com a força de Seo Akuan
    Com o amor de Pai Maneco
    E com a seara de toda a espiritualidade.
    Saravá!

    * Peço a todos os blogueiros que emanem suas energias positivas para todos nós*

    ResponderExcluir
  82. Epa!Quer dizer que o amigo Edgar, fará a história do terreiro? Que maravilha!!
    Vai ser muito bom saber toda a trajetória do Pai Maneco. Será muito bom ver ( e ler ) ler todo esse processo.
    Axé.

    ResponderExcluir
  83. Pai Fernando Boa tarde. Saudades de todos!
    Aonde está Andrea Destefani? ? ? ? ?

    Mas vamos a pergunta...Pai Fernando tenho uma filha de dois anos. Como o senhor sabe.
    Mas estou com um problema há muito tempo...Muitas das vêzes deixo de ir em determinados lugares por causa dela. A pequena é extremamente simpática, e chama atenção das pessoas de longe.
    Mas o meu problema é quando voltamos para casa e chega a madrugada...São choros, gritos, gemidos. E eles só passam quando rezo ela. Então vou lá eu de madrugada catar plantinha para rezar ela. Só depois que rezo ela dorme tranquila.
    Bom, mas ficar rezando e rezando tbém cansa e não é tão bom assim...
    E isso pai Fernando é desde que ela é pequena. E sempre acontee quando vamos há algúm lugar e ela chama a atenção das pessoas.
    Minha mãe fala que eu era a mesma coisa. Que vivia me levando em rezadeiras. Porque eu ficava exatamente como ela.
    Pode me ajudar?
    Bjs e obrigada.

    ResponderExcluir
  84. Miriam, a Umbanda pés no chão não questiona o Chico Xavier e o mestre Ramatis. Calendário maia eu não entendo. Quanto aos mnovimentos entre os planetas, o mestre Ramatis quando incorporava no médium Hercilio Maes ensinava que um planeta de mais baixa vibração que outro imantava pela lei da afinidade os espiritos afins na baixa vibração purificando assim o outro planeta que habitavam. O planeta que imantava pela sua baixa vibração é o nosso Planeta Terra. E dessa imantação surgiu a expulsão do paraiso que eram esses espiritos imantados pelo planeta. E hoje está acontecendo a mesma coisa, ou seja, um planeta aproximou-se do nosso e está imantado os espiritos mais atrasados. FMG

    ResponderExcluir
  85. Luna, nossa história tem muito a contar e deixar como incentivo aos terreiros mais novos. FMG

    ResponderExcluir
  86. Eu acredito pai Fernando. O pouco que Mãe Lucília contou foram de grande valia dentro de um longo processo evolutivo. Dei boas risadas e quero saber para aprender mais.
    Tenho certeza que aqui será muito bem vindo!
    E se Tudo der certo, teremos que pedir uma quantidade do grifos do passado. Acho muito bom, para quem for entrar futuramente do terreiro do Pai Maneco aqui no Rio de Janeiro...Olha como eu olho lá na frente!!! rsrsrs. Desculpe Pai Fernando. Mas acho que todo médium tem por obrigação saber aonde está pisando e trabalhando sua mediunidade.
    Mas pode me travar se necessário!
    Axé.

    ResponderExcluir
  87. Ehhhhhhhhh!!!! Viu pai Fernando a sua frase?

    " nossa história tem muito a contar e deixar como incentivo aos terreiros mais novos. FMG "

    Ai, ai...Bahia! Ceará! BH! Vamo que vamo!
    Felicidade!!!
    Axé

    ResponderExcluir
  88. Luna, tenha certeza de que ser o trabalho for feito sob esses pilares, tudo de alguma forma vai se encaixando. Aqui em Floripa começamos bem mais "rootz". Não tinhamos nem um teto, faziamos gira na praia, na lagoa, onde a natureza permitia. Muitas das pessoas da corrente nunca tinham pisado em terreiro na vida, foram meses de encontros de doutrina e estudos sobre Umbanda. Foi um tempo de muito aprendizado. Faz 10 meses que as giras acontecem por aqui, e há apenas alguns meses atrás conseguimos um espaço cedido por um projeto social e podemos realizar a gira todas as quartas. Na natureza também era muito bom, mas com o inverno complicava um pouco.. Como será ai, aqui seguimos totalmente a cartilha do Pai Fernando, sob os ensinamentos da Mãe Alice, do Robinson nosso capitão, que trabalharam muitos anos no terreiro e nos ensinam mais a cada gira. Aos poucos fomos vencendo o preconceito, amenizando as diferenças, e hoje o trabalho está cada dia mais estruturado e vem crescendo, tanto a corrente como a assistência. Nunca é fácil começar do nada, mas se vocês tem fé e determinação, irão conseguir. Que Oxalá, Seo Akuan e Pai Maneco permitam que o Terreiro do Pai Maneco carioca cresça e espalhe esse lindo trabalho. Em dezembro estarei por ai em férias e com certeza irei conhecer!!! Mandaremos daqui todas as melhores vibrações para vocês sempre!! Um grande beijo

    ResponderExcluir
  89. Olá a todos...

    Pai Fernando, primeiro quero me desculpar por não ter ido na festa hj. Amanheci passando muuuuuuuito mal e não deu para ir. :o((

    Edgar, meu e-mail e MSN: denni1@uol.com.br, no que puder ajudar, tô dentro!!! :o)

    Pai Fernando, perguntinha... hehe.... Na gira de Ogum, qdo chamam Ogum de Ronda antes, qdo vinha, Só girava, girava, girava e girava.... Ultimamente tem ido até às portas, a energia é tão forte q me sinto pega pelo "colarinho" e arrastada pelo terreiro de uma porta a outra... é algo muito, muito forte... muitas vezes só "dou por mim" qdo já estou com a porta na minha frente, hehe... Percebo que nem todos vão até as portas e que logo de início comigo ele tb não ia. Pq essa mudança de comportamento? E pq ir até as portas????

    Beijinhos carinhosos, Dê

    ResponderExcluir
  90. JOÃO EMERSON DA COSTA27 de julho de 2009 10:42

    PAI FERNANDO,ALGUMAS GIRAS PASSADAS VIMOS A IMPORTÂNCIA DA ENGOMA,COM OS OGANS E AS SAMBAS CRUZADAS,MÃE LUCÍLIA NOS ENSINOU,COMO A FILHA DE IEMANJÁ QUE É,QUE É MUITO IMPORTANTE QUE A ENGOMA ESTEJA CENTRADA E UNIDA NOS TRABALHOS PRA DAR FIRMESA.ENTÃO MINHA PERGUNTA É: "O QUE O SENHOR ACHA DOS OGANS E SAMBAS INCORPORAREM?VISTO QUE SUA FUNÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA NA ENGOMA,JÁ QUE FORAM CRUZADOS PARA ESTA FUNÇÃO.OBRIGADO PAI FERNANDO E MÃE LUCÍLIA E TODOS QUE COLABORARAM NA FESTA DE INVERNO,POIS APESAR DO FRIO E DA CHUVA,FOI MUITO QUENTE E ACOLHEDOR....SARAVÁ PAI MANECO....

    ResponderExcluir
  91. Oi Miriam e Pai Fernando.
    Sobre o questionamento sobre "A evolução dos Mundos", da Miriam, pode ser lido no Evangelho Segundo o Espiritismo. Lá ele já esclarecia as parabolas do Cristo através dos Espiritos sobre essa transformação planetária.
    Assunto muito bem abordado por Ramatis e Maes.

    Existe ate um romance espirita chamado os Exilados da Capela, que retrata bem a habitação da Terra, como um planeja ascendente para os espiritos "caidos" e que agora esta prestes a dar um salto na evolução...

    Vale a pena a pesquisa e o comentário com nossas amadas Entidades de Umbanda.

    Saravá
    Fabille

    ResponderExcluir
  92. Luna, esse tipo de alterações do emocional da criança não deixa de ser uma manifestaçãoi mediunica. Crianças pegam dos ambientes de fora ou mesmo da propria casa as energias que os adultos deixam escapar. Por isso é que ela deve ter esse comportamente e exige de vc uma concentração (rezas) para neutralizar isso. Experimente, em todo caso, uma coisa muito simples e que pode ajudar: fita vermelha em algum lugar de sua roupa. FMG

    ResponderExcluir
  93. João, não pode. Ogan escolheu ser Ogan e não pode incorporar, exceto às vezes para matar a vontade. FMG

    ResponderExcluir
  94. É mesmo Fabille! Tinha me esquecido que o evangelho segundo o espiritismo trata desse assunto. Vou pesquisar lá também. Mas Pai Fernando, fiz a pergunta porque percebo que a umbanda de um modo geral tem se mantido meio à distância desse assunto pelo qual me interesso muito. E como a umbanda foi a religião que escolhi, queria saber qual a posição dela frente às mudanças de que tanto se falam hoje em dia. O calendário maia marca o ano de 2012 como um grande marco na transformação da humanidade.Também não entendo nada sobre ele , só queria saber como andam essas discussões no meio umbandista. Obrigada!

    ResponderExcluir
  95. Luna, tenha certeza que no próximo domingo as 15 horas, estaremos pensando em vocês...que Deus lhes abençõe!

    ResponderExcluir
  96. É, Pai Fernando. Eu já hahia me atentado a isso. Por isso esse meu pedido de ajuda. Pois mediunidade aflorada eu sei que ela tem. Apesar de toda criança até os seus sete anos estarem ainda na sintonia espiritual constante. Porêm acredito que possa retardar um pouco essa pré disposição dela. Por ela ser tão pequena e isso acabar prejudicando ela no dia a dia. E me cansando um pouco tbém.
    Obrigada.

    Agora essa pergunta do João me intrigou...Quando uma pesso entra no centro e ela decide ser Ogan, ela já tem esse dom? Tipo: temos médiuns passista, Médiuns de psicofonia, Médiuns que ministram cura, Médiuns doutrinadores. Cada um com sua faculdade. Blz! Mas então existem médiuns só de atabaques, os ogans?
    É isso? E se porventura esse mesmo médium que decidiu ser ogan e ele desenvolver ali mesmo na engoma a faculdade de incorporação ele não poderá desenvolver essa mediunidade? Ficará parada?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  97. Fernanda, se o trabalho não for feito pela ordem do TPM, eu saio com certeza! Não saí do Rio de Janeiro para ter outra filosofia que não fosse o Pai Maneco. Aqui tem centenas de centros de Umbanda. Umbanda mesmo! Mas amei a filosofia de Edmundo Ferro e Fernando Guimarães.
    Claro que terão coisas que terei que me adequar. Pois existem regras que ainda não trabalhei. Mas se todas forem pautadas na caridade dos espíritos não terei o porque não amar.
    Obrigada pelas palavras. E já estou até nervosa...rsrsrsr
    Acho que até terei aquela dor na barriga que temos no primeiro dia de aula! rsrsrsrs
    Saravá amiga!
    Axé e boa semana para todos nós.

    ResponderExcluir
  98. Pai Fernando,
    Gostaríamos de saber sobre a Guia de Xangô que o Sr. Caboclo da Cachoeira pediu para fazer... Os médiuns de todas as Giras devem tê-la? E como ela deve ser, é de proteção (curta) ou de Orixá?
    Abraço e obrigada.

    ResponderExcluir
  99. Miriam, eu sempre digo que no futuro as religiões vão cabar, principalmente porque a mediunidade está cada vez mais presente na humanidade e as religiões que são transmitidas pelo homem, como pai de santo, o padre, o pastor e as outras, vão ser substituidas pela palavra direta ndos espiritos. Essa comunicação vai esvaziar os terreiros, templos e igrejas. Vai ser o homem, o espirito e a natureza falando entre si sobre Deus. FMG

    ResponderExcluir
  100. Luna, todo Ogan já é um homem de sensibilidade pelo seu dom musical. Como Ogan ele vai desenvolver cada vez essa capacidade de se comunicar intuitivamente com a entidade. FMG

    ResponderExcluir
  101. Gostei da sua colocação Pai Fernando.
    Vai muito de encontro com o que tenho estudado a respeito.
    Ramatis em seu livro "Mediunismo" faz uma colocação sobre a tarefa mediunica tanto de terreiro quanto as demais, de uma forma muito envolvente e aberta.
    Ele menciona muito a nossa tarefa no quesito desenvolvimento, o papel do medium como agente comunicante entre os "mundos" e como no decorrer da evolução intima e planetária ficaremos mais afinizados com o Mundo Espiritual.
    O papel da mediunidade intuitiva e progresso humano. Vale muito a reflexão, pois se estamos caminhando para mudanças, a principal que devemos buscar é a nossa mudança interior.
    Com nosso intimo reformado e com nosso coração preparado, deixamos de ser meros cavalos e passamos a ser PARCEIROS da espiritualidade (termo este que prefiro empregar), partindo assim para um mediunismo mais aberto, acabando com as muletas doutrinarias a que muitos adeptos à espiritualistas adotam para se eximir de estudo, doutrina e disciplina.

    Saravá

    ResponderExcluir
  102. BARBARIDADE Pai Fernando!!!! O senhor é o único pai de santo com grandeza para falar uma coisa dessas!O senhor é mesmo muito mais do que um pai de santo, tenha certeza. Que venha esse futuro! E já que o senhor falou que a mediunidade está presente cada vez mais na humanidade, vou pedir uma orientaçaõ:como o senhor sabe, eu não tenho terreiro e a vezes sinto ( como hoje) uma esquisitice, um estado de alheamento e fraqueza que só posso atribuir à mediunidade não praticada.O que fazer quando me sentir assim? O senhor pode indicar algum banho de limpeza pelo blog?

    ResponderExcluir
  103. JOÃO EMERSON DA COSTA27 de julho de 2009 16:09

    NOSSA PAI FERNANDO..QUE LINDO ISSO...O SENHOR ANDA INSPIRADO...'Essa comunicação vai esvaziar os terreiros, templos e igrejas. Vai ser o homem, o espirito e a natureza falando entre si sobre Deus. FMG
    ISSO DÁ UM NOME PRA UM LIVRO LINDO...O HOMEM,O ESPÍRITO E A NATUREZA NUM DIÁLOGO SOBRE DEUS".POR FERNANDO GUIMARÃES....EU JOÃO ACHO INDA ESSA SUA CAPACIDADE D E COLOCAR TANTO APRENDIZADO DE VIDA NUMA PEQUENA FRASE....SARAVÁ .

    ResponderExcluir
  104. Laura, a guia de Xangô é para todas as giras. Não é de proteção não, uma guia comum de pedras marrom. FMG

    ResponderExcluir
  105. Miriam, o estado que vc está, ao contrário do que vc pensa, é porque tua mediunidade está sendo usada, mas sem coordenação. Está faltando a reposição das energias que vc está doando aos outros. Banhos são bons, mas eu sugiro que vc procure um contado maior com a natureza, andando sem sapatos na grama, se puder sentar perto de um rio, mesmo abraçar uma árvore. Vc vai ver que tua energia volta com toda força. FMG

    ResponderExcluir
  106. Quem pode ir na festa julina do TPM se divertiu muito. Nos decidimos esquecer os aborrecimentos recentes, pegamos o Raul e la fomos nos. Dp o deixamos em casa e voltamos. Encontrar amigos e ver o show da Engoma e do Jacobloco no centro do terreiro foi imperdivel.Estava tudo bem legal. Parabéns LUCILIA e parabens a todos que organizaram tudo ou colaboraram de algum modo.
    abr
    Sidney Oliveira

    ResponderExcluir
  107. Denise, não existe explicação.Os Oguns vão e fazem o que quiserem. Se ele vai até a porta é para dar firmeza ao terreiro. FMG

    ResponderExcluir
  108. Pai Fernando
    Porque No Terreiro tem ogans que Toda a gira estao incorporando ?
    Lucas.

    ResponderExcluir
  109. Pai Fernando, uma dúvida sobre sonhos: até que ponto nossos sonhos são "verdade"? Pergunto porque eu sinto como se tudo o que sonho fosse verdade. Alguns não tem nem pé nem cabeça, são imagens que vejo, somente. Agora, utltimamente, estou tendo sempre o mesmo sonho, mas como se fosse uma rotina diferente a cada noite!!! rs.
    O mais engraçado é o local: um necrotério! Muito estranho o sonho, mas eu não me assusto e não estou sozinha!
    Como se eu conhecesse o lugar, como se estaria ali toda noite com alguém.
    Já são 4 noites seguidas e nesta ultima tive a impressão de ser uma pomba gira comigo, porque eu incorporava e gargalhava...
    Mas eu conheço o local, as pessoas e nada me assusta! Muita estranho.
    Meus outros sonhos, são só imagens, vejo uma tribo dançando envolta da fogueira, vejo a minha pomba gira na rua, mas só estas imagens e pronto não há historias!
    Até que ponto pai estes sonhos não são sonhos na verdade?
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  110. Anonimo, que quer saber sobre um sonho, favor dar o nome. É regra não responder para anonimos. FMG

    ResponderExcluir
  111. Pai Fernando,
    o senhor poderia sugerir livros de umbanda.
    Quais seus autores preferidos,quando precisa o senhor pesquisa em alguma obra?
    Obrigada,e um grande abraço.(sou sua fã)

    ResponderExcluir
  112. Mucuiu Painho!
    Sonhos...Tenho um intrigante:
    Um inseto gigante que sentia carinho por mim e eu apesar de entender que ele me queria bem, tinha uma certa aversao. Na verdade esta especie de libelula tinha o dorso lindo e a parte da barriga cheia de espinhos pretos.
    Meus cachorros estavam junto e em posiçao de alerta, mas nao estavam agitados.
    Estava no interior, na casa do meu avô...por vezes na sala e as vezes na porta da rua. Tem bastante tempo que nao vou la e senti saudades. Quando acordei pensei em meu avô. Ja tem oito anos que ele partiu.

    Foi um sonho tao forte que nao consigo esquecê-lo.
    Fiquei pensando se era bobagem postar este texto sobre meu sonho e pedir que me ajudassem a interpreta-lo...resolvi enviar!
    Sarava!

    ResponderExcluir
  113. Painho Mucuiu,
    Estava me lembrando da minha primeira vez no TPM...
    Fui la para me curar da tristeza, da depressao.
    E você mandou chamar os Baianos no final da gira!
    Foi uma festa!!! Vixe Maria, eu adorei! Entao, de repente, estava eu la dançando um samba no meio do terreiro! Mas nao incorporada, de cara limpa,la dançando!!!!
    Havia anos que nao soltava a minha alegria sem sentir culpa ou medo. Foi um marco. Minha historia de vida tem mudado o curso dai em diante.
    Legal lembrar disto!
    Te amo!!!

    ResponderExcluir
  114. Pai Fernando, surgiu uma dúvida. Quando joga-se Obi sabe-se o orixá do médiun (por favor me corrija), no entanto o Pai de cabeça pode ser (ou é) diferente deste?? Quem é o Pai de cabeça, uma entidade??

    Abraço

    ResponderExcluir
  115. Silvinha, os sonhos são muito dificeis de serem avaliados se são saidas do corpo,mistura do inconsciente ou puramente um sonho. Antes de qualquer fato deve ser analisado se a pessoa não estgá mal posicionada na cama ou falta ou excesso de cobertas. São razões para fazer a pessoa ter pesadelos. Usar a intuição também pode tirar a duvida. Analisar com bastante cuidado para não se deixar enganar ou impressionar. FMG

    ResponderExcluir
  116. Mucuiu pai fernando.
    Olá a todos.
    Ontem na gira me surgiu uma duvida. Conheci a linha dos panteras no TPM. entáo me desculpe minha falta de noçáo a respeito desta falange.
    Náo senti nenhuma vibraçáo para incorporar, mas Senti uma energia muito forte na hora em que foram chamados, e realmente é muito bonito ver eles trabalhando. Mas minha duvida é : sáo espiritos muito primitivos, por isso a maneira como se apresentam ? o caboclo da pantera se comunica e da consultas, ou só vibra ?
    Eu tambem gostaria de agradecer Muuuito ao senhor Tatá caveira, e máe Rita de oxum, por me proporcionarem uma alegria que náo tenho como descrever com palavras.
    Parabens ao Pai ronald pelo seu cruzamento. foi lindo.
    Saravá meu amado senhor Tata caveira.
    Saravá máe Rita de oxum.
    Saravá e muito obrigado padrinho.

    AXÉ.

    ResponderExcluir
  117. Alexandra, por questão de ética não faço indicação de livros. FMG

    ResponderExcluir
  118. A gente esquece das coisas porque quer né Pai Fernando?!Aqui perto de casa, a 5 minutos de carro, tem um parque ecológico com muita árvore e rio limpo e eu nem me lembro da existência dele...Vou lá fazer o que o senhor orientou.A gente não deviaa se esquecer das soluções simples... Vou ficar mais atenta de agora em diante com essa informação que o senhor me passou. Muito obrigada mesmo meu pai!!!

    ResponderExcluir
  119. JOÃO EMERSON DA COSTA28 de julho de 2009 12:36

    ...EXPERIÊNCIA COM SONHOS...SILVINHA...MINHA EXPERIÊNCIA É QUE QUANDO SONHO E NO DECORRER DO DIA ACONTECEM COISAS RELACIONADAS COM ELE,E VIA ACABANDO O DIA E UMA ANGUSTIA ME CONSOME...SEI QUE É MENSAGEM OU CONFIRMAÇÃO DE ALGO.PAI FERNANDO,MÃE JÔ,MÃE LUCÍLIA,PAI JUSSARO,PAI BECO...JÁ CONHECEM BEM MEUS DEVANEIOS...APRENDI TB QUE OS MEUS SONHOS SÃO APRENDIZADO,SEMPRE HÁ UMA DICA,UM ENSINAMENTO...UMA VEZ DONA YEDA ME DISSE APÓS EU CONTAR UM SONHO:" JOÃO VAI SONHAR COM BORBOLETAS ,JARDINS...E DESTE ENTÃO AS PAISAGENS DOS SONHOS MUDARAM...DE CEMITERIO...NECROTÉRIOS DE EXÚS PARA JARDINS CAMPOS PRAIAS E CACHOEIRAS...NUNCA LEMBRO DE UM SONHO QUE EU TENHA ENFRENTADO DEMONIOS E MOSNTROS...DESDE CEDO TIVE QUE ENFRENTÁ-LOS NA REALIDADE,DE TANTOS MEU MAIOR PESADELO VIVI ACORDADO...E GRAÇAS A SEO AKUAN,SEO AREIA BRANCA E TODAS AS ENTIDADES MARAVILHOSAS DO TERREIRO DO PAI MANECO...HOJE POSSO SONHAR,ACORDAR E VIVER...SARAVÁ OS" VINTE E TANTOS ANOS DE UMBANDA DO PAI FERNANDO,OS CINQUENTA E TANTOS ANOS DE VIDA ESPÍRITA ,DO PAI FERNANDO...E SARAVÁ A ETERNIDADE DO SEO AKUAN...

    ResponderExcluir
  120. Aline, não tem essa de achar que não deve postar. Vai para todo o pessoal do blog opinar. FMG

    ResponderExcluir
  121. Paulo,vc é Oxóssi, o teu Orixá Cósmico. Teu pai de cabeça é o espirito de um índio da linha de Oxossi. FMG

    ResponderExcluir
  122. Kiko, se eles dão consulta eu não sei, é questão de experimentar, mas conversando com eles são simplente maravilhosos. Já existe uma postagem sobre eles. Veja alguns comentários atrás. FMG

    ResponderExcluir
  123. Pai Béco de Oxossi28 de julho de 2009 14:21

    Mucuiú, Pai Fernando!
    Vou dar um depoimento so bre "Ogan" para que o pessoal do blog fique sabendo. Quando voce foi montar sua corrente, após ter saido do terreiro do pai Ferro, apresentou-se, somente o Carlinhos para te acompanhar como Ogan. Diante desta circunstância, eu que não queria ouvir falar em espiritismo, mas como teu irmão de carne e que gosto de batucada, para te dar uma força, achei por bem ser Ogan. Hoje estou cruzado Pai de Santo. Acho que o Mundo Astral usa de diversoas formas para nos encaminhar. Penso que os fins justificaram os meios. Axé.
    Pai Béco de Oxossi.

    ResponderExcluir
  124. Quem perguntou sobre incorporações de ogans, está aí o depoimento de um ogam hoje pai de santo. FMG

    ResponderExcluir
  125. Fui eu! Obrigada pai Beco.
    Axé.

    ResponderExcluir
  126. Edgar... o depoimento do Pai Beco já merece ser anotado para o livro. É um gancho muito bonito para se contar a história de um Pai de Santo como ele. Quem diria que o começo do Pai Beco na Umbanda foi assim! Muito bonita a história e melhor ainda conhecê-la por aqui!

    ResponderExcluir
  127. Pai Fernando boa tarde.
    Estou um pouco alienada esses dias e acabei me olvidando do cruzamento do Ronald.

    Desejo a vc Pai Ronald. Que sua caminhada seja de muitas vitórias e aprendizados.
    Apartir de hoje um novo mundo se abrirá...Novas respondabilidades, novas lutas, novas alegrias e novos desafios.
    Que Oxalá possa lhe fornecer bastante ferramentas espirituais para essa nova jornada.
    Parabéns e estamos juntos aqui! Em nome da Umbanda, da caridade e do Terreiro Pai Maneco.
    Saravá.

    ResponderExcluir
  128. Juca

    Precisando de ajuda, conte comigo.
    Acharia a experiência maravilhosa.

    Daniela

    ResponderExcluir
  129. Pai Fernando, mucuiú.

    O tema dos sonhos é interessante. Eu sempre sonhei, geralmente sonhos ruins, quando criança sonhava com o desencarne de pessoas próximas que ocorriam na realidade. Acho que pedi tanto para parar de sonhar que por alguns anos eu consegui ( ao menos não recordar-me deles pela manhã ). Desde o ano passado voltei a sonhar, mas acho que meu pedido é tão forte que lembro de fragmentos mas não na totalidade. E continuam ruins...
    Minha pergunta é: ref. a Umbanda geralmente "vejo" muitas coisas acordada. No sentido de estar parada, com a mente limpa e vem imagens a minha mente, o que achava serem devaneios, mas que se concretizam ( pontos riscados, eu trabalhando com determinada entidade, etc... Questionei os guias com que trabalho ( digo os pq não sei exatamente quem me respondeu, acredito ser meu pai de cabeça ) e a resposta que recebi é que como não aceito sonhos como forma de comunicação, o que recebo são VISUALIZAÇÕES. Esse foi o nome dado...rs...
    É possível?
    São plenamente coerentes e se tornam realidade, se não exatamente o mesmo, o conteúdo.
    Essa é a pergunta..rs..

    Obrigada - Daniela

    ResponderExcluir
  130. JOÃO EMERSON DA COSTA28 de julho de 2009 17:50

    PAI BECO...ENTÃO ENQUANTO OGAN O SENHOR NÃO INCORPORAVA....É ISSO? OU OS ENHOR JÁ SENTIA VIBRAÇÃO...?

    ResponderExcluir
  131. Ronald, Mauro e Luna. Domingo estaremos juntos em gira simbolica de inauguração de um novo terreiro. Nunca fui paciente, mas tenho que recomendar essa grande virtude para vcs., porque só a paciencia e a determinação podem fazer realizações de vulto. Em vcs três está firmado o começo de uma nova casa espiritual que levará a chancela do Terreiro do Pai Maneco. Tenho certeza que vcs saberão conduzi-la de uma forma correta e firme. Muita gente vai estar aí junto conosco, só para dar uma idéia além das mães de santo Lucilia de Iemanjá e Rita de Oxum, irão também os pais e santo Beco de Oxossi, Leo de Oxossi, Jussaro de Ogum e os pais pequeno Lolo de Ogum e e vários capitães de terreiro e médiuns do Pai Maneco. Não sei ainda como vai ser a gira porque o Caboclo Akuan sempre modifica tudo que preparo. Em todo caso, na minha pauta teremos a gira dividida em duas partes, a da Umbanda e da Quimbanda. Atélá e muito axé para vcs três. FMG

    ResponderExcluir
  132. Daniela, faz tempo que recomendo que todos desenvolvam a mediunidade da intuição. Isso é que acontece com vc. No momento que vc tratar isso com naturalidade as visões e pensamentos serão bem mais autenticos e bonitos. FMG

    ResponderExcluir
  133. Pai Béco de Oxossi disse...
    Mucuiú, Pai Fernando! Eu Havia me manifestado sobre o que penso do futuro da Umbanda, mas acho que não consegui postar, pois não achei o comentário que fíz. Volto ao assunto. Não foi coincidência Zambi ter aquinhoado o nosso país com exuberante natureza. Não foi cincidência a Umbanda ter sido criada no Brasil. Esta nossa Umbanda é a religião que melhor manipula as energias naturais. É Ela que nos da as forças e o equilíbrio para a nossa evolução espiritual. Porisso, as entidades que trabalham comigo, não cansam de dizer: " O brasil, através da Umbanda, vai ensinar espiritualidade para o mundo. Até que isto aconteça, vamos fazer a nossa parte da forma que aprendemos no TPM. Axé! Pai Béco de Oxossi.

    28 de Julho de 2009 15:16

    ResponderExcluir
  134. Pai Béco de Oxossi28 de julho de 2009 18:34

    João!
    Fiquei uns dez anos sem nenhuma incorporação. E ainda tenho dúvidas eh!,eh!. Não sinto e nem nunca senti vibração. Sinto intuição das entidades e faço pegar no tranco,eh!,eH. O seu Pena Branca diz as pessoas, que ele fala atravessado para eu saber que não sou eu que estou falando. Eu sei que não vem de mim a conversa, porque eu nunca sei onde ela vai parar,
    e sempre dá certo. Comecei como Ogan, fui Capitão, Pai Pequeno e Pai de Santo. Sòmente comecei a incorporar depois de cruzado Pai de Santo. Vai daí, jovens, que não se incomodem de achar que é da cabeça de vcs. que vem as inspirações. Axé!
    Pai Béco de Oxossi

    ResponderExcluir
  135. Em 07/08.2006 foi registrado este diálogo entre os Boiadeiros. Faltam pedaços mas parece que alí que resolveram a participação das boiadeiras (mulheres) no plano astral.Se não me engano estava a entidade da Rita, do Renato, da Alice e o S.Pedro Mineiro, além do Fernando desincorporado. No mínimo um registro...
    Trova entre Boiadeiros...

    -Boiadeira tem?
    -Poucas mais tem...
    -Mulher de Boiadeiro é o que?
    -Doméstica.rsrsr
    -O amor esta em casa, sem ele nóis não vive.Mulher de Boeiadeiro é mãe.Muié que não tem vaidade é mulher feia.
    -Vamo diferenciar uma coisa...boiadeiro é boiadeiro, mãe é mãe, muié é muié.
    -A muié de boiadeiro trabalha nas vibrações mas se estamos pensando em processo reencarnatório a muié de boiadeiro que quer trabalhar na Umbanda vai ser bem vinda.
    -Você esta sendo machista e preconceituoso disse o pai Fernando, a Umbanda esta aberta para todos os espíritos desencarnados.
    -Depois que eu passei para o lado de cá, estou mais tolerante. Se eu trabalho com um cavalo(bicho)imagina se não vou trabalhar com muié..
    -A minha mãe nunca foi na lida comigo.
    -Você esta falando que mãe não sabe trabalhar?
    -Eu sou Zeferino, sou do laço, da lida. E na próxima, vou chamar minha mãe para ajudar.
    Boiadeiro sem a Boiadeira não é ninguém, fica sem força.

    -Melhor eu vir agora..para falar oque eu falei. Machara eu não vou embora pois agora eu firmei.(Baiana)
    -Tamos todos trabalhando mas o importante é o amor,ficamos todos aqui trabalhando com calor.
    -Você é baiana e o teu negóocio é Capoeira, quero ver se é boa mesmo num cavalo, na pedreira.
    -Caboclo Boiadeiro que é da banda de Oxóssi faz chover que é para ver a baiana derrapar de vez.
    -Muié Boiadeira é sabida e parideira, quando chega na Umbanda sai de perto que é quebradeira.
    -Nem todo boiadeiro precisa de uma chibata para derrubar um boi. Basta uma olhada.
    Não contrariem as mulheres. Boiadeira não é só mulher casada.


    ________________________________________

    ResponderExcluir
  136. O Pai Beco fala suas experiencias aos médiuns que têm duvidas das suas incorporações. FMG

    ResponderExcluir
  137. Denise, recusei tua postagem, mas fica explicado que não paga duas vezes. FMG

    ResponderExcluir
  138. Lucilia, achei muito legal a história dos boiadeiros e suas mulher e publiquei. FMG

    ResponderExcluir
  139. Pai Fernando, Obrigadinha!! :o))

    Minha mãe tem feito um tratamento para melhora das dores dela todo sábado lá no terreiro, eu a levo e fico ali na assistência cantando e participando ali de fora... mas não passo mal. Tem umas duas semanas um rapaz me perguntou assim "Como vc está tão bem se eu tô vendo teu caboclo aí do teu lado? Não tá sentindo vibração?". E eu não soube explicar, apenas repeti uma coisa q o caboclo de Ogum q tem trbalhado comigo já falou algumas vezes que foi assim "O dia de trabalhar é na segunda feira, hj é dia de visitar então não tem q vibrar". Mas acabei ficando curiosa com relação a isso. O caminho é por aí mesmo???

    Beijinhos carinhosos, Dê

    ResponderExcluir
  140. Ufa! É para eu ficar mais tranquila ou mais nervosa???
    Realmente será uma alegria ter todos vcs aqui. TODOS!
    E olha pai Fernando,não me recordo de estar tão nervosa para um começo de trabalho espiritual. Nunca mesmo! Nem quando alguém me pedia socorro na madrugada para afastar alguém em estado obsessivo incorporado.
    Dessa vêz a dor na barriga já começou...Desejo que tudo corra bem. Porque estou bem nervosa mesmo. Anciosa não! Mas nervosa.
    Axé.

    ResponderExcluir
  141. Salve Pai Fernando,

    Ainda estou sem palavras para dizer algo. Talvez consiga dizer depois que a gira terminar. Por hora, a ansiedade e a emoção( acho que,natural nessa situação )nao me permitam.

    Mas estou firme para seguir tudo que for determinado.

    Saravá, até domingo !!!

    ResponderExcluir
  142. Estou lendo as palavras da Luna e rindo sozinha...
    Esta sem duvida e a minha irmanzinha!!!!
    Forte, positiva, nervosa diante da perspectiva do encontro (reencontro), porem acima de tudo com seu amor pela umbanda a flor da pele!
    Da-lhe irma! E so o comeco de muitas alegrias e vitorias.
    Estarei daqui, com o coracao no Rio.
    Pai, Mauro, Pai Ronald (legal chama-lo assim!!!!),Lu e todos irmaos de corrente, um saravazao baiano com todo meu carinho e respeito!
    Umbanda in Rio...show de corrente do Pai Maneco!
    Que orgulho de fazer parte de voces! Muito obrigada.
    Aline

    ResponderExcluir
  143. Parabens Ronald foi uma bela cerimonia.
    muito axe.
    abr
    Sidney

    ResponderExcluir
  144. (Afrânio)

    Querido Pai Fernando,

    Mucuiú!

    Os "sintomas" antes da incorporação variam de médium pra médium, ou, por exemplo, quando um caboclo vai incorporar a pessoa vai sentindo umas "certas características" comum?

    Abraço Paizinho!

    ResponderExcluir
  145. (Afrânio)

    Pai Fernando, Mucuiú!

    Quando eu tive aí em março, numa gira de ciganos, ao qual também se chamou a Linha do Oriente, eu dei uma concentrada e ao abrir os olhos após a vibração, percebi a presença de uma bola tamanho médio do meu lado direito à altura dos olhos, mas toda vez que eu virava bem rápido pra vê-la melhor ai ela sumia, num via mais... durante todo perído que estive aí essa luz formato de bola amarela de vez em quando sem eu nem pensar surgia do lado, isso mesmo na casa do João onde eu tava, não necessariamente nas giras; quando voltei aqui pro Ceará a bolinha sumiu.... rs
    Seria uma entidade que me acompanhou ou uma energia? e issofoi mais especificamente na hora da vibração do Oriente. Fiquei curioso.

    Abraço Paizinho querido!

    ResponderExcluir
  146. Mucuiú, Pai Fernando:

    "...Ogan escolheu ser Ogan e não pode incorporar, exceto às vezes para matar a vontade..."
    Eis, aí, algo que tenho vontade/curiosidade, mas tremo de medo (coisa de ogan que NUNCA incorporou).
    Há um mês, mais ou menos, o caboclo do Henrique [Karam] disse que eu deveria ir ao meio para [tentar] incorporar e/ou sentir vibração.
    A pergunta que não quer calar: tem como incorporar "só p´ra ver como é"? (Obviamente penso na questão vibracional envolvida, mas... a curiosidade é tãããão grande).

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  147. Bom dia Pai Fernando. Bom dia a todos!
    O sol voltou a brilhar!!!
    Pai Fernando. Quero muito agradecer esse espaço por estar aprendendo mais sobre tudo e tbám por fazer novos amigos...
    Quero agradecer o João, a Fernanda, a Georgina, a Miriam, a Lisangela, a Denise. A todos! Pessoas que ainda não conheço pessoalmente e estão mandando sempre força para mim, no blog e no Orkut.
    Muito obrigada a todos!
    Em setembro estarei ai para conhecer todos. E a Andrea tbém que deu uma sunida no blog.
    Axé a todos!

    ResponderExcluir
  148. Ah outra coisa. Esqueci de perguntar ao Mauro...O que é samba pai Fernando???
    Bjs

    ResponderExcluir
  149. Olá Pai e pessoal do blog!
    Pois é sonhos acabam intrigando bastante a gente neh! Eu costumo dizer que não sonho, eu aprendo quando durmo!
    Esta noite foi de total aprendizado e senti isso, ouvia uma voz a noite toda, mas não me recordo de nada, não sei de nada, mas acordei sabendo que aprendi muito e tenho a certeza disso!
    Sempre sonhei muitas coisas de pequena, via as coisas antes de acontecerem...
    Acho que como o Pai Fernando disse é bem complicado dizer o que são os sonhos!
    Cada um sabe, lah no fundo do que se trata e hoje eu aprendi e tenho a certeza de que pertence somente á cada um de nós!
    É aprendizado, experiência, são lições!
    Acredito que lah na frente saberemos bem do que se tratam!

    Abraços a todos e que Oxalá abençoes hoje e sempre!
    Silvinha

    ResponderExcluir
  150. Mauro, Luna e Ronald.
    Vai dar tudo certo no domingo.
    E um saravá especial p Vovó Maria Quitéria!
    bjao
    Sidney Oliveira

    ResponderExcluir
  151. Mukuiu Pai Fernando.

    Quanto a esta postagem da Lucilia sobre esta “prósa” dos Boiadeiros eu tive a felicidade de estar presente incorporada com seu Zé Tropeiro.
    Foi demais, Eles ali sentados em roda, pitando seus palheiros e falando sobre sua lida, sobre a família...como as mulheres eram importantes no trabalho que eles executavam.
    Lembro-me do seu Zé Tropeiro ter comentado que os Boiadeiros passavam meses fora de casa, e nesse ínterim o homem da casa era a mulher, que ficava sozinha com a responsabilidade de cuidar da casa, da terra, dos filhos, dos animais, etc.. Portanto elas eram Boiadeiras sim.
    E como Ele disse: Muié Boiadeira é sabida é parideira, quando chega na Umbanda sai de perto ... é quebradeira rsrsrs

    Saravá todos os Boiadeiros e Boiadeiras da Umbanda!

    Axé!

    ResponderExcluir
  152. Paulo Máximo,preciso levar um papo com o Caboclo que incorpora no Henrique. Ogan é assunto meu. FMG

    ResponderExcluir
  153. Luna, a Andréa teve um problema com o computador e por isso não está postando. FMG

    ResponderExcluir
  154. Luna, samba chama-se à pessoa que tem a responsabilidade de dar o tom iniciar o canto dos pontos. FMG

    ResponderExcluir
  155. Oh amigo Sidney. Muito obrigada.
    Pode deixar que seu axé chegará!

    Ah pai Fernando , meu primeiro pai de Santo estará lá. O convidei, pois tudo que faço ele está presente. E acho que vou até desmaiar quando ver vcs dois juntos...eta!
    Já estou aqui em frangalhos...Imagina no dia!
    Será uma grande alegria, felicidade ver vcs dois na primeira gira do Pai Maneco aqui no Rio. A primeira pessoa que confio dentro da espiritualidade e a segunda juntas! Nossa!!!
    Abços.

    ResponderExcluir
  156. Oh, pai Fernando me desculpe falar que estou nervosa e coisa e tal. Mas é porque sou bem transparente e não tenho vergonha de mostrar o meu lado humano. E tbém para ter uma descontração comigo mesma.
    Isso porque é muita alegria, saber que vou fazer parte de uma corrente que prega uma Umbanda tão séria e íntegra.
    Por isso esse minha gratidão ao senhor, a Mãe Lucília, a Lilian, ao Pai Léo, a Aline...Pessoas que me receberam lá atrás e que hoje fazem parte da minha familia.
    Pessoas que me apoiaram, me ajudaram, me ensinaram e que enxugaram minhas lágrimas e vibraram com minhas conquistas.
    Acho que é só isso... :)
    Saravá.

    ResponderExcluir
  157. olá pai Fernando estou precisando de um conselho urgente de uma pessoa culta e inteligente como o senhor,frequento um barração de umbanda a 2 anos,coloco roupa bato cabeça,ajudo em muitas coisas no barração sou muito amiga da minha mãe de santo,gosto muito das entidades sou amiga de todos mais estou com muito medo porque disseram que vão abrir cura em todos da casa não quero me complometar mais do que já estou,coloquei roupa por pressão de algumas pessoas me precipitei estou com medo de sair de lá e ser ponida pelas entidades por favor me ajuda a descobrir uma sainda um forte abraço josiane;;

    ResponderExcluir
  158. Gabriel, se entendi é que vão fazer trabalhos de cura no terreiro. Se for isso não precisa ter medo, mas também se quiser sair no terreiro é um direito teu e ninguhém vai te punir por isso. O uso do livre arbitrio é sagrado. FMG

    ResponderExcluir