Assine aqui para receber atualizações deste blog

quarta-feira, 10 de junho de 2009

MENSAGEM DOS BOIADEIROS


Olá meus amigos Fernando e Jussaro ,

Seu Fernando eis que somos presenteados com a saudosa presença dos nosso saudosos e companheiros boiadeiros, sou suspeito em falar por admirar muito essa linha de trabalho, mas de qualquer forma algo muito importante no “astral”esta acontecendo e dessa vez sou portador além das pinturas de uma mensagem para todos e uma para o senhor, como não me cabe julgar nada a passarei na integra para você meu amigo . abraço . Jimmy

Mensagem a todos:

Salve a todos os filhos dessa terra maravilhosa e saudosa que a todo momento nos traz muitas saudades e lembranças, onde vamos por vezes pegar um pouquinho do calor que temo somente em volta do brasero que fazemo nestes campos que aqui encontramo e esperamo as mandação que recebemo como lida e as cumprimo de bom coração. Somos povo de Deus, somo povo de Nossa Senhora, somos filhos de uma grande e iluminada sabedoria que coloca cada uma das coisinhas que imaginou em seu devido lugar, assim como nos colocou aqui e junto com ocês temo a chance de algo por um próximo fazê, temo a boa missão de ilumina uma picada que no escuro esta, temo a verdadeira graça de pegar no colo a criação de nosso pai e leva para próximo do candiero. Somo a parte que os incauto traz pra mãe protetora, e por ela ajoelhamo pela benção, proteção e compreensão que um dia tanto precisamo.
Ora por fim somo somente mais um povo que no tempo vivemo e nele aprendemo a entende mais sobre essa lavrura que é o viver, com ele o tempo acabemo por entende um pouco disso mais não somo dono da verdade, só bons filhos dela , e por ela ajudamo a esquenta até o mais frios corações e mais perdidas esperanças. Somo mensageiros da esperança e por ela descemo em suas reza, e das tuas rezas nos fazemo existi , somo então por hora filhos da misericórdia divina. Salve a tudo ocês.

Um boiadeiro.

(não coloquei as acentuações todas pode precisar ler mais de uma vez, mas assim o fiz para manter integras as respiradas na fala do espírito)

E para o Senhor seu Fernando:

Este mesmo boiadeiro junto aos muitos que estiveram comigo ( alguns ainda irão aparecer em pinturas ) conversando pediram para que eu passa-se para o senhor como se fosse um pedido, disseram que neste momento seria uma grande alegria existir uma oportunidade de existir uma grande cerimônia ( gira) de boiadeiros em nossa casa, uma que junta-se a todos, mas que não fosse uma festa e sim um momento de trabalho mesmo. Pediram que em todos os trabalhos cotidianos, fosse sendo guardado o nome e forma de contactar as pessoas que estão totalmente desenganadas, totalmente incautas da vida, ou como eles falaram , os causos desgostados, que estas pessoas fossem marcadas para serem atendidas nesse trabalho, as que das esperanças do homem já estão abandonadas.

Esta é a mensagem Pai Fernando, seguem as pintiuras do Sr. João Boiadeiro, da Mãe Boiadeira, e do Boiadeiro Braguinha.

Axé

Jimmy

13 comentários:

  1. Uau!

    Lágrimas nos olhos, coração palpitando...

    E então? Vamos organizar esse trabalho?

    E Salve o Povo Boiadeiro!!!

    ResponderExcluir
  2. Mucuiu Painho!
    Linda a mensagem do boiadeiro. Esse povo é muito especial! Tivemos mês retrasado uma gira de Boiadeiros em Floripa que foi diferente. Apenas Seo Venâncio veio trabalhar e ficou proseando conosco. Entre várias outras mensagens, nos disse que os boiadeiros foram em terra um povo que não almejou nada além de percorrer o mundo e ser feliz e que por isso eram na Umbanda uma linha neutra. Não tinham ganância, não tinham brigas e nem desavenças. Que para eles o que importava era a família. Saiam pra levar as boiadas e que o coração apertava enquanto não voltavam para casa. E, que por isso trabalham com os problemas familiares. Seu Venâncio é uma entidade maravilhosa, que em pouco mais de meia hora, pelo menos para mim, deu lições que valem para toda vida!
    Saravá toda essa linha maravilhosa!
    Fernanda Garcez

    ResponderExcluir
  3. Realmente eles querem trabalho!
    Não conheço uma incorporação de boiadeiro (a). Em breve conhecerei...Mas sinto que deve ser bem forte!
    Saravá a essa linha.

    ResponderExcluir
  4. Ai que lindo.. que lindo!!!! Boiadeiro foi a primeira entidade que incorporei... tive uma visão linda antes de acontecer, um lindo e verde campo....e alguém cavalgando... os cabelos brilhavam tanto, mas tanto que eu sequer me lembro se tinha sol... era alguém de chapéu marrom, camisa branca, lenço vermelho e cabelos lindamente pretos e brilhantes, cavalgando sob um campo verde, mas tão verde como eu só vi em uma viagem que fiz qdo era pequena para o RS.
    A Mãe Lucília me viu, eu estava me sentindo com um peso de boiada nas costas, e veio ao meu auxílio... depois senti uma alegria tão intensa, um desejo de ajudar àqueles que estavam ali...

    Vamos organizar? Se eu puder ajudar em alguma coisa, tô dentro... :o))

    Beijinhos, Dê

    ResponderExcluir
  5. Que linda mensagem Jimmy, li e reli trocentas vezes!

    ...”Ora por fim somo somente mais um povo que no tempo vivemo e nele aprendemo a entende mais sobre essa lavrura que é o viver, com ele o tempo acabemo por entende um pouco disso mais não somo dono da verdade, só bons filhos dela”...

    É por isso que eu amo tanto essas entidades maravilhosas... tão simples e tão sabias.

    Saravá os Boiadeiros!

    ResponderExcluir
  6. suspeita pra dizer qualquer coisa: saravá os boiadeiros - que trazem a boa energia do amor, da liberdade e a força para desbravar novos caminhos!

    ResponderExcluir
  7. Sarava aos boiadeiros!
    Nossa Pai Fernando, como a espiritualidade encaminha tudo certinho! Vejo que meu sobrinho veio morar comigo na hora certa.
    Obrigada!
    Abraço fraterno

    ResponderExcluir
  8. Nossa!!!!!!!!! Que maravilha que é a linha dos BOIADEIROS!!!! Espero que essa gira aconteça mesmo, pois muita gente precisa dessa força, esperença, garra e luz que os boiadeiros nos ensinam.
    Eu também sou suspeito em falar deles, pois o boiadeiro que trabalho é o Sebatião Mineiro (Tião Mineiro) e nessa gira de terça, ela contou um pouco da sua vida na terra, dizendo que era um boidadeiro muito solitário e sem família, viveu somente na fazendinha dele plantando e colhendo pra comer. Disse também que é por isso que agora ele é um boiadeiro brincalhão, alegre e otimista, pois a solidão que sentia não sentirá jamais!! Ele agradeceu primeiramente ao Nosso Pai, a oportunidade de estar na Umbanda e poder ajudar os que precisam, fazendo com que essas pessoas resgatem a sua fé e a vontade de ir frente sempre!!! E como ele sempre diz: ÊEEEEEIIIIIITTTTTAAAAAAAA!!!!!!!!!
    Saravá Boiadeiros!!!!

    ResponderExcluir
  9. Ôpa! E então pessoal, Pai Fernando, dirigentes... Tem como fazer uma "super-gira", no barracão, com todos os Boiadeiros, para fazermos esse grande trabalho de encaminhamento e resgate das ovelhas desgarradas do grande rebanho, daquelas que

    "totalmente incautas da vida, ou como eles falaram , os causos desgostados, que estas pessoas fossem marcadas para serem atendidas nesse trabalho, as que das esperanças do homem já estão abandonadas".

    100% a favor de fazer o máximo para cumprir o pedido de nossos queridos Boiadeiros...

    Abraços.

    ResponderExcluir
  10. Hum... já que ninguém mais se anima, vou provocar - com todo respeito: cadê a empolgação com um trabalho coletivo de Boiadeiros, gente? E se fosse Exú, a reação seria morninha assim também?!
    É uma falange, pedindo que a gente se organize pra fazer um trabalho... Não é festa, eles mesmos disseram... Num tô entendendo o pq, afinal o pedido foi postado há quase uma semana...

    Da postagem original:
    "Este mesmo boiadeiro junto aos muitos que estiveram comigo ( alguns ainda irão aparecer em pinturas ) conversando pediram para que eu passa-se para o senhor como se fosse um pedido, disseram que neste momento seria uma grande alegria existir uma oportunidade de existir uma grande cerimônia ( gira) de boiadeiros em nossa casa, uma que junta-se a todos, mas que não fosse uma festa e sim um momento de trabalho mesmo"...

    Abraços... e vamos levar adiante, pessoal!

    ResponderExcluir
  11. eu estou só esperando meu pai de santo decidir qdo vai ser.;)
    eheheeh.

    ResponderExcluir
  12. Mucuiu Painho!!!!
    Estou quase voltando das ferias, para assim participar novamente deste blog...estou saudosa!
    Porem, mesmo sem muito tempo para escrever no momento, posso dizer que senti uma alegria imensa ao ler o recado enviado pelo Jimmy...
    Sera a minha oportunidade de conhecer esta linha da umbanda a qual nao tive ainda a alegria de participar da gira e a mais uma forma de estar mais perto do meu avô, que como ja lhe disse foi um boiadeiro quando jovem, antes de se casar com a minha avó e desbravou as matas destes, sertoes afora...
    Nossa, estou profundamente emocionada...gostaria de ser avisada com antecedencia para poder participar desta grande gira de todos os boiadeiros, pois certamente que irei. Nao importa a distancia ou as possiveis dificuldades...com certeza irei.
    Quero mais uma vez agradecer à generosidade do Jimmy, pois dividir estas mensagens é uma forma de trazer alegria e esperança a muitos coraçoes...inclusive ao meu neste momento!!!
    Sarava a todos!!!!
    Aline

    ResponderExcluir
  13. Me surgiu a seguinte dúvida, como funciona o calendário de giras no Terreiro Pai Maneco, dúvida de iniciante...(talvez mais alguém não saiba)!!??

    ResponderExcluir