Assine aqui para receber atualizações deste blog

terça-feira, 30 de junho de 2009

PROCURA-SE O DONO DESTE CÃO




Quem souber quem é o dono deste cão avisar a Flavia: 3357; 4267-8823; 9683-7699

20 comentários:

  1. Seria importante saber o local/dia em que foi achado e se é macho/femea. De todo modo colocarei no meu blog tb. Pela carinha ele quer ser achado bem rapido.
    abracos
    Sidney

    ResponderExcluir
  2. Sidney, vai lá: É um macho, deve ter no máximo 1 ano, pois é bem bobão e brincalhão, me
    parece ser um mestiço de pastor alemão, ele tem uma cara bem fofona, parece
    um urso, lindo!
    É súper dócil com outros cães, pessoas e acredito que com crianças tbm.
    Ele esta bem cuidado, pelagem bonita, dentição..


    O "URSO" estava passando ontem (17.06.09) por volta das 14:30 em frente a
    minha casa (Sta. Cândida, R. Cel. Wallace Scott Murray) perdidíssimo e sem
    rumo, arrastando uma corrente de fero (aparece em uma das fotos) eu e meu
    marido o chamamos para ver se havia plaquinha com telefone, mas infelizmente
    não.

    ResponderExcluir
  3. Seo Fernando e Flavia
    Coloquei no blog que tenho c Desi e encaminhei p outros 2 blogs. Vamos torcer. O urso merece!
    abracos
    Sidney

    ResponderExcluir
  4. Pai Fernando, parece incrível mas, acessei o blog para lhe fazer uma pergunta justamente sobre CACHORRO !!!!! Fiquei de cara ao ver a foto de um que ainda por cima é mestiço de pastor alemão, minha raça preferida.Terá sido mera coincidência ?! Sei não..
    Bom. É o seguinte: tenho 3 cães pastores , 2 alemães e um mestiço de alemão com belga.São maravilhosos e eu sou do tipo babona, daquelas que são capazes de ficar sem comer para dar comida ao cachorro. Minha ex-psicóloga disse que eu tenho excesso de compaixão por animais. E se o caso for cachorro então, perco o sono e fico deprimida se vejo sofrendo.Mas vamos ao que interessa. A minha fêmea de uma noite para o dia( de anteontem pra ontem) amanheceu apática, sem forças e tremendo. Levamos imediatamnete ao veterinário que não diagnosticou NADA.Continuamos fazendo exames mas estou desconfiada. É VERDADE QUE NOSSOS ANIMAIS PODEM ABSORVER ALGUMA COISA RUIM ( MAGIA, FATALIDADE...) DESTINADA A NÓS? De qualquer forma levamos ela a uma benzedeira que a benzeu com uma simplicidade comovente.Ah! E coloquei um copo com água , arruda e uma imagem de São Lázaro na casinha dela. Fui colocando o que me deu na telha...Fico aguardamdo um comentário seu.Sinto não poder ajudar com o urso estando em Belo Horizonte. Vou rezar pra que ele fique bem.
    Obrigadíssima!

    ResponderExcluir
  5. Miriam, diga para a tua psicóloga não dar palpites no relacionamento homem e cães. Às vezes acontece isso de uma atração de energia negativa, mas acredito que seu cão tem uma doença que ainda não se manifestou. Fale com o veterinário e não deixe ele em paz. Não tem essa de NADA, alguma coisa tem e ele que descubra. Tomara que não seja nada. FMG

    ResponderExcluir
  6. Pois é Pai Fernando, na verdade eu quero muito resolver esse meu "problema" com cachorro.A minha terapeuta tinha receio de eu me perder , sair da realidade, perder a noção. E as vezes essa compaixão chega a parecer um fardo...Vou fazer que nem a Luna e perguntar sem medo de levar um fora:esse meu sentimento extremado para com os animais teria a ver com o fato de eu ser filha de Oxossi e com a mediunudade (enquanto uma sensibilidade maior)? E é verdade que os Exus usam cães como parceiros de trabalho?
    Quando saírem os resultados do exame que a Helena ( minha cadela)está fazendo , conto para o senhor.
    Um abração

    ResponderExcluir
  7. Gente de Deus, quando o assunto é cachorro eu quero ficar falando , falando, falando......Vou tentar me controlar.

    ResponderExcluir
  8. Mirian

    Ha terapeutas e terapeutas...
    Ha otimos profissionais em BH
    Se for util, ha informacoes importantes no sites dos conselhos regionais ou federal de psicologia
    Os cachorros de fato sao especiais
    Alias, a relacao com animais e com a natureza se realizada com equilibrio é saudavel e importante para ambos.

    abracos
    Sidney

    ResponderExcluir
  9. É isso Sidney! O que eu preciso é achar este equilíbrio.Achei interessante sua afirmativa de que cachorros são mesmo especiais.Vai ver eu nem tenho esse desequilíbrio que penso...Já percebi que quando um "cachorreiro" encontra outro surge imediatamente uma energia boa no ar, uma interação difícil de explicar! Tô louca pra saber o que Pai Fernando vai dizer das 2 preguntas que fiz!..
    Um grande abraço Sidney

    ResponderExcluir
  10. Pai Fernando , queria compartilhar com o pessoal a experiência com a benzedeira.
    Foi assim:passsei por acaso na porta dela e me deu de perguntar se ela benzia animais. Ela perguntou que animal era e só ficou preocupada se a cadela mordia... Aproximou-se do carro ( estávamos a caminho do veterinário )e eu fiquei encantada com a cena: através do vidro meio aberto ela fazia gestos discretos com as mãozinhas enquanto pronunciava palavras inaudíveis com uma expressão de pureza no rosto que me comoveu!Ficamos em silêncio respeitando o rito.Após alguns segundos ela afirmou com uma certeza profunda e ao mesmo tempo com uma humildade cativante:"ela vai ficar boa. Se daqui a 3 dias ela não melhorar, traga de novo".Eu fiquei sem saber o que dizer, como agradecer, e sinceramente me tranquilizei.
    Pois não é que a danadina da cadela já está melhorando!!! Hoje de manhã já fez festa pra mim e aceitou dar um pequeno passeio.
    Pois é Pai Fernando, se o senhor quizer tecer algumas considerações sobre essas personagens hoje tão raras que são as benzedeiras ,eu não iria achar ruim não....
    Abraços a todos!

    ResponderExcluir
  11. Miriam, que bom ter havido essa melhora. Pena que os cães não podem dizer o que sentem. Em outro espaço desse blog n´s falamos sobre benzedeiras, pessoas aliás que tenho maior carinho e inumeras provas de suas qualidades mediunicas. Só para vc saber, o Caboclo Akuan já fez vários atendimentos em animais, principalmente gatos. Eu estou pensando já faz tempo em abrir uma vez por mes um espaço para atendimento espiritual dos animais. FMG

    ResponderExcluir
  12. Pai Fernando, mucuiu !
    Nossa, seria maravilhoso se o senhor abrisse mesmo esse espaço para atendimento dos animais.Eu,assim como a Miriam também sou "cachorreira".Amo todos os bichos, mas principalmente os cachorros!
    Tenho 4 , todos adotados que catei na rua.
    E Parabéns por esse espaço no Blog , o Urso com certeza merece e agradece.
    Abraços

    ResponderExcluir
  13. Raul ja ta assanhado pra ir...

    Depois de participar do trab de praia e do trab de mata (onde foi comigo cercado por ciganos e ciganas para receber muitos axes)
    abracos
    Sidney Oliveira

    ResponderExcluir
  14. hehehehe
    Vc são engraçados..rsrs
    Pois é pena que as minhas morcegas ( raça ruim) não poderão ir.
    Uma é carente...E a outra temperamental...Aff!
    Que o Urso encontre seus donos.
    Axé.

    E isso porque já tive
    cachorros vários
    Papagaio
    escargô ( Elvis)
    Iguana
    Passaros
    Porquinhos
    Ratinhos
    Peixes
    Mas o meu sonho mesmo é ter cavalos, bois, porcos...tudo pra mim e sem comê-los...rsrsrs

    ResponderExcluir
  15. Eu acho SUPER legal o espaço para animais. No carnaval minha Melzinha parou de andar, passei 3 semanas indo com ela diariamente na clínica, depois de 3 semanas em tratamento, o vet achava que podia ser ruptura de ligamentos pq não conseguiam chegar a um diagnóstico, mesmo com Raio-X e exames que tinham feito.
    Daí eu pedi ao Pai Fernando para ficar na vibração pela minha Melzinha, que tinha ficado sem andar em casa, e ele autorizou... fiquei, pedi muito, me concentrei nela e só parei qdo acabou.
    Quando cheguei em casa, felizmente, encontrei minha Mel pulando... a vibração foi um passo para sua completa recuperação, que depois de algumas doses de remédio para articulação não teve mais nada. Nem dor.... e não precisou operar. O Vet ficou surpreso, pq caso de ruptura, mesmo que parcial, só com cirurgia... de qualquer forma, ela não precisou operar e está super bem, até hj.
    Miriam, eu tenho 4 cachorrinhas.... uma amiga psicóloga achava loucura também, minha madrinha, psicóloga, enche meu ouvidos... mas eu sempre respondi como o Pai Fernando lhe sugeriu. hehehe... Tem coisas q quem não gosta dos animais jamais conseguirá entender... perdem eles!!!! :o)

    Beijinhos carinhosos, Dê

    ResponderExcluir
  16. Que legal a idéia de um dia para os bichinhos!

    Adoro todos também, embora ainda não tenha tido jeito de ter um...

    Mas seria bem bonito e interessante ver os Caboclos e outras linhas cuidando dos animaizinhos... Sabemos como os donos ficam, qdo seus bichinhos amados estão dodóis...

    Luna: "sem comê-los" foi ótimo! Concordo.

    ResponderExcluir
  17. Só mesmo o TPM pra pensar em uma alternativa dessas heim Pai Fernando?!! Vocês saõ demais!!!

    ResponderExcluir
  18. Tb achei otima ideia e em casa todos curtiram...
    Qto a relacao homem e animais poderiamos falar horas sobre sua importancia para a vida, para a saude e para nosso desenvolvimento. Por isso, as vezes, a critica é absurda e infundada de quem nao consegue ver nos animais o que representam. Mas, outras vzes, ha algo que prejudica e/ou transborda e, nesse caso, a critica é adequada. De todo modo, respeita-los e ama-los significa tb estar atento a isso.
    abracos

    Sidney

    ResponderExcluir
  19. Mucuiú, Pai Fernando!
    Há tempos que aguardo um espaço em nossas giras para atendimento animal.
    Algumas vezes levei - comigo - nome de bicho para receber vibração de cura.
    Intuitivamente, eu sabia que um dia eles tb teriam atendimento específico no terreiro.
    Conhecendo cada vez mais sua linha de pensamento e conduta, tive certeza.
    E agora, sua confirmação.
    Que alegria!
    Saravá!!!
    Okê!

    ResponderExcluir
  20. Olá, acompanho a muito tempo o blog do meu avô de santo, pois sou filha da Mãe Ana de Oxum feita pelo Pai Fernando.
    Gostaria de encontrar um dono para um cãozinho, macho com mais ou menos 4 meses, muito brincalhao e adora crianças.
    Contato com Michelle 99259538.
    Axé

    ResponderExcluir